História Sol e Lua - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Mitologia Grega
Tags Hentai, Mistério, Romance
Visualizações 12
Palavras 1.216
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Luta, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Suspense, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Capítulo 15 - Tortura.


Fanfic / Fanfiction Sol e Lua - Capítulo 15 - Tortura.

~Lua~

Ao olhar aquelas lindas mensagens, uma lágrima escorreu.. 

-Por que ? por que justo comigo ? tantas meninas por ai.. por que logo eu ?. Dizia chorando com uma dor tão forte em meu peito, eu estava com medo do que poderia vir... Mas eu me lembrei de uma coisa que meu pai sempre disse para mim, que antes de morrer.. minha mãe jurou que eu seria uma menina forte, tão forte que impressionaria á todos... que eu tinha a força dela ! e é exatamente isso que eu tenho.

Respirei fundo, lavei o rosto, coloquei minha roupa e fui até Humbet

-Humbet, me leve até o hotel.

-Sim senhora.

A cidade passava pelo vidro e o vento batia em meu rosto, meus cabelos estavam soltos e se balançavam entre o vento. Eu estava com receio de chegar até o hotel e ver como Gohan estava. 

Cheguei ao hotel e para minha surpresa, Gohan estava bem na porta com os seguranças em volta.

-G-gohan ?..

-Olá querida, como está ?

-B-bem.

-Que bom, estava com saudade. Vamos ? nosso avião já esta nos esperando.

-Aonde ?

-Para nossa casa na nova zelandia, infelizmente terei que assumir o controle das empresas ₩hite antes do previsto. 

-M-mas e a lua de mel ?

-Querida, sem perguntas ok ? nos temos horário. 

Chegou bem perto de mim, foi até meu ouvido e disse

-Não pense que estou legal assim, isto é apenas uma encenação para que não percebam meu ódio. Você está morta, Lunna.

-Acho tão lindo o amor e carinho de vocês. Disse Joana, a secretária de Gohan.

-O-obrigado.

-Vamos, querida. Disse Gohan.

Entrei no carro e fomos até o aeroporto e fomos a caminho da tão esperada "Mansão ₩hite" na Nova Zelândia.

Ficar horas e horas junto do Gohan agindo normalmente como se nada tivesse acontecido, foi uma tarefa horrivel para mim.

~Sol~

Então, sentiram minha falta ? kkkk

Depois daquele dia, daquela carta... a vida seguiu, seguiu mas com uma dor absurda. Eu não tinha mais noticias de Lunna, nem uma carta, um aviso de seguranças.. nada ! para mim ela havia me esquecido. 

Eu continuei a pintar, voltar para casa dormir, fazer comprar no dia seguinte pintar e assim vai... a mesma rotina chata de sempre ! eu sentia tanta falta da Lunna, do sorriso lindo dela, sentia mais falta se seu jeito do que de seu corpo. Falando em corpo.. Gohan já deve ter se aproveitado do corpo de Lunna, o ódio só se aumentava cada vez mais. Eu queria ter dinheiro para ir até a Nova Zelândia e socar o Gohan até a morte ! mas não.. como sempre eu era um pobre de merda !. 

Os dias passavam e eu fui perdendo minha vontade de viver, só ficava trancado em casa, não tinha fome, sono, alegria.... nada, eu estava apenas lá.. vivendo. Todos os dias eu acordava e olhava para a pintura que eu fiz de Lunna dormindo, ah minha Lua.... como eu sinto sua falta.

~Lua~

Pousamos em Nova zelândia e eu estava morta de cansaço, para ser mais específica.. pousamos em Auckland ! a cidade que Gohan escolheu para morarmos... lá quase ninguém falava japonês então eu praticamente mudei de lingua, falava apenas o Inglês. 

Fomos até nossa mansão e quando chegamos em frente eu paralisei.. era imensa, mas grande mesmo.. maior que a minha casa e a casa do Gohan juntas. Havia portões negros polidos em volta da casa toda... um jardim imenso de cerejeiras, liríos, flores de melissa, rosas vermelhas e brancas.. a mansão em si era toda branca com pilares imensos e brancos com detalhes dourados, a casa tinha um sobrado imenso que rodava pela parte de cima da casa. 

Entramos nela e por dentro ela era moderna e preta, completamente preta... havia cinema, 2 salas de jantar, 30 lavabos, academia, sala de jogos, 40 quartos de hóspedes, sala de estar, nosso quarto, escritório, cozinha, piscina e por fim um jardim de fundo. Imensa não é ? 

-Gostou ?. Disse Gohan com uma voz grossa.

-É linda... mas não achou meio exagerado ? 40 quartos e 30 lavabos ? isso é praticamente um shopping.

-Somos bilionários... você é trilionária Lunna, nada para nós é exagerado. E outra... vamos receber muita gente importante nessa casa, ela tem que ser extremamente luxuosa. 

-Ok, Gohan. Acho que vou descansar... estou morta. 

-Hahahahaha... você é engraçada. Não pense que vai escapar de mim, ouviu ?

-D-do que está falando ?

-Boa noite, querida.

              *Dia seguinte*

~Lua~

Acordei com uma dor imensa na cabeça na parte de trás, com frio, fome e dor.. ao abrir meu olho me vi completamente nua, dor em minha intimidade e marcas de roxo pelo corpo... vi meus braços presos na parede, como se eu estivesse prestes a ser crucifícada....

Ouvi assovios vindo e abrindo a porta

-Mrs. White ?

-LUKE, LUKE POR FAVOR ME TIRE DAQUI !

-Oh.. anjinho... o Sr. White que pediu para que eu te deixasse ai...

-G-gohan... Gohan está fazendo isso comigo ?

-Pois é, você foi uma menininha levada fugindo do Sr. White... agora está pagando.

-P-por favor, Luke.. me tire daqui.. meu corpo está nú em sua frente, não se sente incomodado ?. Dizia chorando

-Incomodado ? eu ? com esse corpinho ? haha... jamais. Sabe Lunninha.... sempre achei seu corpo tão perfeito.. meu pau fica duro toda vez que te vejo. 

Ele foi chegando perto enquanto colocava a mão em seu pênis e passava a mão em meu corpo.. eu me debatia, chorava e gritava socorro com todas as minhas poucas forças. 

Ele foi deslizando sua mão até minha intimidade e colocou 2 dedos em mim... eu chorava e tentava chutar ele mas eu não conseguia.

-Por favor, socorro...

-Não adianta gritar, aqui é isolado de nova zelândia e ainda tem isolamento acústico.. ninguém jamais vai te escutar. 

Eu chorava e me debatia enquanto ele passava a mão em meu corpo, colocava seus dedos imundos dentro de mim. Eu estava tão fraca e que nem se quer enxergava direito.... 

-SEU MERDA, LARGA ELA 

-S-SENHOR WHITE ?

-EU DISSE PARA FICAR DE OLHO NELA E NÃO SE APROVEITAR, SEU DESGRAÇADO.

-Vi Gohan chegando com uma expressão de ódio, gritando e de repente sacando uma arma e atirando em Luke, ele jogou a arma no chão e Luke caiu morto.

-Vejo que já acordou, Lunninha. 

-G-Gohan, me tira daqui.. por favor..

-Tirar você dai ? hahahaha... ah Lunna, não me faça rir. Vou tirar você dai para que você corra para os braços da pessoa que você fodeu na noite retrasada.

-Gohan, por favor... eu não fodi com ninguém... o unico que fodeu com alguém fou você.

-O que ? Aaaaa claro.. com a Joana. 

-Joana, ainda por cima sua secretária.

-E dai ? a culpa é sua, voce fica fazendo essas graças de nao querer me dar.. eu preciso dar uma fodida com alguém né

-Que seja Gohan.. me tira daqui, eu prometo nunca mais fazer aquilo.

-Você vai ficar ai até quando eu quiser, ouviu ?

-Você disse que me ama, se me ama mesmo me tire daqui

-Mas também disse que quem ama educa, não é ?

-Mas Goha

-PARA DE FALAR, QUE INFERNO. CUSTA VOCÊ FAZER TUDO QUE EU MANDO, VOCÊ ESTÁ SE TORNANDO INSUPORTÁVEL. Disse gritando e me dando fortes tapas no rosto.

-Chega.. você vai ficar ai até aprender a se comportar como gente, ouviu ?.

-P-por.. f-favor...




Notas Finais


Pessoal, eu consegui postar o cap novo mais cedo do que sábado pois hoje não tenho aula. Espero que gostem, até o próximo ! ♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...