1. Spirit Fanfics >
  2. Solar

História Solar


Escrita por:


Fanfic / Fanfiction Solar
Sinopse:
Sakura era uma garotinha esperta e de espírito livre quando acompanhava Mr. Uchiha em passeios pelo Solar. Ele a conhecia desde o nascimento, ouvira os gritos da Sra. Haruno ao dar à luz em uma noite de tempestade. Agora estava de volta a Spring Castle, mas em vez de reencontrar a menina selvagem por quem sempre teve sentimentos fraternais, conheceu Miss Sakura, uma moça dócil e gentil.
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 6.984
Favoritos 278
Comentários 229
Listas de Leitura 102
Palavras 48.387
Concluído Não
Categorias Naruto
Personagens Fugaku Uchiha, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kizashi Haruno, Mebuki Haruno, Mikoto Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Personagens Originais, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Época, Romance, Sasusaku

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romântico / Shoujo, Universo Alternativo
Avisos: Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
Prólogo
16
828
1.664
 
2.
Capítulo I
25
807
3.873
 
3.
Capítulo II
20
754
4.701
 
4.
Capítulo III
20
719
4.060
 
5.
Capítulo IV
20
662
3.898
 
6.
Capítulo V
25
688
3.773
 
7.
Capítulo VI
26
684
6.333
 
8.
Capítulo VII
26
601
6.004
 
9.
Capítulo VIII
15
552
4.332
 
10.
Capítulo IX
23
493
4.370
 
11.
Capítulo X
13
196
5.379

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por Mira-a
Capítulo 8 - Capítulo VII
Usuário: Mira-a
Usuário
Eu creio não ter mais um coração; talvez, em algum momento, em meio aquela confissão, ele o tenha levado. Sempre foi dele. Para levá-lo. Para destrui-lo. Mas, apesar de ter sido o meu maior desejo, nunca achei que para ama-lo.
Não ter um coração dói. Em minha tolice já cheguei a pensar que estaria salva se não tivesse um. Que não sofreria, que se não houvesse em meu peito um coração capaz de amar e ser partido, nenhum martírio recairia sobre meu corpo e alma; tola. Como fui tola.
E como ele pode ser tão odioso: disse que ama-me!
E agora terei de aprender a viver com isso, com esse amor que não é mais apenas meu; a viver sem meu próprio coração e com toda a dor que isso me causa. A olhar em seus olhos cada vez que nos encontramos e resistir ao pecado que me faz querer caminhar até ele e roubar-lhe o coração.
Mas talvez eu já o tenha feito. Talvez seja isso que dói em meu peito. Não o meu coração. O coração dele.


Eu acho que é assim que a Sakura tá se sentido. 😭
Eu tô com tanta dó desses dois. E o Sai safado se esfregando com a Ino as escondidas. Tenho certeza. Nem pra alguém pegar eles.


Por favor, não demoraaaa 😫😫😫
Postado por therapppies
Capítulo 6 - Capítulo V
Usuário: therapppies
Usuário
que capítulo maravilhoso!

foi tão bem escrito, com tantas emoções e senti todas elas. os desejos do sasuke, esse amor reprimido, a felicidade da sakura em poder cavalgar novamente. lindo, lindo demais! o poema é belíssimo, e os dois recitando juntos foi perfeito. sua delicadeza em descrever as cenas é simplesmente incrível, sou apaixonada por cada vírgula. e senti a angústia do sasuke quando se deu conta dos sentimentos que a sakura causa nele, e a decisão em se afastar. gosto dessa racionalidade dele posta em xeque quando a sakura está por perto, e tô ansiosa demais pra ver como ele vai lidar com a própria decisão.

att maravilhosa <3
Postado por Gattara
Capítulo 6 - Capítulo V
Usuário: Gattara
Usuário
Essa história é sempre um baque na minha inteligência emocional. Hahahah
Mas aconteceu, enfim, Sasuke se deu conta dos desejos irrefreaveis do seu corpo e do seu coração também. E reagiu exatamente como eu imaginava: se distaciando com absoluta certeza de que só possui essa opção. Realmente, para manter essa honra tão necessária, essa é a única postura cabível.
No entanto, por enquanto ele só deseja não ceder a essa mulher selvagem. Isso porque até então ela é proibida, mas ainda está solteira. Mas quando Sai fizer seu movimento? Quando Sakura tiver sua vida prometida a outro? A honra ainda vai ser tão importante para o nosso Uchiha?
O fato é que ele está nos primeiros passos da paixão, ele nega e se afasta, mas isso dificilmente arrefece esses sentimentos tão arrebatadores. Espero que agora só seja ladeira a baixo para o moreno.
Agora Sakura viveu algo tão feliz nesse capítulo. Foi lindo perceber a alegria que ela sentiu em fazer algo que amava. Sem amarras, sem julgamentos. Só os desejos básicos que ela tem como ser humano. Sei que ela não pode mais ser completamente impetuosa, esses traços se foram quase completamente, como ela deixou claro nesse capítulo, mas se ao menos ela puder viver fazendo esses pequenos desejos já estarei muito feliz por ela. Imagino que ela não poderá ter isso com o Sai (ou talvez ele me surpreenda), nem com o pai e Sasuke é alguém muito inalcançável. Por isso, gostaria que ela tivesse sua própria força e voz, mesmo que eu saiba que é praticamente impossível levando em consideração o período em que se passa a narrativa. Mas sonhar ainda é de graça.
Estou tão ansiosa por esse baile. Eu amo bailes! Principalmente quero ver se essas promessas feitas no calor do momento vão ser seguidas e como os meus amados protagonistas vao interagir com os demais personagens.
Ai, estou muito animada! Por favor, você me cativou, não me deixe sofrendo de saudade dessa história por muito tempo! Hahahaha
Parabéns pelo capítulo, como sempre impecável e com esse poema se tornou arrebatador. Também adorei a imagem do capítulo, vou imaginar a Sakura assim agora.
Beijoooos e até! ♡♡♡
Postado por Mira-a
Capítulo 6 - Capítulo V
Usuário: Mira-a
Usuário
Perfeito.
Eu tô dando gritinhos até agora. Li igualmente a Sakura treinando os passos de dança no início. Andando no meio do quarto pra lá e para cá.
Deus! Por que vc, sua escrita e seus enredos têm que ser tão perfeitos assim?

Eu não sei se chego viva ao final da história. Eu quase morria com o Sasuke segurando ela, e eu já tinha lido um pedacinho, mesmo assim li de novo e de novo sem conseguir conter a felicidade. Melhor capítulo. Ou ñ. Dela criança ainda foi uma coisa linda r perfeita. Nem sei qual é o melhor. Tudo perfeito.

Sasuke safado e sofredor. Amo. ELE QUER UM ABRAÇO. E NÃO VAI PARAR ENQUANTO NÃO GANHAR ESSE ABRAÇO.

Então ele está se iludindo ai no final, dizendo que vai ficar longe e chamando ela de selvagem.

E a Sakura falando que não vai dançar com ele? Esse baile promete. Promete muiiiiiiito. ❤❤❤❤❤❤❤

Anisoa. Volta logo.

P.s. poema perfeito.

Bjokas pra melhor autora do ss ♡
Postado por Gattara
Capítulo 4 - Capítulo III
Usuário: Gattara
Usuário
Acho que estou emocionalmente devastada.
Esse capítulo demorou, mas trouxe tantos sentimentos que sinto que vivi duas vidas enquanto o lia.
Passei boa parte do capítulo deixando lágrimas rolarem. Eram discretas, tentei não me sentir tão tola por me emocionar em determinadas partes, porém é praticamente impossível com a situação do casal e o modo como as circunstâncias são apresentadas.
Adoro quando as protagonistas são evidentemente corajosas e impetuosas, com suas falas afrontosas e desmedidas. Sakura em sua infância prometia ser uma mulher assim, animada e de comentários espirituosos. Contudo, você a transformou em uma personagem muito mais profunda. Comecei a me emocionar quando a força da Sakura se tornou evidente aos poucos, sua prudência e resiliência são cativantes. Ela persiste mesmo sob as diversas imposições que aos poucos vão adoecente seu espirito.
E ainda que a personalidade intempestiva tenha sido domada, ela demonstra sua impetuosidade ao caminhar com roupas inadequadas para o clima, ao correr de um cavalheiro, ao mentir descaradamente para este. Essa dualidade é ainda mais apaixonante.
Geralmente a busca pelo amor é o sonho de todos, mas as atitudes de Sakura vão muito além desse ideal. Ela percebe sua realidade, seus sentimentos e as circunstâncias que a rodeiam de maneira objetiva. Mesmo que seja doloroso, ela aceita os fatos como o são e faz o melhor para si mesma com isso.
Ela ama um homem que está muito além de sua realidade e que aparentemente não lhe corresponde, que nem mesmo pode lhe destinar sentimentos amorosos. É isso. A plena felicidade não é para todos. Quando Sasuke colocou isso em palavras foi doloroso. Era a verdade da relação dos dois, quem poderia refutar isso?
Ainda assim, os avanços de Sasuke me deixam exultante e ao mesmo tempo irritada. Entendo que ele tente sempre se impedir de perceber Sakura como algo mais do que uma irmãzinha. Mas esse falso zelo fraterno me deixa putassa. É óbvio que seus sentimentos tendem para um lado impróprio, mas ele está sempre avançando e logo em seguida se recriminando e recuando. Com isso, como fica o coração da rosada? Que obrigada a mentir, continua sob as imposições desse sentimento, sem poder fugir e sendo plateia do noivado do homem que ama.
Admito que Sasuke se redimiu quanto presenteou as pinturas para Sakura. Foi gentil e tão amoroso que me enterneceu. Essa atitude deixa tão claro que somente ele a entende e a aceita, que torna a situação dos dois ainda mais triste.
Aliás, eu não consigo culpar os pais da Haruno, até agora não. Eles não poderiam ter outra atitude em relação ao Uchiha, por mais que o mesmo se mostre irritado pelo afastamento imposto, até mesmo ele evidenciou a situação impossível dos dois. Então como julgar os Haruno?
Agora eu julgo o Sasuke quando ele avançou sem delicadeza e questionou os sentimentos de Sakura em relação a ele. Foi desnecessário é invasivo. O que ele esperava? Que ela admitisse abertamente um sentimento falido? Que outra alternativa existia se não a mentira?
Acredito que quando se refere a Sakura, Sasuke não consegue se refrear, só continua avançando de maneira desmedida, até que seus princípios o parem abruptamente. Por isso, acho que ele perguntou sobre os sentimentos dela porque os proprios clamavam essa resposta, mesmo que ele ainda não esteja ciente disso. É aquela sinergia que os liga. Vai muito além das palavras.
Eu espero que Sasuke perceba o amor, que se torne egoísta e imparável por esse sentimento. Acho que só um amor fulminante pode fazer o mesmo quebrar uma promessa de noivado. Embora eu ache que ele deu a entender amar a Sakura antes de partir, então estava em dívida com ela muito antes desse noivado ser firmado. Só acho. Hahahahaha
Enfim, desculpa por fazer esse textão, não consigo me controlar. Amei cada parágrafo, obrigada por todos. Se possível, volte logo, por favooor! Hahahaha
Beijooos!
Ps: você me seguiu! Ahhhhhhh! Felicidade pro ano todo! Kkkkkk