História Sólo El Destino - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Ámbar Benson, Delfina, Gaston, Jazmin, Jim, Luna Valente, Matteo, Miguel, Monica, Nico, Nina, Pedro, Personagens Originais, Ramiro, Sharon, Simón, Yam
Tags Amizade, Gasteo, Gastina, Lumbar, Lutteo, Romance, Simbar, Sitteo
Visualizações 33
Palavras 889
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Como pediram irei continuar de onde parou, não sei quando irei postar novamente mais vou fazer o possível para ser rápido.

Fiquem com o capítulo de hoje

Capítulo 4 - Capítulo 4 - Luna


Quem sou eu? Também não sei. Não sei de onde sou, não sei quem são meus pais, e a única família que eu tenho é minha "tia" e minhas "primas" gêmeas ,- que não tem nada de iguais- que são 7 anos mais novas que eu, e são muito agitadas. A única coisa que sei é que meu nome é Luna, e que estou prestes a completar 18 anos. Eu não sou muito de me socializar com pessoas, alguns dizem que sou "nerd", somente por que estudei muito e consegui uma bolsa de estudo em uma das melhores escolas do mundo, aqui mesmo na Europa, o meu maior problema lá é que sou muito julgada por minha aparência e por estudar de mais- quando digo demais e muito mesmo-pois são poucos que conseguem uma bolsa aqui.

Consegui a minha com muito esforço, já tinha me decididoe não voltarei para casa nas férias de verão por um acidente que venho evitando acontecer.

~FLASH BACK ON~

" Era mais um dia comum que eu tentava me lembra do meu passado, desde o dia que Mônica me encontrou, venho tentando me lembrar o mínimo possível de alguma coisa que se refere a ele, mais não sai nada, é como se tivesse uma barreira bloqueando o meu passado. Será que um dia vou conseguir quebrar essa barreira? Já estava estressada, minhas primas e minha tia chegam do Shopping.

Liv e Jessie:OI PRIMAAA-disseram flgritando divertidas- Compramos algumas coisas para você- estava com enxaqueca e essas maluquinha gritando, já estava perdendo a cabeça. Tenho algum problemas psicológicos, acho que foi por causa do acidente- levei uma grade batida na cabeça- fui encontrada por Mônica que me levou para o hospital, fiquei uma semana em coma, quando acordei não me lembrei de nada, desde então venho tendo alguns 'surtos psicológicos'.

Luna: SERÁ SE DAR PARA VOCÊS ME DEIXAREM EM PAZ?- gritei descontrolada, quando olhei para elas que estava assustada com o meu grito fiquei espantada com o meu descontrolo- meninas desculpa por favor eu não queria fazer isso - falei, estava arrependida mais aquela não era eu, estava fora de mim essa foi a primeira e última vez que me descontrolo aparti de agora irei me mudar para o internato que eu consegui a bolsa, não virei mais para casa nas férias de verão, vou me afundar totalmente nos estudos.

Liv: Luh, não tem problema, Você só está nervosa.

Jessie: é, nós chegamos aqui gritando feito loucas, Você deve está com enxaqueca, nos desculpe.- tentou me converse que eu não era uma doida que sai gritando com todos com seus problemas psicológicos.

Luna: tudo bem meninas.- falei e olhei para porta, vi tia Mônica- tia, precisamos conversar.-ela apenas assentiu e me guiou ao seu mini escritório- tia, eu ganhei uma bolsa na Academia Le Rosey.

Monica: veja que magnífico você
vai estudar na escola que sempre sonhou e no verão virá para cá- falou animada, só que não irei seguir o plano dela- vai ser magnífico você vai...

Luna: Tia eu não vou voltar para cá no verão, não quero que a cena que ocorreu lá em cima minutos atrás ocorra de novo, vou passar o verão todo lá e só sairei quando me formar.- disse vendo os olhos da minha tia se encherem de lágrimas, também estava assim, mais era melhor para todos.

Monica: minha menina não aconteceu nada ali, Você só estava com enxaqueca, e as meninas não colaboraram com as gritarias.

Luna: tia isso é o melhor para todos, não vou mudar minha decisão - ela baixou a guarda quando vou que não iria desistir.

Monica: se é assim que você quer, não irei interferir nos seus planos.- sussurro um obrigado, adorava ela, sempre me entendia e me apoiava.

~FLASH BACK OFF~

Esse foi o dia que fiz minha importante decisão. Hoje é domingo estou aqui no internato, desde sexta feira que é o dia que os alunos já podem voltar para a Academia. É melhor pararmos de falar sobre isso, vou contar tudo o que sei de mim.

Meu nome agora é Luna Valente,-não sei se esse é o verdadeiro mais coloquei o sobrenome da minha tia- como sei que sou Luna?

Quando me encontraram estava com uma medalhinha que devia ser minha, nela vinha escrito meu nome e minha data de nascimento, era uma Lua com algumas pedrinhas brilhantes e na ponta tinha uma pedra que parecia que faltava alguma coisa.

Voltando tenho 17 anos, não conheço meus pais, já tive um namorado, que prefiro não tocar no nome daquele desgraçado. Ele fez coisas muito ruins para mim e prefiro não relembrar.

Mesmo tendo 17 anos sou virgem, e quero continuar assim até o dia que encontrar o cara certo para me entregar.
Algumas vezes tenho alguns flash Black que suponho que sejam do meu passado, eles algumas vezes me fazem bem, outras me deixa com uma dor de cabeça insuportável. O que eu mais gostei foi de um que eu está com o garoto mais sempre sua cara sai com um borrão ou uma luz bem forte. Espero um dia lembrar de tudo, talvez reencontrar meus pais. O flash Black era assim...

" Eu estava com um garoto que não dava para ver o rosto pois estava muito brilhante, precisamos estar observando um casal, quando de repente eles se beijam"...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...