1. Spirit Fanfics >
  2. Somente Minha >
  3. Prólogo

História Somente Minha - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Bom um aquecimento aki para começar uma história maravilhosa ^^ espero q gostem, pois essa eh feita com mto amor ^^

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Somente Minha - Capítulo 1 - Prólogo


Mais uma segunda amanhece, e a vida lá fora pulsa sem parar, buzinas, conversas, o mundo já esta acordada e em movimento. Christine desperta lentamente procura por seu celular para verificar as horas e suas mensagens. Ainda nenhuma mensagem de trabalho, então ela ainda demora em sua cama, responde a sua amiga e começa uma conversa boba pelo celular. Algumas risadas, e logo Christine toma coragem de levantar da cama, seguindo para o banho. Coloca o celular para tocar musicas e entra debaixo da água quente.
O banho longo, quente e aconchegante, deixa-a em transe a relaxa, e logo é tirada de seus pensamentos pela interrupção da música que ouvia pelo toque do celular. Sem sair do banho ela atente a chamada.
-Alô!
-Oi Chris, tudo bem? É a Samanta!
-Oi, tudo sim... – abre um sorriso.
- Então estou retornando sobre o trabalho, podemos marcar um encontro? Meu chefe adorou seu trabalho.
- Claro que sim, só dizer o dia e o lugar! – desliga o chuveiro.
- Vou mandar a hora e o lugar por mensagem então, leve seu portfólio!
-Pode deixar e obrigada.
Ela desliga o telefone e sai do banheiro, já enrolada na toalha. No quarto escolhe uma roupa confortável, uma bata preta com calça jeans, seca o cabelo e pinta apenas os olhos com um lápis preto. Na sala checa o notebook, seus arquivos baixaram e logo lê as recomendações na nota dos arquivos da pasta baixada. Christine prepara um suco e um lanche e se senta na frente do notebook, entre mordidas e goles do café da manha ela segue trabalhando, o celular notifica uma mensagem de Samanta.
-“Berlim... 19:00h, sexta-feira. Não esqueça o portfólio! B-jo! Samanta.”
-Esta bem! – diz pra si.
O dia passa, e no inicio da noite a melhor amiga de Christine vai a casa dela.
-Mal começou a semana e já conseguiu uma saída pro fim de semana, está melhor do que eu! – as duas riem.
-É trabalho, mas passa de lá mais tarde, não vou ficar lá com eles a noite toda, podemos aproveitar.
- Ah, com certeza! Não é todo dia que Christine Ilyria sai da toca!
- Exagero!!! 
-Sexta, né, finalmente vai poder ouvir o músico que toca lá, ele toca toda sexta e sábado no Berlim. Você vai amar!
-Ótimo! Já temos programa pro fim de semana!
-Sim, sim! Conseguiu enviar as fotos?
-Consegui, sim, e já me mandaram mais. Eu estava até trabalhando nelas, desta vez será coisa simples. E apesar de ser um lote grande é rápido de fazer.
- Legal! E os ensaios?
-Esta esquisito ainda, falta algo na banda, mas sei lá. Acho que ainda estou sentindo falta do Yuri.
-Esquece isso! Ele preferiu seguir sozinho. A banda ficou muito melhor sem ele.
- Você acha mesmo?
- Sim, agora só falta vocês voltarem a se apresentarem, porque não tocam no Berlm, acho que de domingo tem espaço ainda.
- Bom ideia, Ana. Vou ver se consigo ver isso na sexta quando eu for lá.
...
A semana passou voando, Christine entregou suas fotos na sexta  e se prepara para sair a noite. Um vestido simples preto, cabelo meio preso no alto da cabeça, botas e seu tablet que ela coloca em sua bolsa. Enquanto termina a maquiagem o celular toca...
- Alô! Chris! Vou passar daí, te levo no Berlim, e ai, depois da sua reunião você já conversa com o Gustavo! – Já dispara Ana pelo celular.
- Por mim tudo bem, sem problema algum. 
- Ok, já estou saindo daqui. Tchau!
- Tchau!
...
No Berlim, Ana para o carro na frente da casa, Christine abre a porta do carro e desce.
- Eu vou procurar um lugar pra parar o carro e te encontro depois lá dentro.
-Tudo, nos vemos lá dentro. 
Christine fecha a porta do carro, e enquanto sua amiga sai com o carro, ela adentra o local cheio de gente, havia uma banda terminando uma música e ao lado direito, onde era um espaço aberto e com mesas estava cheio de gente, até que alguém conhecido acena para ela. Do outro lado está o bar, e Ana chego no estabelecimento e se senta  próximo a um grupo de amigos. Depois de cumprimentarem, Ana aponta para amiga do outro lado e acena para a mesma.
Christine acena de volta enquanto chega na mesa de uma outra amiga.
-Olá Samantha! – cumprimenta e logo se senta ao lado.
-Enfim chegou, trouxe o portfólio??
- Está aqui em meu tablet. – diz buscando o objeto dentro da bolsa e colocando em cima da mesa.
- Bem, meu chefe não vai poder aparecer, e vamos precisar remarcar. – diz Samantha com ar decepcionada.
-Faz o seguinte, leve o tablet, o portfolio esta ai na tela, fácil de achar, depois me passa se fechou algo, qualquer coisa só me chamar que eu estarei a disposição.
-Perfeito!!! Eu vou conversar com ele e logo te retorno. Bem, preciso ir.
As duas se despedem e Ana se senta onde Samantha estava sentada, trazendo refrigerantes e uma porção de salgados.
-Nossa, você foi rápida conseguiu alguma coisa? – diz Ana animada.
-Não, o cara não veio, mas deixei meu portfólio para poder agilizar tudo.
-Melhor. A olha lá, o músico que te falei.
Num palco improvisado, em um canto próximo as mesas, um jovem rapaz de uns vinte e cinco anos sobe ao palco com um violoncelo. Logo atrás duas garotas da altura dos ombros dele sobem ao palco com violinos. A luz baixa, e feiches de meia luz focam nos três. O rapaz começa seus primeiros acordes, numa melodia serena com toque triste. Uma das garotas entra com o violino, um lamento profundo, enquanto o violoncelo cresce, tendo um som encorpado e grave ao fundo.
As garotas ouvem a melodia em silencio profundo, Christine olha as três figuras hipnotizada. Gustavo chega no estabelecimento e Ana logo acena para ele, que se aproxima da mesa e se senta. A música no palco termina e os músicos se retiram.
- Olá Christine, quanto tempo que não te vejo. A Ana disse que você está voltando com sua banda.
-É verdade!
- Posso me sentar aqui? – diz uma voz grave e tranquila.
- Sem problema, Miguel, meninas??
- Pode se sentar sim. – diz Ana sorrindo.
Christine e Miguel se encaram.


Notas Finais


Gostaram desse inicio???


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...