História Sorprese - Hansy - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Draco Malfoy, Harry Potter, Hermione Granger, Pansy Parkinson
Tags Dramione, Hansy, Revelaçao
Visualizações 58
Palavras 1.197
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Sei que demorei muito pra postar, mas eu tive um bloqueio de criatividade então... SORRY!
TÁ AI O NOVO CAPÍTULO!

Espero que gostem!!

Capítulo 6 - Visita inesperada


- Escuta aqui Potter! – Ela diz se levantando e vindo até mim – Se você contar para alguém, nem que seja pro seu cachorro, sobre eu ter ajudado a Molly por vontade própria eu juro que vou... – Ela é interrompida por uma das últimas vozes que achei que escutaria hoje...

 

P.O.V HARRY POTTER

 

- Pansy? Potter? – Pergunta Draco – O que vocês estão fazendo aqui?

- O que você tá fazendo aqui? – Pergunta Pansy indo abraçar o amigo – Sua fuinha loira! Nem se despediu antes de ir embora. – Diz fazendo bico

- Você sabe que não foi isso! – Ele diz

- DRACO! QUEM É... – Grita Hermione saindo da cozinha, mas para ao me ver – Harry? O que você ta... – Ela começa até que seu olhar para em Pansy – Com a Parkinson?

- É eu acho que vocês – Diz Draco apontando para mim e para Pansy – Tem muita coisa pra explicar!

- Eu também acho! – Diz Hermione se sentando no colo de Draco, que estava na poltrona. – E então? Quem vai falar?

- Eu! – Digo – Bom por onde eu começo...

- Pelo começo! – Diz Pansy

- Ah! Então conta você Pansy... – Digo sorrindo sarcástico.

- Ok! – Diz e se vira para Draco e Hermione – Bom foi assim, durante a batalha de Hogwarts meus pais morreram, e algum ser desprezível tentou me matar, daí eu fiquei lá jogada no chão esperando pra morrer, já tava até conformada com isso. – Diz e Hermione se aconchega em Draco como se estivesse ouvindo uma história para dormir.

- Foi ai que eu apareci – Digo – Eu tava lá no salão principal, quando o Rony chegou, logo depois de você sair Mione. E ele apareceu rindo junto com a Lilá, falando que a Pansy tava morrendo, então...

- Sendo o bom Santo Potter que você é... – Completa Pansy

- Sim. Eu fui lá e salvei ela, trouxe ela pra cá e a gente meio que tá morando aqui desde então, porque a Pansy não quer voltar pro mundo bruxo, então eu tô “escondendo” ela – Digo

- Como assim você não vai voltar pro mundo bruxo Pansy? – Pergunta Draco

- E você vai voltar? – Ela pergunta de volta e ele bufa

- Tá bom, se você não quer voltar não precisa voltar... Mas o que você estava fazendo na casa dos Weasley’s? – Pergunta Draco

- Eu fui lá pra livrar o Harry de uma furada! – Responde apontando pra mim

- O que você fez Harry? – Pergunta Hermione, agora todos olhavam para mim

- Eu não... Não foi de propósito você sabe como a Molly é não sabe Mione? – Ela concorda com a cabeça – Então, eu fui na A’Toca par buscar minhas roupas e o Rony começou com o interrogatório e pra responder eu comecei a inventar.

- E o que você inventou Potter? – Pergunta o Draco

- Eu disse que ia morar com uma pessoa, daí eles perguntaram o nome e eu falei Sarah Salvatore, e que eles não conheciam ela porque ela era da Itália e eu só falava com ela durante as férias. E então, de tudo que eu disse a nossa incrível e amada Molly Weasley entendeu: Essa garota é minha nora. E meio que me obrigou a levar a tal da Sarah pra almoçar lá hoje – Falo tudo de uma vez

- É.. Tá, eu tenho algumas perguntas – Diz Hermione

- Pode fazer! – Digo

- Porque Sarah Salvatore? E como você fez pra eles não reconhecerem a Parkinson? E como foi lá?

- Bom... eu... – Comecei, mas Pansy me interrompeu

- Ele falou Sarah porque é meu nome do meio e eu já tinha dito pra ele fazer isso se precisasse, e o Salvatore veio da série que eu tava assistindo na Netflix, provavelmente ele me ouviu falando sobre o Damon e deve ter sido o primeiro nome que veio na cabeça dele! – Fala Pansy de uma vez. – Entendeu?

- Sim... – Respondem Hermione e Malfoy

- Ótimo! Agora vamos para a outra pergunta! Para eles não me reconhecerem o Potter me deu uma poção que deixou meu cabelo quase tão branco quanto o seu Draco. E pra que não desconfiassem de nada, eu tirei as lentes de contato pretas e coloquei uma roupa bem digna da D’Lua! – Fala Pansy

- Uou, isso é muita informação... Lentes de contato? – Pergunta Hermione

- Você tirou as lentes? – Pergunta Draco, com os olhos esbugalhados

- É... Tirei! – Responde Pansy apontando para os olhos e Hermione olha pra ela

- Caramba! Seus olhos... Eles são... Lindos! Como foi que eu não reparei antes?! – Diz completamente hipnotizada

- É eu sei... por isso não vou mais colocar as lentes – Responde Pansy convencida

- Que ótimo! Eu sempre te disse que não precisava coloca-las! – Disse Draco

- É eu sei, seu convencido! Agora vamos continuar, qual era a terceira pergunta? – Pergunta Pansy “Esquecida!”

- O que os Weasley’s acharam de você? – Pergunta Hermione

- Bom... eu... é... eu não sei... – Diz Pansy – O que eles falaram de mim Potter? – Pergunta me olhando.

- Eles... Te amaram! – Digo e Hermione me olha surpresa

- Amaram? – Perguntam em uníssono

- Sim! Tanto que até fizemos uma aposta, Jorge e Arthur ganharam!

- E sobre o que era a aposta? – Pergunta Draco

- Apostamos de quem a Molly gostava mais, da “Sarah” ou da Lilá, e a Pansy ganhou! – Digo

- Ganhei? – Pergunta Pansy incrédula

- Sim! Herms, você acredita que ela até ajudou a Molly a lavar a louça! – Digo e a Pansy me soca na barriga – Ai!

- Cala a boca Potter!

- Peraí! – Diz Draco – Você disse que ela lavou louça? – Pergunta me olhando e eu assinto – MEU MERLIM! Eu preciso ligar pro Theo agora! – Diz pegando um telefone.

- NÃO! – Grita Pansy se jogando em cima dele – Nem ouse contar isso pra alguém! – Arranca o celular da mão dele e eles começam a rolar no chão, brigando pelo celular, enquanto eu e a Mione rimos. Em um certo momento, Pansy levanta de supetão – Não é pra contar pra ninguém! Você me entendeu? – Ela pergunta apontando o dedo na cara dele.

- Sim... – Ele diz baixinho rindo

- Draco Lucius Malfoy! Eu perguntei se você me entendeu!

- Sim Pansy Sarah Parkinson! Eu entendi Capitã! – Diz batendo continência fazendo todos rirem. Após algum tempo, finalmente paramos de rir e a Hermione pergunta

- E então... – Diz voltando a se sentar no colo do Draco – Desde quando vocês estão juntos?

- O QUE? NÃO! – Dizemos eu e Pansy ao mesmo tempo.

- Não? – Pergunta Hermione com uma sobrancelha erguida.

- Não somos apenas... amigos? – Pergunta Pansy me olhando meio incerta, com um meio sorriso

- Isso... amigos! – Digo sorrindo pra ela, que sorri de volta.

- Bem se vocês dizem, quem somos nós pra julgar! – Diz Draco com as mão pro alto.

- É, e falando em vocês – Diz Pansy apontando pros dois – O que estão fazendo aqui?

- Verdade, eu achei que vocês iam embora... – Digo

- Bom, nós vamos... Só estamos aqui ainda porque fomos falar com o ministro hoje à tarde, e como precisávamos de um lugar pra passar a noite, viemos pra cá! – Diz Hermione calmamente, "Mas e a Hollie, será que eles não viram ela?"


Notas Finais


Beijoss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...