1. Spirit Fanfics >
  2. Soulmate- A marca >
  3. 3- É hidratante

História Soulmate- A marca - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Bebam água e se cuidem!

Capítulo 3 - 3- É hidratante


Yves se aproxima da garota e finge estar olhando a mesma arara de roupas que ela. E então se pronuncia:

- Essas blusas são muito fofas, pena que não tem a cor que eu gosto.

- E qual seria essa cor? 

Sooyoung então se vira para a garota, que faz o mesmo porém só com a cabeça.

- A cor dos seus olhos.

Isso foi o suficiente para ruiva soltar uma gargalhada e deixar a garota estática sem saber o que fazer, além de perceber que aquela era a gargalhada mais linda que já havia ouvido. 

- Essa foi boa. Prazer, me chamo Kim Jiwoo. 

- Ha Sooyoung. Gostaria de tomar um café qualquer dia desses? 

- Você realmente subiu e desceu a escala rolante e me seguiu até aqui só pra me chamar para sair? 

- Claro que não. Vim pegar o seu número também - mesmo surpresa por descobrir que é garota sabia que estava sendo seguida, não deixou a oportunidade escapar.

- Justo. 

E assim trocaram números de telefone e marcaram de tomar um café na terça-feira. 

- Até terça-feira então -disse a garota de cabelos castanhos.

- Até. 

Se despediram com um abraço e assim sooyoung caminha de volta para onde Heejin a esperava. 

- E então, como foi? Conseguiu o número dela? Daqui ela parecia tá de zoeira contigo.

- O que? Como assim? Eu consegui o número dela.

- É porque assim que você chegou lá ela deu um sorrisinho e depois deu aquela gargalhada lá. Achei que ela tivesse percebido a sua cara de palhaça.

Deu um leve soquinho no ombro de Heejin e saíram da loja, enquanto contava o que havia dito para a garota.


                                                


Ao ouvir a buzina de um carro, que assumiu ser o de Vivi, deu uma última olhada no espelho ajeitando a blusa que vestia e saiu. Sentou-se no banco do carona e deu dois beijos na bochecha da mais velha, que arrancou com o carro em direção à festa.

- Novidades?

- Na verdade, sim. Advinha o que eu consegui hoje. 

- O que? 

- O número de uma garota muito fofa e um encontro com ela.

- Olha ela! Saindo da sua zona de conforto. Mas o que essa garota tem de tão especial para fazer você mudar de ideia desse jeito? 

- Ela simplesmente tem o sorriso mais fofo do mundo, cheirinho de morango, o cabelo mais sedoso e brilhante possível, o rosto mais perfeitinho da Terra e a gargalhada mais gostosa do universo.

- Vish, amiga. Tá apaixonada já? 

- Hã? Claro que não ué. É só... só uma leve observação. Nada demais.

- Sei.  

Ao chegarem na casa de Hyunjin, as duas são recebidas pela mesma e por Heejin.

- Oi meninas! Só faltava vocês! Essa aqui é a hyunjin. 

- Oi, tudo bem? - disse a garota com caninos salientes.

- Oi, tudo sim. Heejin fala muito de você - respondeu Sooyoung.

- Verdade! Estávamos ansiosas para te conhecer! - dessa vez foi a mais velha que se pronunciou. 

As quatro garotas adentram mais a casa mas Yves puxa Heejin mais para trás.

- Ela veio? 

- Sim. O que pretende fazer?

- Hm não sei ao certo. Conversar um pouco. Conhecê-la melhor. Saber seus gostos. Só não estragar tudo.

- Me parece um bom plano. Bem específico - brincou - só não se esquece de fingir surpresa quando a vir.

- Ok.

As duas garotas se dirigem para a sala, onde as demais estavam reunidas jogando UNO, sentadas no chão formando um círculo. Ao entraram no recinto todos os olhares se voltam para elas. Ao perceber o olhar de Jiwoo sobre si, Yves sente uma onda de nervosismo percorrer o seu corpo. Ao olhar de volta para a garota diz:

- Boa tarde, gente! Jiwoo? 

- Sooyoung? Você é amiga de Heejin? 

 O diálogo deixa todas as presentes confusas, com exceção é claro de Heejin e Yves. 

- Vocês se conhecem? - perguntou Heejin fazendo a egípcia.

- A gnt...hm...se conheceu hoje mais cedo no shopping - respondeu a garota de cabelos avermelhados.

Assim Yves se senta ao lado de Jiwoo e a mesma sente suas bochechas ruborizarem. Ao receber as cartas para entrar no jogo, ela deixa uma de suas cartas cair para o lado da ruiva, com a sorte de ter caído virada para baixo. A garota pega a carta, sem virar, e a devolve para a acastanhada. Ao pegar a lâmina de papel, Sooyoung sente seus dedos esbarrarem nos da garota. Nesse momento as bochechas de Jiwoo se encontram bem coradas e Yves sente as famosas borboletas no estômago. 

- Obrigada.

- Não há de que.

E assim algumas horas se passam até que decidem mudar de jogo.

- Que tal verdade ou desafio? - sugeriu ninguém mais ninguém menos que Heejin. 

Todas concordaram e assim o jogo começou. Ao girar a garrava vazia que se encontrava ali por conveniência, a garota se pronuncia:

- Olívia pergunta para Choerry.

- Verdade ou desafio? 

- Verdade 

- Uuuuu! Que sem graça! Pede desafio! - provocou Yeojin, recebendo olhares reprovadores de Kim Lip e JinSoul.

- Deixa ela escolher o que ela quiser- dessa vez quem se pronunciou foi Yves. Atraindo olhares admirados de Jiwoo.

- Yeojin, deixa o jogo rolar, ok? - falou Vivi de forma amigável porém ainda a repreendedora.

- É verdade que você tem uma barata como animal de estimação?- perguntou Olívia fazendo todas rirem incluindo Choerry.

- Não. Não é verdade- respondeu a garota de cabelos púrpuros e virou a garrafa.

- Kim Lip pergunta para Jinsoul.

- Verdade ou desafio?

- Desafio.

- Eu te desafio a dar um beijo na garota mais bonita dessa sala.

A essa hora, todas já haviam percebido os olhares que as duas trocavam desde o momento que chegaram, então já sabiam o que iriam acontecer.

- Uiuiui! - provocou Jiwoo, atraindo um olhar risonho de Sooyoung para si e fazendo as garotas rirem com seu comentário.

Jinsoul então se levanta e vai em direção de Kim Lip, se ajoelha ao lado da mesma dando um beijo na bochecha da garota.

- Ahh! Esperava mais! - Heejin brincou.

- Deixa de fogo, garota!- A beijada repreendeu. Então, girou a garrafa.

- Chuu pergunta para Sooyoung.

- Verdade ou desafio?

- Verdade.

- É verdade que você vai atrás de qualquer garota que ache bonita no shopping e peça o número dela?- perguntou na brincadeira porém ainda provocativa, conseguindo um leve sorriso da outra garota, um olhar confuso das demais e fazendo Heejin bater na própria testa.

- Não. Até agora eu só fiz com a garota mais linda da cidade- ao responder viu Jiwoo corar violentamente.

- Huuumm!- todas as garotas disseram em uníssono fazendo as orelhas de Yves ficarem vermelhas.

Algumas rodadas se passaram e as garotas começaram a reclamar de fome, pois já haviam devorado os aperitivos preparados na primeira meia hora.

- Eu vou lá fora comprar mais coisa. Não vou demorar - se ofereceu Jiwoo.

- Não, não! Pode deixar que eu vou- protestou Sooyoung.

- Por que não vão as duas?- sugeriu Heejin piscando para a garota de cabelos longos.

- Err...

- Me parece uma boa ideia- se pronunciou a ruiva.

Então saíram as duas em direção à loja de conveniência mais próxima. As duas andavam uma do lado da outra bem mais próximas do que o esperado. 

- Então... que tipo de salgadinho você gosta? - perguntou a acastanhada.

- Eu gosto de salgadinho de queijo e de batatinha - sem saber o porquê, a mais alta acha o jeito que a garota disse "batatinha" a coisa mais fofa do mundo- e você?

- Gosto de salgadinhos apimentados- sua resposta fez Jiwoo dar uma risadinha- qual é a graça? 

- Imaginei que gostasse desse tipo de salgadinhos. Você é o que você come, uma grande gostosa como você gostando de salgadinhos picantes... nada novo sob o sol.

O comentário da mais baixa fez todo o rosto de Sooyoung extremamente vermelho. 

- Assim você me deixa sem graça.

- Percebi. Mas você fica muito fofa corada assim. 

E mais uma vez Yves fica um tomate. Algumas quadras depois, a mesma pergunta:

- Você usa perfume? Se sim ele tem um cheiro muito bom. 

- Não é perfume. É hidratante. É muito bom, deixa a pele bem macia, olha. Ela estende sua mão para a garota sentir. 

- Nossa! Realmente! Você sabe o nome? 

- Hum.. agora eu não estou lembrando, mas quando eu chegar em casa eu olho e te mando.

- Tudo bem- disse ainda segurando a mão da garota. A ruiva percebendo a relutância da garota de soltar sua mão, simplesmente entrelaça seus dedos com os da mais alta e assim andam até a loja de conveniência.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...