1. Spirit Fanfics >
  2. Soulmate AOB -Camren Camila G!P >
  3. Vou te achar.

História Soulmate AOB -Camren Camila G!P - Capítulo 12


Escrita por:


Capítulo 12 - Vou te achar.


Fanfic / Fanfiction Soulmate AOB -Camren Camila G!P - Capítulo 12 - Vou te achar.

Ponto de vista Camila Cabello

Finx 10/07/3021 15:21 pm.


Escutar minha amiga me falar que Lauren foi sequestrada fez meu coração apertar com os pensamentos de que ela esteja sofrendo na mão daqueles filhos da puta e isso me deixava com mais raiva ainda. Respirei fundo e olhei para a foto de Lauren na mesinha da minha casa, eu tinha tirado essa foto tão de repente que ficou linda.


Calie me ajuda. -Pesso mentalmente para a minha loba interior.

Desculpa, mas não posso fazer nada, vocês não são ligadas. -Ela me responde, sua voz era triste, ela também estava sofrendo pela Mia. -Me promete que quando acharmos elas, você vai me deixar sair?

Calie..

Promete?

Prometo. 


-Mila? Está ai? -Saio dos meus pensamentos com a voz de Dj e olho para ela concordando. -Ally está aqui. -Olho para trás dela vendo a baixinha com um sorriso de ladino abrindo os braços e eu corro sendo acolhida por ela.

-Eles vão achar ela. -Ally sussurra e eu concordo. -Demi quer conversa com você. 

-Onde ela está? -Peegunto e vejo a figura da minha outra amiga, namorada da baixinha. -Oi Demi.

-Oi Mila, eu vim em um momento pessimo eu sei, mas eu tenho que fala com você e a Taylor, vocês são as lideres da alcateia. -Eu suspiro concordando indo pegar meu casaco. 

-Sobre o que? -Pergunto seguindo ela e a Ally ate o Carro de Demi.

-Nossa alcateia.  -Ela entra no motorista e eu entro atrás. 

-Dj, cuida deles ai. -Peço e minha amiga concorda. Meus pais e minha irmã estavam na minha casa, não queria deixar eles desprotegidos na casa deles e eu pedi para que 10 alfas ficasse de olho ao redor de minha casa. -O que tem a nossa alcateia? 

-Eu falarei tudo quando chegar na cabana.


Respirei fundo olhando para a paisagem ao meu lado, eu não estava com cabeça para discutir sobre as alcatéias,  principalmente agora que minha Lo foi sequestrada. Fechei os olhos com força e eu pude sentir seu cheiro, ouvir sua voz num sussurro, seus pensamentos e pude ouvir outra pessoa falando,  como se outra pessoa estivesse em sua mente


Mia, por favor o que eu faço? Está escuro, eu só quero minha Camz. -Ouvir a voz de Lauren na minha cabeça me fez se assustar e gritar

Laur tenha calma, eu também quero a Calie, mas temos que ter calma, elas vão nos achar.


-LAUREN! -Grito em plenos pulmões sentindo a ardência no meu peito. -Ai.

-Mila Calma, você está bem? -Ally pergunta olhando para mim e eu concordo.

-Eu só.. ouvir os pensamentos dela,  ela está com medo e Mia não tem o que fazer. -Gruni irritada por não saber onde ela está. 

-Você mordeu ela? -Demi pergunta e eu nego.

-Como isso é possível? -Ally pergunta para a Namorada.

-Isso vai alem de uma mordida Ally, é sobre isso que temos que conversa na cabana. -Demi para em frente a mesma e nós descemos vendo Taylor na porta. -Jauregui,  temos que ser rápidas. -Entramos literalmente correndo na cabana.

-O que você quer falar? -Pergunto ja impaciente. 

-Eu sou a lider da alcateia Júpiter, um dos meus primeiros ansestrais fizeram um acordo com Calie e Mia.

-A lenda que não é mais lenda? -Taylor pergunta e Demi concorda.

-Ele fez o acordo que a nossa alcateia ia proteger para sempre a alcateia elas duas, nos livros não tem o nome da alcateia,  mas tem um símbolo, uma lua e um sol juntos, Demorei para perceber que é a alcateia de vocês, Mila carrega a marca da Lua e Laur do Sol,  o destino delas já foram escrito a milhares de anos. 

-Eu tenho a Calie e a Lo a Mia como Loba interior.

-Nossa alcateia ira proteger vocês e lutar ao lado de vocês para que a paz reine. Ouvi rumores que daqui a 2 meses ira ter uma guerra, essa guerra é para exterminar a alcateia Lunar e Solar e ser o mais novo "rei" das alcatéias. 

-Quem está fazendo isso? -Taylor pergunta andando de um lado para o outro.

-O Lider dos exilados, Fernando Jauregui, irmão gêmeo do seu pai Taylor. -Taylor olhou para Demi como se ela estivesse louca.

-Demi, meu tio morreu quando eu tinha 5 anos, ele foi queimado vivo na nossa frente, ele era casado com minha tia e mordeu outra mulher, um pecado porque ele tinha mordido minha tia, as duas ômegas morreram e ele ficou fraco.

-Ou ele sobreviveu e não tem queimaduras, ou queimaram outra pessoa no lugar dele, eu vi seu tio e ele não tinha nenhuma queimadura. -Demi fala mostrando uma foto a ela que ficou espantada.

-Temos que falar ao meu pai.

-Porque ele quer fazer isso?

-Vingança,  Mike nasceu depois dele, Fernando foi o primeiro em tudo, menos na hora de descobrir se era alfa ou omega, Mike se revelou e foi logo tomar conta da alcateia e isso deixou Fernando putasso. Mike se casou com Clara, ele era apaixonado por ela, tudo que seu pai tem hoje, na cabeça de Fernando era para ele, tudo.

-Tay, eu sei que quer falar com seu pai, mas não agora, não agora que a minha Lo está com aqueles homens, deixa eu salvar ela primeiro. -Peço e ela concorda lentamente.  -É muita coisa acontecendo de uma vez só. 

-Taylor, trouxe o que eu pedi? -Demi pergunta e Tay concorda. -Pensei que ia demodar mais, mas ela teve o primeiro contato hoje.

-O que? Do que estão falando?

-Mila, você consegue falar com Lauren sem ao menos ter mordido ela. Vamos tentar um metodo, ele é bastante perigoso e pode te matar, mas esse é o unico jeito de salvar ela, faz 5 dias que ela está sumida e nada, nem uma pista. -Demi fala e eu vejo Taylor entrar na sala com uma especie de banheira com água e gelo. -Tira blusa e entra aqui, você vai ficar entre a vida e a morte, tem exatamente 10 minutos para achar ela ok? Se passar 1 segundo você morre.

-Tudo bem, faço tudo por ela. -Tiro a blusa e entro na banheira lentamente. -Puta merda, muito gelada. -Sinto as mãos de Demi e Taylor em mim. 

-Vamos conversar com você toda hora, se não escutar mais nossa voz, entre na porta que você entrou ok? -Concordo e respiro fundo quando elas me empurram para baixo. 


Demorei em cerca de 1 minuto e 30 para que meus pulmões precisacem de ar, meu me debatia gritando tentando empurrar as mãos que me segurava, meu corpo estava doendo, meus pulmões ardiam e eu sentia a água entrar em meu corpo.

 Tudo ficou escuro tão derrepente, tentei andar em meio aquela escuridão me fazendo esbarrar nas coisas, quando dei mais um passo, senti uma porta em minha frente,  abrir ela e eu estava em uma sala toda branca com uma árvore cortada bem no canto. Olhei ao redor vendo eu criança com uma menina na floresta, era Lauren! Reconhecia aqueles colares que trocavam, o sorrisos no rosto de ambas. Olhei para o outro lado e vi Lauren, ela tinha 2 anos, ela estava comigo em seu colo, nossas mães conversando sobre o nosso futuro. Me virei e vi nós duas no rio, foi no dia que ela me salvou. Fui andando mais vendo minhas memorias com Lauren, a ultima foi a 5 dias atrás quando ela foi sequestrada,  eu estava indo embora com Tay para achar Zack e Sam, mas eu continuei vendo Lauren, minha irmã e meus pais no quarto conversando sobre agravidezde Sofi.


-Eu vou ser tia, vamos reforma a casa da Tay. 

-Estou com dois meses Laur, não precisa se preocupar, temos muito tempo ainda antes do bebê nascer. 


Lauren tinha saido, eu segui ela ate a cozinha e vi beber água ate ela se assustar com Zack e Sam entrando na casa dos meus pais, ela pedia para eles sairem, mas Zack usou a voz de alfa levando ela ate um carro, olhei a placa decorando. Escutar aquelas coisas que Sam falou me fez ficar vermelha de raiva, eu queria matar os dois e se eu souber que eles escontaram em um fio de cabelo da minha Lo, eu mato eles sem dó nem piedade. 


-Eu quero minha Camz..


-Eu vou te achar Lo, eu prometo.


Quando eu pisquei, eu voltei para a enorme sala branca com a metade de uma grande árvore,  olhei mais a frente correndo para aque arvore e vi uma pessoa ali, era ela, Lauren estava ali sentada jogando xadres.


-Onde você está? -Pergunto me sentando na frente dela.

-Longe. -Ela responde mexendo uma pessa e eu mexo outra começando a jogar com ela.

-Estou tentando te localizar,  mas não consigo.

-Eu estou no sul, tem uma arvore dessa perto da casa que estou. -Ela come minha rainha e eu me vi perdida no jogo vendo que eu comi 4 peças dela e ela todas minhas menos o rei. -Você sabe onde me achar,  só ir reto. -Olho para a mesa vendo que eu estava encurralado. -Ganhei.

-Vou te achar. 

-Tenho certeza que vai. -Olho mais uma vez para mesa de xadrez lembrando de um mapa. 


CAMILA, ACORDA! -Escuto os gritos de Demi e Tay e olho para trás vendo a porta se fechando.


-Lauren.. 


Ela não estava mais ali, então me levantei e comecei a correr o mais rápido que conseguia, a porta estava quase se fechando quando eu pulei entrando nela. Senti meu corpo tremer de frio e me levantei rápido puxando ar para respirar, olhei ao redor vendo minha cunhada e amigas me olhando preocupada, Ally me entregou uma toalha e eu me enrolei.


-Caneta e papel. -Peço e Demi me da. -A placa do carro, eles foram para o sul. -Falo anotando tudo que eu consegui lembrar. -Tem um mapa da cidade depois de Fox? 

-Sim. -Taylor pega um mapa colocando na mesa e eu vou ate la colocando o caderno ao lado do mapa desenhando as peças de xadrez  que ficaram no final. -Mila isso é o que?

-Eu estava jogando xadrez com a Lolo em cima de uma arvore cortada. -Falo olhando para o mapa e depois o caderno. -O que é isso?

-Coordenadas. -Ally fala pegando a caneta e arrancando um papel do caderno. -Ela comeu todas as suas peças,  você comeu 4 peão dela,  vamos dizer que esses são latitude e longitude, vamos inverter esses numeros pra cá e temos as coordenadas quase que exatas dela. Ela não pode dizer o ponto exato que ela esta por ser um telefone sem fio, mas pode dar dicas e coordenadas quase exatas.

-Lauren é inteligente. -Demi fala sorrindo pegando os papeis.

-Sim, muito. -Sorrio por finalmente depois de 5 dias ter alguma coisa que vá ate ela. -Tay, temos que ir.

-Eu sei, mas precisamos de reforços. -Tay fala e eu concordo. 

-Minha alcateia vai com vocês,  meu dever proteger elas duas. -Demi fala e eu abraço minha amiga. 

-Obrigada. 

-Vamos nos preparar, saimos ao por do sol. -Tay fala e concordamos.


Demi me levou de volta para a minha casa, eu estava mais feliz, se for a localização certa, vou ter minha Lo nos meus braços de volta. Contei tudo para meus pais e amiga que ficaram feliz em saber, não contei sobre o irmão gêmeo do meu sogro para não preocupar meu pai,  ele tem que melhorar. Eu arrumei minhas coisas e fiquei esperando ate o por do sol .


Notas Finais


Oq acharam?? Kskksks

Ent como prometido um cap pra Anne q faz niver hj.

Isso é meio q uma tradição minha, sempre faço um cap para minhas leitoras no niver dela :)

Comentem bastante e favotitem tbn, ate a próxima

Gp

https://chat.whatsapp.com/HPfNiWHBvC9IXRwzNHKvTK


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...