História Souvenirs from a diary - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 5
Palavras 1.055
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Ficção, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Qualquer semelhança com qualquer realidade é mera coincidência.

Capítulo 1 - O mundo la fora


Marcellus Silverstone

Domingo Dia 1 – 27/02/2050

Finalmente consegui fugir “daquele lugar”... mas aqui fora já não é o mesmo de antes... a humanidade foi extinta fora daquela prisao e tudo foi consumido pela natureza... assim como nós imaginamos... mas ficou um lugar lindo... queria que a Carla estivesse aqui para ver isso...

Segunda-feira Dia 2 – 28/02/2050

Realmente, aqui e um bom lugar para se viver... exceto por “aquelas criaturas”... não sei dizer que seres são esses, parecem não ter inteligência... sobreviver aqui esta sendo difícil. Tenho o desejo de voltar à “aquele lugar”, mas vou ficar aqui seguindo o desejo da Carla. Queria que ela e o Jhon estivessem aqui para me ajudar...

 Terça-feira Dia 3 – 01/03/2050

Achei um bom lugar para viver, fica perto de um rio, posso tentar arranjar comida amanha, devo ter suprimentos suficientes para ao menos 3 semanas. Já é noite... realmente não sei o que escrever neste diário, esta porcaria deveria ter um manual de instruções ;-;

Sabado Dia 7 – 05/03/2050

Tudo deu errado nestes últimos 4 dias... fui atacado pelas “criaturas” durante a noite de terça-feira... elas pareciam ter sido atraídas pela luz da minha fogueira... mal sai com vida... de certo modo elas pareciam estar procurando algo, mas se irritaram com a minha presença... mas não sei se isso importa... afinal, morrerei em breve não e?

Domingo Dia 8 – 06/03/2050

Em meio a minha caminhada em busca de um abrigo, encontrei ruínas do que parece ser um antigo centro militar de quando a humanidade ainda existia... me pergunto se posso me abrigar aqui... mas acho que conseguirei ao menos um tempo aqui para poder descansar.

Segunda Dia 9 – 07/03/2050

Estou com muita fome... não como desde que perdi meu ultimo abrigo... me pergunto se irei conseguir arranjar comida... acho que deveria ter ouvido o conselho da Carla quando ela me pediu para trazer “aqueles” equipamentos... Me arrependo muito de ter feito tudo aquilo... o que será que aconteceu com o Jhon

Terça-feira Dia 10 – 08/03/2050

Conclui que este lugar realmente é seguro, mas não sei quanto tempo ainda irei durar aqui sem alimento... acho que passarei o dia na floresta procurando por comida...  será que é uma boa ideia?...

Quarta-feira Dia 11 – 09/03/2050

Não sei mais porque continuo a escrever neste maldito diário... já estou começando a enlouquecer estando sozinho aqui, acho que realmente deveria ter escutado a Carla quando ela me avisou para não vir... e agora.. ela esta... Mas que droga! Acho que ainda continuo escrevendo nesta droga porque era isso que ela iria querer que eu fizesse...devo isto a ela... Acho que irei novamente tentar achar algo na floresta...

Quinta-feira Dia 12 – 10/03/2050

Minha busca ontem não teve resultados, acho que estou a ponto de desmaiar por falta de forças. Na verdade, teve um resultado, em meio a floresta tinha um penhasco, de lá eu pude ver o que parecia ser um-

Terça-feira Dia 24 – 22/03/2050

Finalmente consegui retomar a consciência. Eu estava enganado, a humanidade ainda existe aqui fora... eu acabei desmaiando enquanto escrevia o ultimo dia citado no diário. Um grupo de 4 pessoas acabou me achando... Eles disseram que fiquei inconsciente por 12 dias... não sei se é verdade, nem se posso confiar neles, mas vou assumir hoje como dia 22.... Mas eu realmente queria lembrar sobre o que eu estava escrevendo antes de desmaiar... não deve ter acontecido nada importante...

Quarta-feira Dia 25 – 23/03/2050

Estas pessoas com quem estou agora realmente sabem se virar, acho que posso aprender muito com elas... Estou feliz em ter companhia novamente, eu já não aguentava mais ficar sozinho nesta droga de mundo. Eles não tem nome e falamos a mesma língua, devo ter sorte... mas pelo visto, eles não conhecem a escrita, afinal, para que iriam usa-la?

Quinta-feira Dia 26 – 24/03/2050

Não consegui dormir esta noite... tive pesadelos sobre quando estava “naquele lugar” e sobre a Carla... me arrependo muito de não ter ouvido ela quando disse para não entrar naquela floresta... Se eu não tivesse o feito... ela não teria sido morta e o Jhon não teria virado escravo... acho que sou um grande covarde por ter fugido para ca...

Quinta-feira Dia 324 – 05/01/2051

Finalmente encontrei este diário nas ruínas do meu antigo acampamento... não lembro muito o que aconteceu naquela noite... apenas lembro de que estava cansado por não conseguir dormir, pensei em continuar o diario, mas assim que o toquei ouvi uns gritos, e então fiquei desacordado, no dia seguinte, acordei em meio a uma floresta... não sei o que eu estava fazendo la. Finalmente consegui recuperar este diário.. por um ano as ruínas ficaram ocupadas por “aquelas criaturas”, mas finalmente elas se dispersaram e eu pude recuperar meu diário... ele esta muito acabado, mas ainda posso continuar escrevendo, vou continuar cuidando bem deste presente da----

Sexta-feira Dia 325 – 06/01/2051

Não pude concluir o que estava escrevendo ontem... fomos atacados pelas criaturas... muita coisa mudou em uma ano, agora somos apenas eu e uma companheira do antigo acampamento, que a chamo de Jo, ela esta muito triste desde a morte do resto do grupo. Ela fala que aquilo foi culpa minha, mas continua comigo mesmo assim... não entendo o que se passa na mente dela...

Sabado Dia 326 – 07/01/2051

Eu e a Jo saímos para arranjar mais alimento, e pela segunda vez... eu vacilei... não ouvi a Jo e ela acabou sendo morta pelas “Criaturas”, sinceramente, não acho que mereço viver, pela segunda vez... eu acabei entrando onde não devia para poder (parte borrada por lagrimas) e outra amiga acabou morrendo... As criaturas me seguiram ate meu abrigo e atacaram durante a noite... não sai totalmente ileso mas vou sobreviver... se eu não tivesse tentado fazer aquilo... as duas poderiam estar vivas... acho melhor não me envolver com mais ninguém... seguirei levando os desejos da Carla e da Jo.

Segunda-feira Dia 336 – 16/01/2051

Não sei mais o que fazer... já não tenho lugar para onde voltar, estou apenas migrando de um lugar a outro, todo santo dia... santo... acho que já não acredito mais em Deus... ou algo do gênero... será que estou errado? Já não sei... sinto falta de ter alguém para conversar... acho que devo continuar procurando um local seguro... quase próximo ao meio dia ouvi uma explosão vindo na direção “daquele lugar”, espero que não seja um teste novamente...


Notas Finais


Me desculpem os grandes pulos de dia.
Espero quem tenham gostado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...