1. Spirit Fanfics >
  2. Spilled Blood >
  3. "A Casa Nova e a Visita Nova"

História Spilled Blood - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - "A Casa Nova e a Visita Nova"


Fanfic / Fanfiction Spilled Blood - Capítulo 6 - "A Casa Nova e a Visita Nova"

Acordei com um barulho de pedra na janela, quando vou olhar é Nathanael. Ele é o meu novo vizinho, eu acho.

Ele me pergunta se posso entrar, não sei se meus pais estão mas mesmo assim eu deixo. Vou sem fazer barulho até a porta e a destranco, ele entra e me dá um beijo. Eu tranco a porta novamente e nós subimos, e assim que entramos no quarto ele pergunta:

_Como vc está? O que aconteceu com sua antiga casa?

_Estou bem e alguém colocou fogo na minha casa, propositalmente eu suponho._ respondo enquanto bocejo

_Eu te acordei?_ ele é tão fofo quando está preocupado

_Não, tudo bem

_Me desculpe. Não foi minha intenção

_Ta tudo bem, eu dormi o dia todo_ digo enquanto bagunço o seu cabelo

Conversamos por muito tempo até que o celular dele toca e ele precisa ir pra casa. Foi tão bom passar esse tempo com ele, me distraiu de tudo o que está acontecendo. 

Quando vou fechar a porta vejo um carro preto parado em frente a casa. Pode ser coincidência ou eles "tão" evoluindo?

Um homem desce do carro e vem na direção da porta, eu tento fecha-la mais rápido mas ela a empurra me fazendo ir para trás.

_Ei, quem vc pensa que é?_ digo irritada _Não tem o direito de fazer isso

_Cadê seus pais?_ ele pergunta com uma voz grossa e calma

_Não te interessa

_Corajosa vc, Lili. Sabe o estrago que posso fazer com sua família só com uma ligação?_ uh, consegui irritar ele

_Saí da minha casa!_

_Ok, princesinha. Eu te fiz uma pergunta, não respondeu por quê?_ ele puxa meu braço e fala irritado

_Acho que vc precisa de um aparelho auditivo, eu respondi a merda da tua pergunta sim._ digo tentando me soltar

_Vc devia ter medo de mim. Mas... Já que não tem, vamos dar uma volta_ ele diz me puxando em direção ao carro

_Não pode me obrigar!_ quando consigo me soltar ele pega uma pistola e aponta em minha direção

_Entra no carro agora_ ela abre a porta do carro pra mim entrar e me empurra para dentro. Ok eu vou morrer hoje, quer ver?

_Agora vc tem medo?_ ele fala em tom de deboche.

Dentro do carro tem mais um homem no passageiro e um no banco de trás.

_Não_ respondo firme e olhando e em sua direção. 

Não consigo reconhecer eles mas o que está do meu lado tem o mesmo olhar frio.. Os olhos claros, eu odeio essa sensação. Ele fica me observando por todo o percurso e fico desconfortável com isso.

Quando o carro para, é em uma área de mata com uma casa abandonada. E aqui que eu vou ser enterrada, beleza Alissa por que tu abriu a boca amada? 

_Sai_ ele diz e eu acordo_ Sai!_ ele grita enquanto me puxa para fora do carro

_Que menina lerda! Jhon pega ela por favor. Não temos todo o tempo do mundo_ ele diz e quando vem o homem de olhar frio me pegar no colo. Ok, tá estranho. Me levanto mais rápido e o empurro para longe mas não adianta muito porque ele volta e me pega mesmo assim.

Eu devia ter fechado aquela porta antes. Agora não adianta se lamentar de ser tão burra. TINHA QUE SER UMA MILLER

O que eles vão fazer comigo? Esse é o meu último pensamento antes de ser jogada no chão e ter levado um soco no rosto.

_Agora vc vai aprender a me respeitar sua vadia_ ele diz me dando outro soco

_Vadia? Que xingamento mais gay_ digo rindo da cara de otario que ele fica.

 Logo a graça acaba porque eu levo outro soco. Enquanto ele segura meu cabelo me fazendo olhar para o seu rosto, sentindo sua respiração quente batendo no meu rosto.

_Vc não é durona. Vc tem medo do Jhon._ ele diz irritado

_Quem é Jhon cara?_ quem raios é Jhon?

_Ahh além de uma vadia ela é sonsa?

_Vadia é a sua mãe_ é a última coisa que eu falo. Não me lembro de mais nada depois disso...



Notas Finais


Oi babys, turu bom? Capítulo novo
Espero que gostem
Desculpem algum errinho aí
Amo vcs 😘🖤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...