1. Spirit Fanfics >
  2. Spirit Battle- A Revolução dos Vampiros >
  3. A primeira luta com vampiros

História Spirit Battle- A Revolução dos Vampiros - Capítulo 15


Escrita por:


Capítulo 15 - A primeira luta com vampiros


Fanfic / Fanfiction Spirit Battle- A Revolução dos Vampiros - Capítulo 15 - A primeira luta com vampiros

Midori, Butterfight e Kyu estavam em busca de vampiros. Eles estavam fiscalizando Tóquio para procurar por eles e eliminá-los, porém foram surpreendidos, pois os vampiros que vivem no Japão, nem todos eram maus. Enquanto isso, Leafault, Tristan e Irene estavam se preparando para procurarem por Kyu e matá-lo, além de matar qualquer um que tivesse uma espécie de aliança com ele. Leafault era conhecido por controlar qualquer tipo de ser sobrenatural, mas também surpreendeu quando aparenta também assumir a forma de qualquer um deles. Leafault esteve em busca de Kyu e conseguiu uma horda de vampiros por intermédio de chupar sangue dos humanos. Ao sentir a presença de alguém sem um fluxo de sangue, Kyu deduz que poderia ser qualquer um dos três e estava certo. Por sorte era Leafault. Agora, Kyu está para enfrentá-lo, enquanto que Midori e Butterfight assumem a responsabilidade de lutarem com a horda de vampiros criada por Leafault. 

- Eles são muitos vampiros. - disse Butterfight. 

- Sim, mas eles não são nada perante nós. - disse Midori. 

Os dois então começam a atacar os vampiros. Midori aplica vários socos e chutes nos vampiros, assim como Butterfight, que também faz o mesmo. Entretanto, eles não sabiam que os vampiros tinham uma certa resistência e se levantavam. 

- O quê?! Mas não pode ser. - disse Midori. - Eu apliquei golpes que para um humano seria difícil de continuar a lutar. 

- Acho que os vampiros devem ser mais resistentes do que uma simples pessoa. - disse Butterfight. 

Ambos recuavam e decidiram liberar os seus poderes, para ver se surtia ou não efeito. 

- GREEN LIFE!!! - Midori libera o seu poder. 

- PAPILON WING!!! - Butterfight libera as suas asas de borboleta. 

Midori e Butterfight usam suas velocidades e aplicam mais golpes nos vampiros, porém eles continuavam a se levantar. 

- Mas que droga. Eles são muito resistentes. - disse Midori. - Se continuarmos assim, vamos dançar. 

- Muito bem, Kyu, hora de começarmos nossa luta. - dizia Leafault. 

Kyu se colocava em posição de luta e partia para cima. Leafault se transforma em um fantasma e fica intangível. Kyu tentava atacá-lo, mas era inútil. Leafault volta à forma de vampiro e aplica um forte soco em Kyu. 

- Isso é tudo o que você tem? Que decepção. - dizia Leafault. 

- Não, não é tudo. Só estou me aquecendo. - dizia Kyu, sorrindo. 

O garoto vampiro libera o seu Olhar Vampírico e partia para cima de novo. Ele foi tão rápido que nem deu tempo de Leafault virar um fantasma e foi gravemente ferido. 

- Seu moleque! EU VOU ACABAR COM VOCÊ!!!- Dizia Leafault, que se transforma em um demônio e lança raios de fogo. 

Kyu pula bem alto, mas Leafault se transforma em uma fúria e aplica um soco ainda mais forte do que o de antes. 

- Parece que você está em desvantagem, Kyu. - dizia Leafault. 

- AKARUI KAMAKIRE!!! - Midori ataca os vampiros em vários ângulos. 

- FURY PAPILON!!! - Butterfight projeta vários cortes nos vampiros também e ambos combinam seus ataques finais, assim deixando os vampiros inconscientes. 

- Até que enfim conseguimos. - disse Midori. 

- Nem me fale, foi difícil. - disse Butterfight. 

Ambos voltavam para a forma base e logo analisavam a situação. 

- Acho que mesmo sendo vampiros, eles não são de ferro que irão suportar vários ataques nossos contínuos. 

- Realmente, Midori, também penso o mesmo. - disse Butterfight. - Sem contar que o Akarui Kamakire e o Fury Papilon já são muito fortes individualmente. Ao combinarmos nossas duas técnicas mais poderosas, acho que nem mesmo os vampiros de Leafault iriam suportar. 

- Mas ainda assim, temos que ficar de olho. - disse Midori. - Não estou muito acostumado em lidar com esse negócio de vampiro, então para me certificar, ficarei sempre de olho. 

- Tem razão. - disse Butterfight. 

Na luta entre Leafault e Kyu, o garoto não estava dando conta. Leafault ficava intangível como um fantasma, poderoso como um demônio, forte como um lobisomem e rápido como uma fúria. 

- Acabou, Kyu, você não tem mais chances de lutar. - dizia Leafault. 

Kyu estava atirado no chão todo machucado. Ele estava na forma base e em seguida, Butterfight grita o nome do vampiro. 

- Parece que os seus amigos vieram lhe salvar. - dizia Leafault. 

Butterfight estava dando atenção para Kyu e Midori ficava na frente dos dois. 

- Muito bem, você quer um inimigo à altura? Pois então eu me apresento para lhe enfrentar, Leafault Gaspare. 

- HAHAHAHAHAHAHA!!! UM HUMANO?! SÉRIO QUE UM HUMANO QUER ME ENFRENTAR?! - indaga Leafault. 

- Eu não sou um simples humano, você não notou? - indaga Midori. 

- Não, porque eu estava ocupado lutando a ponto de matar esse traidor. - Apontava para Kyu. 

- Pois quer saber? Eu irei lutar com você, Leafault. - disse Butterfight. 

- Mas, Beth... 

- Não me chame de Beth. - disse Butterfight. - Eu quero testar a minha força contra esse maldito. Já que ele incorpora vários seres sobrenaturais, então veremos se ele pode contra uma fada. 

Butterfight assumia o Modo Fada e surpreendia a Leafault. 

- Então está feito. Irei lutar com a garota fada. - dizia Leafault. 

Midori e Butterfight acabam com os vampiros, mas Kyu não consegue dar conta de Leafault. Butterfight assume a luta com o vampiro, já lutando com tudo. Será que ela vai vencê-lo? 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...