História Spoby - What Will Happen? - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Aria Montgomery, Ashley Marin, Caleb Rivers, Cece Drake, Emily Fields, Ezra Fitzgerald, Hanna Marin, Ian Thomas, Jason Dilaurentis, Jenna Marshall, Jessica DiLaurentis, Lucas Gottesman, Melissa Hastings, Mike Montgomery, Mona Vardewaal, Pam Fields, Peter Hastings, Spencer Hastings, Toby Cavanaugh, Veronica Hastings, Wren Kingston, Yvonne Phillips
Tags Alison, Alison Dilaurentis, Aria, Aria Montgomery, Cavanaugh, Emily, Emily Fields, Hanna, Hanna Marin, Hastings, Montgomery, Pll, Pretty Little Liars, Spencer, Spencer Hastings, Spoby, Tobias, Toby, Toby Cavanaugh
Visualizações 201
Palavras 1.239
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oie, tudo bom?
Advinha quem estava sumida e resolveu voltar?! Sim, euzinha!!
Sorry, por demorar esse tempo todo pra postar capítulo novo..!!!
Por favor não me esfaqueiem pela demora, principalmente você, Brenda!!!
PS: esse gif é pra você, Isa <3
Fiquem com o capítulo, espero que gostem!
<3 <3

Capítulo 22 - I miss you


Fanfic / Fanfiction Spoby - What Will Happen? - Capítulo 22 - I miss you

No capítulo anterior:

P.O.V Spencer

Depois de alguns segundos, as batidas cessaram. Mas ele não tinha ido embora, eu conseguia ouvir seus movimentos.

-Eu te amo, Spencer! - Toby disse, quebrando o silêncio.

Aquelas palavras vieram como uma avalanche sobre mim.

-Por favor, vai embora! - consegui dizer algo pela primeira vez - Se quer me ajudar, se me ama, vá embora.

-Spence, você entendeu errado, eu...

-Toby! - lágrimas escorriam sobre minha face - Por favor! - ouvi ele se levantar.

-Eu nunca vou desistir de você, eu te amo. - ele disse, enquanto eu fiquei ali, ouvindo seus passos.

...

P.O.V Toby:

Relutantemente, segui as ordens de Spencer e me levantei, deixando seu apartamento. Deixei a portaria, adentrando na correria das ruas de Nova York.

Estava a pé, tinha deixado meu carro em casa. Fui caminhando calmamente, na medida do possível, até em casa. Passava pelas esquinas da cidade, via pessoas em uma grande correria, era difícil encontrar alguém andando devagar em uma calçada de Nova York. 

Observava os altos prédios, os outdoors, percebi então, que desviei meu caminho. Quando me dei conta, estava praticamente no Central Park. Olhei para aquela área verde, um passeio não me faria mal, pensei.

Adentrei na imensidão verde, que era o Central Park, caminhava pelos grandes campos, com áreas de piquenique, até que uma cena me chamou atenção. Em um banco, próximo a um poste de luz, havia um casal, eles estavam abraçados, como se um completasse o outro.

Era exatamente assim que me sentia com Spence. Aquele casal me lembrava nós dois juntos, adorava ficar daquela maneira com Spencer. Por um momento, senti a falta de seu abraço, a saudade que sentia de passar as mãos pelo seu macio cabelo castanho, fazendo carinho para que dormisse sobre meus braços. Senti falta de seu cheiro, de seu olhar, senti falta de tudo relacionado a ela.

Senti a total falta que Spencer fazia em minha vida.

P.O.V Spencer:

Os passos de Toby foram, aos poucos, ficando mais distantes, e o silêncio reinou naquele recinto.

Estava paralisada com o que acabara de acontecer, não conseguia me mexer, me levantar. Só tinha forças, apenas, para derramar minhas lágrimas. Respire fundo, Spencer, pensei. Depois de meia hora tentando me acalmar, finalmente consegui levantar daquele lugar.

Já era tarde, resolvi tomar um banho. Entrei no banheiro e encarei meu rosto no reflexo do espelho, minha cara estada toda borrada, meus olhos estavam inchados e vermelhos, o rímel escorreu de meus olhos, formando traços pretos sobre meu rosto. Enxuguei e limpei minha face, e fui tomar meu banho. Logo depois, me joguei direto na cama e adormeci rapidamente.

[...]

Acordei com o estridente som do despertador, hora de trabalhar, pensei desanimada. Não estava com disposição para nada, me sentia vazia. As palavras de Toby ecoavam em minha mente:

-Eu te amo, Spencer!

-Eu te amo, Spencer!

-Eu nunca vou desistir de você!

-Eu nunca vou desistir de você!

Balancei minha cabeça, tentando esquecer o que havia acontecido na noite passada. Resolvi me distrair procurando uma roupa para ir trabalhar.

Depois de me arrumar para o trabalho, fui até a garagem, peguei meu carro e fui em direção ao escritório.

Por incrível que pareça, cheguei cedo hoje, o turno de trabalho ainda não tinha começado. Chegando no meu setor, encontrei alguns colegas de trabalho na recepção, entre eles, estavam Ellen, Jane e, a que me causava mais desgosto, Izabel. Ela nunca aparece na empresa! O que diabos ela está fazendo aqui?! Pensei, irritada.

Tentei ignorá-los e ir direto para minha sala, mas ela, a vadia, Izabel me parou com uma pergunta.

-Hastings, o turno ainda não começou. - ela disse, com um sorriso falso - Junte-se a nós!

No momento em que Izabel terminou de se pronunciar, Jane, que estava sentada no sofá da recepção, chegou um pouco para o lado, no intuito de que eu me sentasse.

-Não precisa, Jane! - falei, sorrindo levemente - Eu prefiro ficar em pé.

-Então, sobre o que falávamos? - Izabel se fez de desentendida - Ah, sobre o fim de semana! Como foi o seu, Spencer? Eu soube do "quase" acidente que você teve! Você está bem? - sua voz expressava uma imensa falsidade.

-Sim! - respondi, com um sorriso cínico - Está tudo bem!

-Mas, e a garotinha? Ela ficou bem?

-Sim, Melissa está bem!

-Ah, você a conhecia?

-Sim, ela é irmã de James Foster, um policial de Rosewood, talvez você conheça. - respondi desafiadoramente.

-Não! Não conheco. Ele é seu namorado? - Izabel perguntou, tentando mostrar o máximo de inocência possível, algo que ela não tinha.

Não acredito que ela fez essa pergunta! Essa mulherzinha passou dos limites! Como ela tem coragem de fazer essa pergunta? 

-Não! - respondi, quase interrompendo-a - Ele não é.

-Ok. Voltando ao assunto! - Izabel voltou a se pronunciar - O que fizeram noite passada? - ela perguntou, dirigindo o olhar diretamente para mim.

-Nada demais! - respondeu Jane.

-Foi normal. - disse Ellen.

-E você, Spencer? Como foi a sua noite?! - Izabel perguntou, desafiando-me com seu olhar.

Já chega! Eu não iria tolerar mais aquela mulher!

-Ah, conte sobre a sua! Parece que foi muito melhor, não é mesmo?! - respondi com o mesmo olhar que Izabel dera para mim - Você deve ter se divertido bastante!

-F-foi uma noite bem...agradável e...

-Ah que pena! Já deu meu horário, tenho que ir trabalhar. - falei, indo em direção a minha sala, e abri a porta - Ah, vocês formam um belo casal! Pena que ele não acha o mesmo, não é?! - falei e fechei minha porta, trancando-a.

P.O.V Spencer OFF

Após Spencer fechar a porta de seu escritório, todos na sala dirigiram seu olhar para Izabel, que se sentiu incomodada com a situação.

-Sigam a Hastings! - ela falou, em um tom um pouco alto - Vamos, ao trabalho! Andem.

Todos obedeceram a ordem de sua chefe e foram para seus devidos lugares. Izabel deixou a sala de recepção furiosa, e foi em direção ao elevador.

-Aquela Hastings me paga! - bufou ela.

P.O.V Toby:

Meus olhos estavam vidrados na cena daquele casal, imaginando que poderia ser eu e Spencer no lugar deles.

Flashback ON:

"Estava trabalhando na casa de Jason, quando vi um carro se aproximando. Não conseguia acreditar, era a caminhonete que eu tanto queria comprar. Fiquei mais supreso ainda quando vi quem estava ao volante, Spencer.

Ela se aproximou da entrada da casa de Jason, parou o veículo e saiu do mesmo.

-Spencer!? - falei, totalmente surpreso.

-Pegue! - ela disse, jogando a chave para mim - É seu! - falou, se aproximando de mim.

-Você está louca?! - respondi, rindo - Você sabe quanto tempo vou demorar para te devolver o dinheiro?

-Bom, amanhã você já tem um emprego. - ela disse, se encostando no carro - Em Yardley, não é?!

-Eu te amo tanto! - falei, me aproximando de Spence.

-Eu queria ter dito isso primeiro. - ela falou, enquanto colocava as mãos em meu rosto e se aproximava para um beijo.

Colamos nossos lábios, em um beijo perfeito. Naquele momento, percebia que Spencer era tudo para mim."

Flashback OFF

Fui cortado de minha imaginação com uma ligação de Emily.

Ligação ON:

Toby: Oi, Em!

Emily: E aí, já marcaram a data do casamento?! (rsrs)

Toby: Não, e nem marcaremos.

Emily: O-o que aconteceu? Spencer não está aí?

Toby: Não, Em. Ela não está. Está tudo acabado.

Emily: C-como assim? O que aconteceu?

Toby: Deu tudo errado, Emily! Eu perdi Spencer, mais uma vez!

Emily: Oh meu Deus, Toby! Mas me explica o que aconteceu!

Toby: E-eu não estou com cabeça para isso agora. Me desculpe, Em.

Emily: Tudo bem, te entendo. Até mais.

Toby: Tchau.

Ligação OFF

Desliguei o telefone, e fui para casa, aquele tinha sido um dia cheio. Precisava descansar e pensar. Porém, provavelmente, só conseguiria pensar em uma coisa, nela.







Notas Finais


Foi isso!
Já vou pedindo de uma vez, por favor não me esfaqueiem nos próximos capítulos, o que irá acontecer será necessário para a relação de Spoby, garanto.
Espero que tenham gostado!
Desculpe qualquer erro.
Bye bye <3
-R


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...