História Spring Time (Imagine Jeon Jungkook) - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Agust D / Suga, Bangtan Boys (BTS), Lee Hyori, Lee Jong Suk
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Lee Hyori, Lee Jong Suk, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan, Bts, Coréia, Hoseok, Imagine Jungkook, Jimin, Jungkook, Namjoon, Romance, Seokjin, Suga, Taehyung
Visualizações 117
Palavras 1.225
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi meus anjos ❤
🔹VOLTEI


Boa leitura❤

Capítulo 28 - Uma só carne


Fanfic / Fanfiction Spring Time (Imagine Jeon Jungkook) - Capítulo 28 - Uma só carne

Jungkook me levou para a nossa nova casa onde iríamos morar , pediu para o motorista levar Hyuna de volta para Busan e devolver o carro de Harabuhjee , ao chegarmos ele segurou minha mão e sorriu.

Jungkook~ apesar de ja ter visto quando veio buscar suas coisas espero que tenha gostado , procurei deixar tudo do jeito que você gosta 

Sorri e fui até nosso quarto.

~ temos uma banheira no banheiro do nosso quarto ? 

Jungkook~ sim temos 

~ vou tomar um banho , pode me emprestar uma camisa sua 

Jungkook~ você não tem que me pedir emprestado , somos casados esqueceu?

~ Ok , vou tomar um banho então 

Jungkook~ o que são esses roxos na sua perna? 

~ fui professora de dança enquanto estava em Busan

Jungkook~ você deve estar exausta , vamos para a banheira juntos , estou com saudade 

~ Não faremos nada hoje , ainda estou chateada apesar de te amar muito , se não tiver internações venha 

Jungkook~ eu sei , eu te respeito acima de tudo , vamos , eu não tenho intenções 

Jungkook e eu fomos para o banheiro , nos despimos e entramos na banheira , me deitei no ombro de Jungkook e ficamos ali na agua quente , nossos corpos se completavam e apesar de toda a minha neura e vergonha com meu corpo eu me sentia confortável com ele , ele fazia um leve carinho nas minhas costas enquanto estava deitada sobre seu ombro estavamos em silêncio aproveitando o "nós" que estava ali. 

Finalmente entendi do que se tratava um casamento , se trata do coração alheio se apegar ao seu e se completar sem ao menos avisar , se trata de se sentir sortudo apenas por poder assistir a pessoa dormindo do seu lado, se trata de sorrir durante o café da manhã ao receber um beijo de bom dia , se trata de dar um nó na gravata da sua cara metade todas as manhãs e não ver aquilo como incomodo , se trata de ver seu amor com a pior roupa e ainda assim achar que ele esta lindo , se trata de se acolher no aconchego de um sofá apropriado para uma pessoa que vocês insistem em dividir porque cabe os dois coladinhos , se trata de aturar a chatice alheia em dias de mal humor e tentar ser paciente por reconhecer que você vai passar por dias assim também , se trata de valorizar com quem esta independente da dificuldade , é muito mais que relações sexuais , é muito mais que beijos calorosos , é AMOR , puro , limpo, completo , delicado, com defeitos sim , mas defeitos que se aprende a lidar.

Jungkook me deu um beijo na testa como se tivesse escutado meu pensamento , eu sorri e dei um beijo em sua bochecha , continuamos ali por um bom tempo. 

Saímos da banheira e nos trocamos , vesti uma de suas camisas largas e fomos lavar nossos rostos , ele insistiu em lavar meu rosto , sua mão se apropriada ao tamanho de minhas bochechas , parecia um carinho de tão leve que era seu toque , foi espumando cada cantinho do meu rosto e por fim me pediu para enxaguar . Fiz o mesmo em seu rosto , espumei bastante e fazia carinho enquanto esfregava , ele parecia tão confortável , enxaguei seu rosto e escovamos os dentes.

Fomos dormir abraçados , ter Jungkook por perto sem duvidas era o melhor a se fazer , ter meu marido por perto era o melhor a se fazer.

No dia seguinte acordei primeiro e preparei seu café da manhã, deixei um recado , me arrumei e fui para o hospital para conversar com o doutor.

Entrei no hospital e Hyori veio até mim desesperada 

Hyori~ Aigoo, por quê sumiu desse jeito s/n ? Quer matar sua unnie de preocupação? 

~ me desculpe unnie , eu estava muito confusa , é bom te ver de novo 

Hyori~ se você fizer isso novamente eu vou te dar uns tapas 

~ aigoo , não faça isso 

Hyori~ ja para a sala do doutor , ele esta uma fera com você

Hyori me levou até o médico e fechou a porta 

~ Annyeong haseyo doutor 

Doutor~ como você pode fazer algo assim? Todas as vezes que esta em situação critica quando acha que esta melhor você foge , precisa se cuidar se sente tanta falta da sua empresa , ficar fugindo do hospital não vai ajudar , você tem ideia que você sofreu um acidente? Tinha um vidro dentro da sua pele! Ficou louca sair por ai assim? Você vai me deixar louco um dia sabia?! Você ainda passa por estresse , tem ideia do quão prejudicial isso pode ser ? Aish , se você não fosse famosa pedia sua cabeça em uma bandeja 

~ Descul...

Doutor~ não venha se desculpar não, essa sua carinha de gatinho não me engana mais , para a sala de soroterapia agora !

Hyori entrou 

Hyori~ fez bem doutor , precisamos colocar essa teimosa fujona na linha , venha vou te levar para tomar o soro 

Me levantei e Hyori segurou minha mão , fui para a sala de soroterapia e Hyori foi buscar o soro e a agulha.

Hyori~ sente-se ai, se fugir daqui ja sabe ne , a mão por favor 

Hyori ingeriu sem avisar

~ Unnie! 

Hyori~ você mereceu , agora , quietinha , só saia daqui depois que terminar

O médico entra na sala de soroterapia acompanhado de Jungkook 

Doutor~ senhor marido da fujona , para que eu não passe mais nervoso ela fará um tratamento em casa , os remédios precisam ser tomados nos horários certos , irei duas vezes por semana para verificar a cicatriz do ferimento .

Jungkook~ Ok doutor

~ Mas eu...

Doutor~ mais nada!

Jungkook~mais nada!

Jungkook se sentou ao meu lado e esperamos o soro acabar , Hyori tirou a agulha e sorriu 

Hyori~ quero que se cuide ok? 

~Ok Unnie 

Hyori me deu um beijo na testa e eu sai do hospital . Precisava fazer uma ligação , ao apalpar meus bolsos não senti meu celular , vi Hyori trazendo ele para mim enquanto carregava a receita de remédios que Jungkook esqueceu de pegar

Hyori~ seus cabeça oca , esquecem tudo 

~ estou doente não penso direito 

Hyori~ Aigoo , venha cá 

Hyori me puxou e me aconchego em um abraço forte e delicado , ouvi um barulho ecoar , parecia com fogos de artifício , mas pensei melhor e fogos de artifício não estariam sendo lançados nesse momento , me soltei de Hyori e percebi que seu corpo estava mole , minha roupa estava suja de sangue e seu peitoral estava ensanguentado , quando percebi que Hyori havia sido baleada comecei a chorar , eu cai de joelhos no chão segurando seu corpo enquanto Jungkook foi buscar socorro.

~ Unnie! Não me deixe ! Eu estou doente precisa cuidar de mim! Unnie fala comigo! Unnie! Me desculpa por não cuidar de você ! Unnie eu nunca mais vou te deixar preocupada! Unnie por favor me responde! 

Hyori estava com os olhos fechados e nem sequer abriu , eu chequei seu pulso e não havia nenhum batimento.

Abracei seu corpo desacordado e segurei seu rosto em meu ombro , meu choro foi ouvido em todo lugar. 

"Jamais julgue o efeito da morte se você nunca chorou por alguém que te deixou só"




Notas Finais


Obrigada por ler❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...