História Stalker Obsessivo - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Homossexualidade, Jikook, Yoonseok
Visualizações 77
Palavras 1.416
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


- Mais um capítulo! Espero que gostem!! (Boa Leitura) ✌

Capítulo 5 - Ódio Mortal em seu Death Note


Fanfic / Fanfiction Stalker Obsessivo - Capítulo 5 - Ódio Mortal em seu Death Note

(Jeon Jungkook Online) 🔊

Não achei que Jimin seria tão esperto daquela maneira, era incrível como ele ainda se lembrava completamente daquela cicatriz que tinha desde criança.. Ele era frágil e indefeso e eu acabei por apanhar em seu lugar para defende-lo "Tolo como sempre"

Respiro fundo e em seguida me sento novamente sobre a cama do garoto pondo minhas mãos apoiadas sobre meus joelhos que estavam dobrados, olhei para Jimin que se mantinha parado do mesmo local que o deixei boquiaberto sem indagar qualquer palavra, retiro minha máscara pela primeira vez desde que comecei a usa-la desde o ocorrido. 

- Não fique parado ai! Venha aqui! 

- N-Não!

- Não vou te machucar dessa vez..  Eu só.. 

- Você só o quê? Acha que sou seu brinquedo Jungkook??? Eu sou um ser humano que exige sua liberdade de volta!! Eu nunca que me entregarei a você!..  

(Jungkook Off da História) 

Para para Tudo!  Oh Mozão? 

JM:  QUE FOI PORRA? 

Como você nunca vai se entregar pra mim sendo que depois disso a gente... 

JM:  CALA BOCA EMBUSTE NÃO DÁ SPOILER

- Para de gritar caralho! 

JM:  Eu tô digitando sua anta acéfala andante! 

- Mais tá no Capslock! 

JM: TÁ FODA-SE!  CALA BOCA! 

- CALEI-ME..  VIXE ESSE NEGÓCIO É MUITO MASSA!  PERA...  J-HOOOOOOOOOPEEEEE

JH:  QUEEEEM MORREU??? 

- Ninguém não! Por quê cê tá pelado? 

JH:  Não estou pelado Jungkook!  Eu estou apenas experimentando o estudo do corpo humano! 

- Mais você continua pelado! 

JH: Ah é né? 

JM:  VAZA DAQUI VOCÊS? QUERO CONTINUAR A PORRA DA HISTÓRIA! 

JH:  Ixii Filho?  Tá de TPM A Flor da pele é? 

JM:  EU VOU TÁ É COM UMA FACA CRAVADA NO SEU CRÂNIO SE VOCÊ NÃO DER O FORA! 

JH: BROTAEE..  SAIII.. 

"Voltando"

- Olha! Jimin..  Eu entendo a sua revolta..  

- entende mesmo?  JURA? 

- Mas tenta me entender também PORRA! Você lembra tudo que aconteceu no passado não lembra? 

- Não sou de relembrar o passado!  Sou um homem que segue o baile..  Foco no futuro. 

- Há Há Há super engraçado! 

- Olha só!  Eu quero ir embora! Eu tenho uma vida lá fora..  Eu tenho um sonho que eu quero realizar e você está me privando de realiza-lo.. Fora que você diz ou dizia me amar..  E olha só! 

Apenas ouço o garoto de cabeça baixa sentindo cada palavra sua atacar o meu ponto fraco, sim apesar de frio e arrogante e completamente desumano e todas as palavras ruins que existem no mundo,  eu ainda tenho um coração

(Off:  Oh mozão!) 

(JM:  O que foi agora Jungkook?) 

(JK: Como você fala isso do amor da sua vida?) 

JM:  CONTINUANDO! 

Suas palavras Doiam a cada intensidade que sentia vindo de sua garganta que já se encontrava em indagos de choro, um aperto se formou no meu peito e eu não podia ser fraco novamente como fui a um tempo atrás, Jimin me causou muita dor e muito evolução aos mesmo tempo..  E eu pretendo segui-la. 

- Não retiro sua razão Park Jimin! Mas tem um porém! A Teoria de Kamaitachi.. Tudo que vem volta! Melhor não olhar prá trás por quê correr não adianta mais! 

- O quê você tá tentando dizer com isso? 

- Isso mesmo que você entendeu! Já passou o tempo que um dia eu tive dó e compaixão pelas pessoas.. Eu Te amei e fiz de tudo por você lembra? Mas essa fase de idiota passou e toda a dor que você me causou você vai sentir dobrado! 

- Jungkook... Me descu.. 

- Suas desculpas não irão se transformar em uma borracha e  apagar toda a dor que existe em meu "Death Note".. 

- Jungkook..  Você está me assustando ...  Vamos conversar cara.. 

- Conversar?  Por acaso aqui tá escrito "Te quero de volta" O programa do Rodrigo Faro pra gente conversar e se acertar e sair tudo numa boa? 

- Cara.. É sério..  Não sabia que tinha lhe causado tanta dor assim..  EU ERA UMA CRIANÇA! 

- Que eu saiba você tinha maturidade o suficiente de rasgar cartas, quebrar os presentes, se atracar com outros em minha frente.. Ai você não era criança não é Park? 

-.... 

- Chega de Conversas paralelas!  Vamos pro que interessa! 

Joguei o menor com força o suficiente sobre a cama bagunçada que havia ali, não queria esperar estava sedento por desejo e transtornado por ainda não ter tido oportunidade de fode-lo com todas as minhas forças, aquela era a hora e eu não iria esperdiçar nenhum segundo. 

- Ah! Lembre-se Park.. Grite a vontade.. Pois vai precisar descontar a dor que vai sentir em algo! 

- Q-Que??  Ahh!!!.. PA-PARA!! 

- CALA BOCA VADIA!! 

Uns dos famoso tapas de Jeon atingiram em cheio o rosto de Jimin causando uma forte ardência e dor no rosto do moreno causando-lhe dor e deixando rolar por seu rosto as lágrimas que ele tanto segurava, debater não era o suficiente pois Sou mais que o superior da sua força física e nem dois dele conseguiriam me confrontar. 

Retirei de forma violenta e brusca seu roupão tendo a bela visão novamente do seu corpo desnudo completamente em forma como ele sempre sonhou ter, sorrio maldoso mordiscando o canto dos meus lábios ironicamente iniciando uma sequência de selares por seu pescoço e apertando sua cintura forçando o menor contra o meu encaixe apesar de ainda estar vestido era nítido o movimento que ele me causara. - Chupadas agressivas na região branquinha do seu pescoço lhe causou marcas escuras me deixando feliz com aquela cena. 

- P-Por Favor.. J.. Jungk...  Awwn.. 

- Isso!  Geme pro seu daddy... 

Ele talvez esteja cedendo toda minha provocação e seria loucura Ele negar que também me quer estando tão entregue a mim daquela forma, sinto que meus lábios foram tocados após as pequeninas mãozinhas do garoto vivarem meu rosto me causando um arregalar de olhos surpeso com sua ação. 

- Por... Por favor! Eu faço o que você quiser!  Mas..  Me dê um tempo Jungkook-shi.. - Ele dizia entre lágrimas

- Um tempo? 

- Eu nunca fiz..  Isso e..  Eu não queria que fosse assim..  Contra a minha vontade! Eu faço o que você quiser depois me torno até seu por toda vida..  Mas não me faça ter nojo de mim mesmo depois! 

O coração que Jeon parecia Não ter havia dado uma brecha para o apelo de Jimin que realmente lhe tocou fundo, Ele suspirou e saiu de cima de Park começando a abotoar sua calça e por o cinto, em seguida pôs a camisa e sua máscara novamente pois o restante da casa e das pessoas que faziam negócio com Jungkook nunca viram seu rosto. 

- Lhe garanto que essa será a primeira e última vez que levo em conta seu apelo!

- Obrigado Jungkook-shi! Prometo que lhe recompensarei depois! 

- Eu acho bom mesmo! E eu espero que esteja sabendo bem do que estou falando!  - Me aproximei do garoto puxando  levemente seu lábio inferior. 

Ele por sua vez retribuiu talvez enojado pois pude sentir o mau gosto que menor descrevia em seu beijo, separo-me e saio dos seus aposentos trancando a porta do quarto e seguindo para o balcão onde sempre acontecia as reuniões do contra bando e onde passava a maioria do tempo. 

- A verdade é que eu ainda Sou um homem fraco por te Amar Jimin! 

Jogo minha cabeça sobre o apoio Da cadeira de couro fechando meus olhos tentando espairecer e esquecer o erro que cometeu dando espaço para Jimin domina-lo. 

 (Offline Jungkook) 🔇

_____________   

(Park Jimin Online) 🔊

Me sentia aliviado por conseguir me livrar dele, sim por um momento senti um mero Deslize de prazer aos senti-lo daquela maneira tão cheio de desejo e louco para me ter por inteiro..  Mas eu não sentia o que ele me obrigava a sentir..  Me perdoe Jungkook!  Mas dessa noite não passa! 

Park Tinha em mente um plano que talvez desse certo em sua mera fuga! Não sei como pretendia por em prática mais ele tinha muito tempo até que chegasse as 22h AM e teria tempo suficiente para conseguir alguma coisa. 

Decidiu se lavar novamente para retirar o cheiro que Jungkook havia deixado cravado em seu corpo, era como um chiclete que se colava e não queria mais sair de si porém ele foi mais hábil e e teve sucesso ao tentar retirar o cheiro, se secou e dessa vez não foi atrapalhado ao se vestir pondo as roupas que haviam ali que lhe caíram até bem, Jimin precisava começar a por seu plano em prática e começaria agora! 





Notas Finais


Foi Isso Amores! Segurem seus corações pois próximo capítulo será hiper Polêmico!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...