História Stand By Me - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Fugaku Uchiha, Hiruzen Sarutobi, Itachi Uchiha, Kakashi Hatake, Mikoto Uchiha, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Dark Naruto, Narusasu, Naruto Poderoso, Sasuke Protetor, Sasunaru, Vingança
Visualizações 111
Palavras 2.458
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mina espero que gostem deste capítulo.


Quero agradecer a todos vcs pelos comentários, visualizações e favoritos.


Bjos😙 ao meu querido amigo Luigi e feliz aniversário🎉🎉🎉🎉. Que Deus ilumine seu caminho e o proteja de todo o mal. Como vc me pediu, fiz o meu melhor para escrever esse capitulo e postá-lo no dia de seu aniversário, então nada mais justo que dedicá-lo a vc meu grande amigo!!!!!


Tenham uma boa leitura😉

Capítulo 4 - Konoha quase me destruiu!


Naruto chegou a seu apartamento em 10 minutos, seguido por Stefan, Damon e Sasuke. O loiro abriu a porta e seguiu em direção a seu quarto, pegou o pergaminho que continha suas roupas e outro que armazenava seu arsenal. Vendo a expressão de seus amigos disse: Quando nos conhecemos expliquei certas coisas. O que posso dizer no momento é obrigado, vocês foram os únicos que realmente se importaram mesmo sem me conhecer – ao perceber que Sasuke iria contestar, falou firmemente: Sasuke, você pode até tentar dizer que não é verdade, mas a questão é que sempre estive sozinho, ninguém se importou comigo. Damon e Stefan foram os únicos a me tratar como ser humano – olhando para seus amigos comentou: Я отведу их к водопаду, который находится рядом с лесом деревни. Мы можем поговорить там спокойно. (Tradução- Vou levá-los a cachoeira que fica próximo à floresta da vila. Lá poderemos conversar tranquilamente) – voltou sua atenção para Sasuke que estava emburrado e de forma gélida pediu: Sasuke vou sair para conversar com meus amigos e existem coisas que não estou à vontade para dizer em sua presença. Então, se não for pedir muito, quero ficar a sós com eles, espero que me compreenda.

Sasuke se sentia desnecessário e um mero incômodo para o homem que ama. Lágrimas escorriam por seu rosto e sem forças para partir implorou: Naruto, por favor, me deixa ir com você – se aproximou do loiro – Se não quiser que eu saiba sobre o que conversam, use outro idioma. Eu te amo, não me trate assim!! – o moreno começou a chorar copiosamente e Naruto não entendia por que era tão difícil para Sasuke deixá-lo conversar com seus amigos.

 

Damon estava sem palavras, mas compreendia o que era se sentir inútil para a pessoa que ama com todo o coração. Olhando para seu amor, pôde perceber que aquela situação era praticamente estranha para Naruto. Parecia que os sentimentos do loiro estavam selados, impedindo-o de entender que suas palavras eram gélidas e, de certa forma, cruéis. E pela primeira vez, teve compaixão por aquele que está apaixonado pelo mesmo homem que ele.

 

Stefan olhou para seu amigo e teve todas as suas dúvidas respondidas naquele olhar. Seu amigo não é insensível, cruel ou desumano. A questão é que ninguém desta vila demonstrou-lhe amor. Algo quebrou dentro de Naruto e para se proteger está suprimindo seus sentimentos, e por consequência vê toda e qualquer demonstração de afeto com desconfiança. Sasuke pode ter errado em algum ponto com Naruto. Mas, é seu dever como amigo do loiro fazê-lo ver, que deve tratar com frieza e crueldade, apenas as pessoas que lhe fizeram coisas imperdoáveis. Caminhou em sua direção e quando estava em frente a ele o repreendeu: Наруто! Возможно, он допустил ошибки, но даже слепой может видеть, что Учиха любит вас. Не отказывай! Не относитесь к нему, как кряк! Эта деревня, возможно, трахнула тебя.Но я сомневаюсь, что он мог вам помочь. Но теперь он может защитить вас и стать вам союзником (Tradução- Naruto! Ele pode ter cometido erros, mas até um cego pode ver que o Uchiha te ama. Não o descarte! Não o trate como lixo! Essa vila pode ter feito merda pra você. Porém, duvido que ele podia te ajudar. Mas, agora ele pode te proteger e ser o aliado que precisa).

 

Naruto não seria censurado por ninguém. Nem mesmo por seu amigo. Fazia 10 meses que ele não sentia aquele tipo de dor. Lembranças daquela noite inundaram sua mente, desestabilizando o selo que executou em si há 9 meses. Konoha pagará por todo o mal que lhe causou e aqueles infelizes sofrerão mais que ele, e sem perceber que não estava falando em russo gritou: Ele pode não ter feito nada, mas quando aqueles nojentos tentaram me estuprar, ninguém me protegeu! Ninguém se importou! Eles fingiram que nada aconteceu! – caindo de joelhos – Eu odeio essa maldita vila! E quando eu descobrir a verdade sobre a morte de meus pais destruirei Konoha!   

 

O mundo de Damon parou naquele momento. Seu amor sofreu uma tentativa de estupro em sua própria aldeia e isso era inaceitável. Praticamente caindo ao lado de Naruto, puxou-o para seus braços e jurou: Eu te amo Naruto e não pense por um só segundo que não me importo com você. Tu és minha razão de viver. A luz que me guiou no momento mais difícil – pegando seu rosto gentilmente – Me diga o que posso fazer para lhe ajudar? Por favor, me diga – mas, Naruto não respondia. As lembranças eram demais para ele. E sua mente o bloqueou para protegê-lo. O selo tinha rompido e as consequências eram inimagináveis.

 

Tentaram estuprar seu amor! As lágrimas de rejeição foram substituídas por lágrimas de dor e revolta. Quem tivesse ousado tocar o homem que ama, morreria da forma mais lenta e dolorosa existente. Seu corpo tremia. Seu Sharingan estava ativado e tudo que ele pensava era proteger Naruto com sua vida. Konoha não merecia compaixão! Se seu amor quisesse a cabeça dos aldeões e do hokage em uma bandeja de prata, assim seria. A partir daquele momento as palavras de seu anjo seriam leis para ele. Sasuke olhou para Damon como se fizesse um pedido silencioso para pegar Naruto em seus braços. O príncipe mesmo receoso colocou-o nos braços do Uchiha, mas continuou ao seu lado. Eles ficaram em silêncio esperando o loiro se recuperar, entretanto a explosão emocional drenou suas forças fazendo-o adormecer.

 

 

[...]

Duas horas Depois

O moreno levantou-se lentamente e caminhou em direção ao quarto de Naruto, os príncipes fizeram questão de segui-lo. Depois de colocá-lo gentilmente na cama, sentou ao seu lado e olhando para os príncipes afirmou friamente: Não sei como isso veio a acontecer. Não gosto de vocês, mas o amo com todo o meu coração. E aqueles que tentaram tocá-lo vão morrer! – olhando-os com o Sharingan ativado – O que Naruto sofreu parecerá um simples machucado comparado ao que será feito a Konoha e aqueles infelizes!

Stefan culpava-se pela quebra emocional que seu amigo teve. Em sua mente ecoavam as seguintes palavras: Se você tivesse ficado em silêncio, Naruto não estaria assim! Você devia ter vergonha por tê-lo julgado, antes de saber a verdade! Lágrimas escorriam por seu rosto. Ele queria voltar no tempo e se bater para que não pudesse dizer uma palavra a seu amigo, mas o mal estava feito e tudo que poderia fazer era ajudar a proteger Naruto. Lentamente parou de chorar e tentando parecer calmo, propôs: Pelo que presenciamos, podemos presumir que algumas pessoas sabem sobre a tentativa de estupro e fingem que nada aconteceu. Naruto age como se ninguém se importasse e não posso permitir que ele continue pensando assim. Damon, Sasuke quero propor que façamos um juramento de ligação, assim nem por meio de tortura poderemos falar sobre os planos de Naru-chan – o moreno olhou friamente para os príncipes e falou: Estou disposto a fazer o ritual de ligação de meu clã. Amo Naruto e quero me casar com ele. Minha fidelidade e lealdade são somente para ele. Não os conheço, mas se me ajudarem a protegê-lo desses malditos e a destruir essa vila, estarei em divida com vocês pelo resto de minha vida.

Damon ama Naruto mais que sua própria vida e não o deixará. Pensando em todas as possibilidades, compreendeu que o amor que sente é generoso, gentil e compreensivo. E se for para o bem de seu Naru-chan, compartilhará o homem que ama, mesmo que tenha que suportar o Uchiha. Olhando para o rosto adormecido de seu amor, sentiu a raiva e fúria tomar conta de seu ser. Ele tinha várias perguntas, mas por enquanto elas teriam que ficar sem resposta, sentindo a mão de Stefan em seu ombro comentou: Sasuke também não gosto de você. E minha fidelidade, lealdade e amor são somente para Naruto. Stefan ama Naru-chan como um irmão, então, nós dois sabemos que se quisermos que o homem que amamos seja feliz, temos que fazer algumas concessões. Vamos deixar essa conversa para mais tarde, por enquanto temos que cuidar dele. Stefan coloque o selo imperial de sigilo – após o selo ser realizado continuou – Uchiha, esse selo é inquebrantável, assim podemos conversar sem nos preocupar com ouvintes indesejados. Você mora nessa vila, e quero em no máximo 48 horas uma lista com os nomes das pessoas que tiveram qualquer tipo de contato com Naruto. Stefan precisamos comprar imediatamente uma casa, não importa o valor. Peço desculpas Sasuke, mas não confio em seu pai e irmão, eles parecem beijar o chão em que Hiruzen caminha e meus instintos dizem que sua família ficará a favor da vila, e machucará ou matará Naru-chan na primeira oportunidade.

 

Sasuke queria poder dizer que aquilo era mentira. Que seu otousan e niisan jamais machucariam o homem que ama, mas ele não é ingênuo, e sabe que o prodígio Itachi Uchiha destruirá qualquer um que seja uma ameaça para Konoha, e Fugasu Uchiha – o líder de gelo é capaz de matar a própria mãe pelo bem da vila e pelo prestigio do grandioso Clã Uchiha. Sua okaasan não interferirá nos conflitos de Konoha, mas ficará ao lado de seu marido, mesmo que não seja o certo. Ele não conseguirá matá-los em um confronto, mas não os protegerá se tiver que escolher. Aquela era sua família, porém Naruto era seu tudo, seu amor, seu universo e sem ele não poderia viver.

Naquele momento tomou uma decisão. Ficará ao lado de Naruto até o último dia de sua vida. Dará seu amor e se entregará de corpo e alma, mesmo que não receba nada em troca. Voltando sua atenção para os Romanoff falou: Naruto é e sempre será minha prioridade, então entregarei o relatório e farei um dossiê descrevendo os pontos fortes e fracos de cada membro de meu Clã. Damon tem razão servir Konoha é um dos lemas do Clã Uchiha e se Naruto quiser destruí-la, eles não hesitarão e-em ....v-vocês sabem – lágrimas se acumulavam em seus olhos. Seu coração doía só de pensar que seu Naru-chan pode ser morto. Tentando ser forte para proteger o homem que ama continuou – Hoje à noite pegarei um pergaminho muito importante. Stefan precisarei de ajuda, pois não posso ser pego e deixar o meu amor desprotegido. Podem me condenar à morte caso me peguem com esse pergaminho. Não podemos ficar em minha casa por muito tempo, pois Itachi poderá investigar o comportamento de Naru-chan. E por fim, quero permissão para treinar com vocês e desejo aprender todos os idiomas que Naruto fala com fluência.

Stefan faria qualquer coisa para ajudar seu amigo. Encontrando os olhos de seu irmão e ao receber um aceno quase imperceptível, falou: Vou providenciar tudo que for necessário para garantir a segurança de Naruto. Sasuke lhe ajudarei a pegar esse pergaminho. Podemos discutir sobre seu treinamento em outro momento. Damon, você é proficiente em feitiços de cura e varreduras, preciso que verifique o estado de saúde de Naru-chan.

 

Damon executou, quase que imediatamente, uma varredura. Após alguns segundos surgiu um pergaminho e ao lê-lo começou a tremer. Aquele papel descrevia lesões antigas e recentes, fraturas e ossos que foram quebrados, sem mencionar a falta de nutrientes, que talvez fosse causado por alimentação inadequada. Mas, o que o fez desmoronar foi saber que seu amor possuía dois selos em seu corpo. O primeiro era referente ao selamento de uma besta com caudas dentro de si e o segundo era um selo que suprimia sentimentos. Esse selo foi utilizado em soldados nos tempos de guerra. Tornando-os eficientes e desprovidos de qualquer sentimento. Em alguns casos o portador poderia sentir empatia, carinho e alegria, mas era uma raridade. E sua mente questionou: Ele não está dormindo! Suas reservas de chackra são enormes e uma quebra emocional não o deixaria completamente inconsciente. Isso significa.....

 

Não podia ser verdade! Ele não perderia seu amor assim! Tremendo por pensar nas consequências do rompimento de um selo como aquele. Desesperado por saber as chances de perder Naruto. Olhou para seu irmão e exigiu: Stefan execute em torno deste apartamento uma barreira de proteção, a mesma que utilizamos em nosso palácio – aguardou seu irmão executar a barreira e continuou – Naruto tem um grande histórico de lesões, fraturas e desnutrição, mas o que me preocupa é esse selo – entregou o pergaminho a Stefan, fazendo-o arregalar os olhos por saber do que se trata. Aquele selo poderia destruir a mente do usuário, caso o selo rompesse. Com lágrimas se formando em seus olhos falou: Temos que tentar reverter os danos. Serei sua fonte de chackra, use o quanto precisar. Execute o feitiço agora!

Sasuke ao ver o desespero nos olhos de Damon e Stefan questionou: O que está acontecendo com Naru-chan? Responda-me? – Damon estava desesperado e não podia acreditar que o Uchiha estava lhe exigindo explicações. Sem pensar disse: Naruto perderá sua mente e morrerá se não fizermos algo. Agora saia de seu lado! Pois, não vou perdê-lo! – o moreno não estava compreendendo. Mas, a dor contida no olhar dos irmãos o fez perceber que algo estava errado. Naruto estava praticamente inconsciente e aquilo não era normal. O medo de perder o amor de sua vida o fez perguntar: Por favor, posso ajudar em algo? – enquanto Damon iniciava feitiço, Stefan esclareceu: A dor por tudo que ele passou o fez adotar uma medida irresponsável. Ele usou em si um selo perigoso e, em alguns casos, mortal que suprime sentimentos. O selo rompeu e podemos perdê-lo. Se você quiser ajudá-lo use seu chackra para alimentar o feitiço de restauração mental.

 

Ninguém precisou dizer mais uma palavra. Sasuke e Stefan serviram de fonte para o feitiço de restauração mental. Damon fazia seu melhor para restaurar a mente do homem que ama. Ele estava decidido a mantê-lo vivo e seguro. As memórias de Naruto estavam praticamente rasgadas. Tudo era distorcido, frio e medonho na mente do loiro. O príncipe suava e tremia por medo de não ser forte o suficiente para ajudar seu Naru-chan.

 

 


 
[...]

Quatro Horas Depois

Damon finalmente conseguiu realizar o feitiço com sucesso. Ele estava exausto e sem forças para manter-se de pé. Olhando para o lado viu que seu irmão estava pálido e mal conseguia se mover. Havia usado quase todo o chackra de Stefan e até Sasuke parecia uma sombra do que era na manhã daquele dia. Arrastando-se para o lado de Naruto, ficou observando-o. Ninguém se atreveu a dizer uma única palavra.

Sasuke praticamente desmoronou por estar quase sem chackra. Seu corpo doía e esforçava-se para continuar acordado. Mas, ele tinha que ser forte para proteger o homem que ama. Damon garantiu-lhe que seu amor acordaria em no máximo 4 horas e ansioso e mesmo que cambaleando, se sentou ao lado de seu Naru-chan.

 

Alguns minutos depois Naruto lentamente abriu seus olhos azuis.


Notas Finais


Espero que tenham gostado desse capítulo.

Quero agradecer-lhes por acompanharem está fic.

Sugestões, críticas, observações ou elogios é só deixar um comentário.


No próximo capítulo verdades serão descobertas e como meu avô diz: O Diabo encobre a verdade até onde quer, mas quando tudo é descoberto, ele é o primeiro a rir da tua desgraça.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...