História Stargate SG-1 - Hidra Galaxy - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Star Trek (Jornada nas Estrelas)
Tags Ação, Aventura, Doctor Who, Ficção Cientifica, Stargate
Visualizações 1
Palavras 1.059
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 10 - Tártaro


James e sua equipe improvisada partem para o planeta de Hades, ele estava muito furioso, quase não conseguia pensar direito, ele coloca a nave em modo automático.

James – pessoal, vamos atacar furtivamente, vamos a um local onde podemos conseguir informações primeiro para descobrir onde está nosso pessoal.

??? – senhor, porque você odeia tanto esse cara? Digo, esse Goa’uld?

James – foi por causa dele que meu pai morreu. Por anos eu achei que meu pai tinha dado a vida para matar esse maldito, mas aqui estamos nós.

??? – nós vamos pegar ele senhor.

James – bom, temos tempo ate chegar no planeta dele, porque não me conta a historia toda – o soldado abaixou a cabeça – vamos lá Roger, eu preciso saber.

Roger – tudo bem, o geral você já sabe, mas o que não sabe é que eles foram te procurar.

James – eu? Porque?

Roger – não sabemos, as naves dele chegaram em nossa orbita, elas tem aquele modelo das naves antigas dos Goa’uld, mas são muito mais avançadas, muito poderosas, quando dissemos a ele que você não estava mais “vivo” ele ficou muito irritado e começou a atacar, tentamos de tudo mas não conseguimos, ele mandou um Jaffa muito esquisito, demoramos quase 2 horas pra matar ele, ele quase conseguiu destruir a base, mas usou algum tipo de marcação para pegar os reféns, eles tem um tipo de teletransporte.

James estava em um misto de curiosidade e espanto.

Roger – depois que ele destruiu o que pode, e raptou as pessoas mais inteligentes da base, conseguimos abater ele, ficamos vulneráveis, poucos de nos sabíamos consertar algo, temos conhecimento básico ou nenhum, depois de um tempo eles apareceram do nada em uma nave pequena e começaram a atirar do nada, ficam nisso por alguns minutos depois somem.

James – eu vou encontrar esse filho da puta e acabar com ele com minhas mãos.

Roger – senhor, ele não tem mais hospedeiro humano, é um tipo de Cobra não sei.

James – ótimo, pelo menos eu não vou ficar com peso na consciência de ter matado um humano.

Os outros soldados o olhavam com medo, James estava fora de si. A viagem demorou algumas horas e por fim chegaram ao planeta, assim que saíram do Hiper espaço, James camuflou a nave.

James – vamos pousar perto daquela vila ali embaixo, estou captando sinais de vida.

James pousou a nave perto do vilarejo, era um lugar bem destruído, havia algumas pessoas na rua, em sua maioria mulheres e crianças, e alguns idosos. Eles eram parecidos com humanos mas tinham a pele vermelha, James se aproximou de uma mulher para tentar conversar.

James – oi, fala minha língua.

Ela acenou que sim.

James – a senhora sabe como podemos entrar na fortaleza?

??? – para que vocês querem entrar lá?

James – alguns amigos nossos foram pegos, queremos eles de volta.

??? – é impossível, ninguém entra no Tartaro por vontade própria.

James – Tartaro? É o nome da base?

Roger – minha nossa eu odeio esses Goa’uld literais.

Alguns soldados riram.

James – eu também, senhora, nos queremos entrar tem alguma forma?

??? – quando eles vem buscar pessoas, aparecem uns anéis do chão, no centro da vila – ela aponta para o único lugar no vilarejo que estava intacto – eles aparecem do nada pegam o que querem e depois somem naqueles anéis. E quando tentamos fazer alguma coisa eles liberam uma fera em nossa floresta!

James – fera? Que tipo de fera?

??? – eu não sei, mas é grande e tem 3 cabeças, não podemos fazer nada, como pode ver não temos armas, e eles levaram todos os homens da vila – ela começou a chorar – essa vila era prospera, nós éramos bem vistos na galaxia, todos compravam nossos produtos, agora fomos feitos de escravos por esse Reptiliano.

James – Reptiliano?

??? – sim, são homens cobra, eles são carnívoros, e sua dieta principal é tudo que não for da mesma raça que eles, como você pode ver, nossa vila é pequena, mas antes de eles chegarem aqui era enorme, acho que eles escolhem as pessoas para comerem. Eu só quero poder viver em paz - James a abraça.

James – vamos tentar tirar eles do seu planeta senhora. Vou fazer o máximo que eu puder.

James e seus soldados começam a conversar .

Roger – fera de tres cabeças, eu acho que ela estava falando de Cerberus o cão de guarda de Hades – todos olhavam para Roger - o que foi? Eu gostava das historias dos deuses quando eu era pequeno.

James – tudo bem, pelo que ela disse, no meio da cidade tem um transporte de anéis, vamos pra la, de 5 em 5 a gente entra e tomem cuidado, parece que vamos encarar um labirinto. E se eu não estiver enganado, vocês sabem o que encontraremos naquele labirinto.

??? – eu odeio vacas!

Todos riram, James pega emprestado algumas vestes do povo , eles se cobrem. E sobem no altar dos anéis, James hackeia o sistema e se prepara para mandar os primeiros 5.

James – pessoal, quando chegarem , montem perímetro ao lado dos anéis.

??? – sim senhor.

James aperta alguns botões em seu tablet e os anéis sobem e depois descem.

James – beleza agora somos nós.

Todos os 5 costa a costa, James aciona os anéis e antes de sumir ele olha para a senhora e faz um sinal de positivo, quando chegam em baixo os outros soldados estavam em posições ao redor do anel.

James – vamos la pessoal, vou lançar as sondas – James mexe em sua bolsa e retira 4 bolas prateadas e as joga para cima, elas começam a flutuar e emitir um lazer nas paredes – beleza, estão prontas para procura, vou deixa-las em modo automático, vamos segurar essa posição por alguns minutos enquanto elas procuram um caminho seguro, fiquem alertas.

As sondas começam a busca e todos eles ficavam atentos a qualquer barulho, James olhava em seu tablet enquanto um mapa dos corredores se formava, de repente um sinal de vida apareceu, e uma das sondas sumiu, logo em seguida outra sonda, e por fim as duas ultimas foram destruídas. No tablet James viu que algo grande os seguia, eles escutaram passos pesados, que estremeciam todo o lugar. Quando ele apareceu era quase do tamanho da sala com pelo menos 2 metros e meio de altura, corpo de homem e cabeça de touro.

James – o que você disse antes Mike?

Mike – EU ODEIO VACAS. AHHHHHHHHHHH

Nesse momento o Minotauro atacou...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...