História Stargate SG-1 - Hidra Galaxy - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Star Trek (Jornada nas Estrelas)
Tags Ação, Aventura, Doctor Who, Ficção Cientifica, Stargate
Visualizações 1
Palavras 1.506
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 11 - Minotauro e Cerbero


A criatura era grotesca, apesar de seu tamanho e peso, ele se movia muito rápido, todos se espalharam, tentando achar um meio de abater aquele monstro o mais rápido possível.

James – Roger, você que leu as historias sobre os deuses quando era criança...

Roger – o que tem?

James – como matamos isso?

Roger – de acordo com o que eu lembro, Teseu matou o Minotauro com um golpe forte na cabeça.

James – só isso? Não tem mais informação?

Roger – ah! Ele ficou com a Mocinha no final!

James sorriu enquanto corriam.

James – (pensando)bom de acordo com a historia, temos que acertar a cabeça dele com um golpe forte! Mas como, esse bicho é forte demais – nesse momento ele ouve uma voz em sua cabeça.

??? – me ajude, por favor me ajude

James olha para os lados e não vê nada nem ninguém alem de seus homens

??? – por favor, eu não quero fazer isso

James – quem esta falando, quem esta ai?

Roger – Senhor?

James – não esta ouvindo? Alguém pedindo ajuda!

Roger –não senhor, a única coisa que eu escuto, são os tiros e os berros do monstro!

Nesse momento um dos homens de James é arremessado pelo corredor e bate na parede.

James – você esta bem?

??? – acho que vou viver senhor, mas torci meu tornozelo.

James – consegue se arrastar para longe?, vamos dar um jeito nesse monstro agora, eu tenho uma ideia!

??? – sim senhor.

Roger – o que pretende fazer?

James – bom! Uma pancada forte na cabeça você diz. Acho que eu vou fazer como na historia de Aquiles.

Roger – eu não entendi? O que tem a ver Aquiles com matar esse minotauro? São historias diferentes?

James – Claro que são, mas eu não vou pela historia, vou pelos fatos, o fato é que qualquer criatura grande assim depende dos pés para se mover.

Roger – ainda não entendi!

James – Aquiles foi morto porque não podia se mover. Lembra? Ele foi ferido em um local especifico!

James parou de falar e foi para cima de seu oponente, pedindo por cobertura, pediu para seus homens direcionarem todo ataque na cabeça da fera, ele então sacou sua espada e começou a se mover rápido tentando se desviar dos golpes a esmo da fera, com golpes rápidos, ele cortava todos os nervos das pernas e dos braços do minotauro, e por fim a criatura vem abaixo e incapaz de se mover, mais uma vez a voz em sua mente.

??? – obrigado, por favor me mate, eu não quero machucar ninguém

James - eu acho que esse bicho esta falando por telepatia.

Roger – agora eu também ouvi, ele agradeceu! Será que conseguimos alguma informação dele?

??? – eu morava aqui neste planeta, quando eles chegaram escravizaram todos os homens, eu era o guerreiro mais forte, eles me usaram como cobaia para um tipo de maquina, só algumas pessoas conseguem me ouvir, meu corpo se movia sozinho e matava tudo o que via vivo pela frente, eu matei meus pais e meus amigos sem perceber. Por favor acabe comigo, eu não aguento mais viver assim – o corpo da fera ainda tentava de todas as formas lutar, mas de seu olho uma lagrima caiu – por favor!!

James – esta vendo Roger? É isso que os Goa’uld são, são monstros que não se preocupam com nada nem ninguém, nem com sua própria espécie. – James cortou a cabeça do minotauro e se ajoelhou – Me Perdoe!

James reuniu sua equipe de novo para fazer os primeiros socorros em quem estava machucado, por sorte quase ninguém se feriu gravemente, Roger lançou outras sondas para terminar de escanear o labirinto, depois de alguns minutos estava tudo mapeado e em seu tablet, James programou para achar uma rota para a entrada da base, e um caminho se mostrou.

James – eu quero que fiquem 3 aqui para marcar os anéis, qualquer coisa que se aproximar que não for nós no mapa atire primeiro e pergunte depois, não temos tempo para amenidades, Julio você fica com eles, já que esta com a perna machucada!

Julio – sim senhor.

James e sua equipe continuam pelo caminho que suas sondas criaram, e quando estão quase chegando, ao longe se ouve correntes se arrastando e um som de cachorros gigantes. Todos ficam apreensivos, a maioria ali sabia o que era aquele som.

James – Droga, haha!

Roger – Maldição, eu ODEIO esses Goa’uld literais mais do que tudo.

??? – mas Senhor, como você é fã das historias, pense como um tour dentro de um livro!

Roger – sabe o que eu mais gostava nas historias?

??? – o que?

Roger – eram “Historias” não eram reais, e por mais fascinante que seja, eu nunca iria querer enfrentar um Minotauro ou um Cerbero.

James – Advinha só, hoje temos pacote completoo – James falando como um vendedor de TV – só hoje você enfrentará, MIIIINOTAURO, CEEERBERO, e para fechar com CHAVE de ouro, Hades.

Todos riram, e viram que James era um cara bem legal de se lidar!

James – é pessoal, me desculpem por antes, eu não consegui controlar minha raiva e deixei transparecer, geralmente eu não sou assim. Hoje ninguém morre entendidos.

Todos – Sim Senhor!

James – bom, antes de irmos para nosso próximo “boss” Roger, pode nos atualizar de como matamos um cão de três cabeças?

Roger – pelo que eu me lembre não existia um jeito de matar o Cerbero, a historia mostra que alguns morriam e outros simplesmente passavam por ele.

James – isso foi inútil, não temos nada, bom vamos nessa, temos que dar um jeito de qualquer forma.

James e seus homens seguiram em frente, porem se esconderam atrás de uma parede para ver o tamanho do animal. Ele era imenso, tinha mais ou menos a mesma altura do Minotauro, e uns 4 metros de comprimento, não tinha como matar aquilo, porem James viu algo, ele estava preso por muitas correntes, ele tentava de todas as formas se livrar delas, então James se aproxima, e rezando para ser como o Minotauro e uma pessoa estar dentro da criatura ele chega em frente.

James – e ai? É ruim ficar preso Né ?

Roger – senhor o que esta fazendo? – disse Roger ainda com os outros atrás da parede.

James – relaxa, eu sempre me dei bem com cachorros – nesse momento ele ouve a voz.

??? – o que você quer, veio me espetar com a vara de eletricidade também?

James – porque eu faria isso? Eu gosto de cachorro!

??? – todas aquelas cobras me espetam quando passam aqui, por isso me deixam preso, eles disseram que eu sou uma falha mas pelo menos eu posso ficar de guarda aqui.

James – e se eu te soltasse? O que você faria?

Roger – o que? Ficou maluco?.... Senhor!

James – e então o que me diz? Eu quero entrar ai nessa porta, mas você esta na frente, o que acha? Eu te solto e você pode se vingar das cobras! Ta affim?

??? – como eu vou saber que você não vai me matar se eu deixar você se aproximar?

James – cara, estamos todos assustados com o seu tamanho. Temos mais medo de você do que você de nós eu garanto.

??? – tudo bem então, me liberte.

James desfere vários golpes de espada nas correntes e as corta, deixando Cerbero livre, quando ele se vê sem correntes ele avança para cima de James, nesse momento todos os soldados apontam as armas para a fera, mas não atiram pois James estava com a mão erguida com um sinal de pare!

??? – como você sabia que eu não ia te atacar?

James – eu não sabia! Simplesmente confiei, alias, eu sou James.

??? – eu sou, ou melhor eu era Krai Sur, depois que meu planeta foi tomado , eu fui pego como cobaia e virei “Isso”

James – Krai muito prazer, você sabe onde ficam os prisioneiros?

Krai – sim, posso leva-los la!

James – ótimo, Roger e vocês vão com ele, salvem todos que puderem.

Roger – e o senhor?

James – eu vou direto no chefão da fase. Boa sorte!

Roger seguiu Cerbero correndo junto com os outros soldados, James caminhava dentro da base a procura de Hades, haviam poucos Jaffa e James os abatia fácil. Por fim James chega em um salão, e lá estava ele, Junto de um Jaffa, eram um tipo de raça Draconiana, seu corpo era coberto de escamas vermelho esverdeado, seus olhos eram um vermelho escuro, possuía braços e o resto de seu corpo era o de uma cobra, seu Jaffa era da mesma espécie, porem pela aparência era de uma Casta menor! Ele possuía pernas espinhos nos braços e o Simbolo de Hades na testa, aquele sem duvida era seu primeiro oficial.

Hades – Ora, que temossss aqui – ele inspira – o filho de Jack Xavier, engraçado você ter vindo aqui, ouvi dizer que esssstava morto.

James – é eu aprendi a ressuscitar, só para poder te matar.

Jaffa – respeite seu DEUS! Humano!

James – olha, vejo que conseguiu novos lacaios! E eles obedecem direitinho né?

Hades olhava com muita raiva para James, ele ainda guardava rancor dos humanos pois eles caçaram cada Goa’uld na via láctea, e sem muita conversa ele mandou seu Jaffa para cima de James!


Notas Finais


No próximo capítulo, uma reviravolta e a revelação da profecia!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...