1. Spirit Fanfics >
  2. Start Again - Stean >
  3. Years go by

História Start Again - Stean - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - Years go by


Fanfic / Fanfiction Start Again - Stean - Capítulo 7 - Years go by

Passaram-se oito anos……

 

Dean e Sam estão em um bar, sentados, Dean esta bebendo uísque e Sam uma cerveja, enquanto conversam sobre o novo caso, pessoas dizendo que estão presenciado pessoas mortas. Já o Stiles esta em outra ponta do bar, conversando com uma mulher loira e de olhos verdes, sorrisos e flertes. Dean olha na direção do Stiles e revira os olhos:

- ele devia só perguntar ela sobre as coisas… e então ele devia estar é aqui. – Dean fala olhando para o Stiles com raiva.

- - deixa o garoto se divertir. – Sam fala olhando para o Stiles com a mulher. – você esta com ciúmes? – Sam pergunta ao perceber que Dean não para de olhar para Stiles e a garota. – Dean Winchester com ciúmes. – diz zombando.

- eu com ciúmes… claro que não.

- aham sei.

Dean revira os olhos para Sam e olha mais uma vez em direção do Stiles e depois volta a beber mais um gole de seu uísque.

 

(…)

 

Stiles volta para onde os irmãos Winchester estão se sentando do lado de Sam. Suas roupas estão amassadas e seus cabelos desarrumados. Sam olha para ele e sorri de lado:

- é Dean, o Stiles conseguiu aquilo, que você leva fora.

- na verdade não… ele só não sabe fazer uma boa cantada e ser bom de papo. – fala piscando para Dean que acaba revirando os olhos.

- como um pirralho fica com uma gostosa com aquela mulher?

- não irei dizer nada… depois você cola. – diz sorrindo, mas tentando esconder como o afetou Dean dizer aquilo.

- vocês dois parecem crianças. – Sam diz rindo, vendo o biquinho de Dean e o Stiles mostrando a língua para ele. – crianças.

 

(…)

 

Stiles esta no motel, sozinho, quando Dean e Sam estão no cemitério ver se acha algo. Stiles esta lendo sobre os Necromancia:

- A Necromancia é a capacidade de utilizar uma magia que envolve os mortos, suas almas e sua força vital. – mas antes de ler as próximas linhas do livro alguém bate na porta o desconcentrando. Ao abrir a porta Stiles sussurra:

- mãe. – a mulher sorri para seu lado e entra no quarto.

 

(…)

 

Dean e Sam estão em uma lanchonete onde conseguiriam mais informações sobre o que esta ocorrendo na cidade. A garçonete de cabelos pretos, lábios com um batom vermelho vivo e com um decote enorme que faz Dean sorri sacana para a garçonete, vai ate os dois:

- o que vão querer?

- hmm… - Dean olha para a plaquinha com o nome da mulher. – Evie, eu vou querer panquecas com muita calda, linguiças bem gordurosas e uma coca grande. – diz sorrindo sacana.

- e eu vou querer uma salada de frutas. – Sam fala.

- daqui a pouco traga os seus pedidos.

- que gostosa. – Dean diz com um sorriso sacana.

- Dean. – Sam o chama. – precisamos prestar atenção no caso.

- tudo bem. – diz agora ficando serio. – quantos relatos de pessoas que viram os seus parentes que deviam estar mortos?

- três pessoas foram a policia relatar esses aparecimentos, mas todos acham que enlouqueceram pelo luto.

- então tem um necromante na cidade, mas por quê?

- aqui é eles conseguem absorver mais força vital, quanto mais jovem melhor. – Sam responde ao irmão.

- como mata-lo?

- o Stiles ficou pesquisando a melhor forma de mata-lo. Agora nós precisamos acha-lo. – Sam responde saindo.

- você acha que ele consegue? – Dean pergunta cético, mesmo depois de anos o Winchester ainda não gosta do Stilinski, principalmente por não saber nada do garoto.

- sim. – Sam responde sem olhar para Dean com o cenho franzido.  

- você confia nele?

- sim. A gente conhece ele há anos.

- mas ele nunca disse nada sobre a vida dele.

- vamos logo.

Os dois entram no impala e vão em direção ao motel do qual estão hospedados.

 

(…)

 

Stiles olha para a sua “mãe” com os olhos arregalados e com pavor por saber quem esta em sua frente, um necromante em forma de sua mãe. “Claudia” esta sentada em uma das camas olhando para o seu filho “amorosamente”:

- Mischief. – a “Claudia” lhe chama.

- oi. – diz se movendo lentamente em torno do necromante. – como você esta viva? – pergunta na esperança de ser sua mãe.

- eu também não sei pequeno. Mój książe, você cresceu um homem lindo.

- obrigada mãe. – diz com lagrimas nos olhos, pegando o seu celular e mandando mensagem ao Sam. – onde você esteve todo esse tempo, mãe? – Stiles pergunta tentando enrolar o necromante em sua frente.

- tive que fazer uma viagem. – responde sorrindo. – mas já voltei para você, meu pequeno príncipe.

- o tempo passou. – Stiles diz. – tudo mudou tudo sempre muda.

- sim. – o sorriso do necromante faz os pelos da nunca de Stiles se arrepiarem. Quando o necromante vai para cima do Stiles, o arranha em seu pulso, mas não tão fundo. O Stilinski pega a arma que esta numa mesinha e aponta para a cabeça da mulher e no mesmo instante os irmãos Winchester chegam:

- quem é ela? – Dean pergunta olhando para a “doce” mulher.

- essa é minha mãe. – diz olhando nos olhos da coisa em sua frente. – que devia esta morta há anos, mas como sabemos essa coisa é o necromante. – Stiles diz agora olhando para os irmãos, mas com a arma direcionada para a coisa.

- você vai me matar de novo, Stiles? – o necromante lhe pergunta cínico. – você vai matar a sua mãe novamente, já não basta quando você tinha oito anos e que me matou?

- se você fosse a minha mãe saberia que eu nunca a quis morta e que foi a minha mãe que fez esse pedido a mim. Você não é a minha mãe. – então Stiles puxa o gatilho, acertando a cabeça do necromante que se desfaz em cinzas na frente deles. Os irmãos olha para o jovem homem, mas não falam nada.

- acabou. – Sam diz e tira a arma das mãos do Stiles, esse que não olha para nenhum dos irmãos e vai para o banheiro.

- iremos embora hoje mesmo. – Dean disse arrumando suas coisas e as colocando no impala.

Em algumas horas eles estão deixando a cidade, Dean e Sam ainda pensativos sobre a causa da morte da mãe de Stiles querendo saber o que aconteceu, mas não tendo coragem de perguntar nada ao garoto pelo fato do mesmo esta abalado com o que aconteceu em pouco tempo que estavam na cidade.

 

(Continua…)



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...