História Stay - (ChaeLisa) - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Black Pink
Personagens Jennie, Jisoo, Lisa, Personagens Originais, Rosé
Tags Blackpink, Chaelisa, Jensoo, Jiminexplicity, Texting, Yuri
Visualizações 381
Palavras 759
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, FemmeSlash, Ficção Adolescente, Fluffy, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yuri (Lésbica)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu estou gritando com a quantidade de comentários e favoritos! Obrigada♥

Boa leitura ^^

Capítulo 4 - Levei uma bolada da crush.


Fanfic / Fanfiction Stay - (ChaeLisa) - Capítulo 4 - Levei uma bolada da crush.

Depois daquele quase ataque hoje de manhã — sério, eu comecei a tossir e quase morri ali mesmo. Metade da sala ficou me olhando, passei vergonha.

Agora era a última aula de educação física. Estou levemente ansiosa por que, cai entre nós, não é todo dia que se vê Roseanne Park usando os trajes dessa aula. Desculpa mundo, me sinto uma estranha por ficar falando essas coisas.

Respirei fundo e levantei da cadeira indo ao encontro das minhas duas unnies.

— Ei Lisa, você já conversou com a Rosé sobre o trabalho? — Lá vem.

— Sobre...o que?

— Poxa vida Lalisa, o trabalho é para casa. Ou ela vai na sua ou você vai na dela. E sinceramente? Eu queria que ela fosse na sua porque eu conheço a sua mãe e....

— De jeito nenhum, Jennie! — Balancei às mãos rapidamente e negando com a cabeça.

Eu conheço muito bem a minha mãe e do jeito dela, e o pior é que a mesma sabe que eu tenho uma quedinha — lê-se penhasco — pela Rosé. Agora me arrependi de ter contado.

— Vou te ajudar com isso... — Jisoo falou e saiu correndo pelos corredores.

— KIM JISOO!!!! — Arregalei os olhos e corri atrás da mais velha. Ela não vai fazer isso, não vai!

Passamos na frente de várias salas até chegarmos no vestiário.

Olha, eu juro que não pedi amigas como essas para nenhum deus! Sério mesmo!!!

A Jisoo foi em direção da Rosé que estava se trocando, a arroxeada deu um sorriso malicioso antes de cutucar o braço da garota.

— Oi! Tudo bem?

— Jisoo...? É... — Coçou a nuca — Sim. Aconteceu alguma coisa? Você nunca fala comigo.

— Não tive oportunidades. — Falou sem graça enquanto eu estava morrendo de vergonha atrás dela, quase escondendo o rosto — Então, eu só queria perguntar se você vai na casa da Lalisa fazer o trabalho de matemática, porque se depender dela ela nunca vai perguntar isso.

— Hm...ah, vou sim. — A Rosé sorriu para mim e eu quase cai para trás. Meu Deus, se ela soubesse o que esse sorriso faz com meu pobre coração — Por que você mesma não veio me perguntar, Lalisa?

— Lisa...

— Que?

— M-M-Me chama de Lisa! Por favor, é meu apelido. — Queria voltar no tempo e não ter tremido tanto para falar.

— Ok, Lisa. Então, no final dessa aula você me espera e vamos juntas. Certo?

Confirmei balançando a cabeça e a morena sorriu mais uma vez e foi em direção a outra porta que dava na quadra.

— Meu coração. — Coloquei a mão no peito — Jichu, eu vou te matar!

— Me agradeça depois. — Piscou — Vamos nos trocar logo.

[...]

Hoje decidi ficar na arquibancada, os meninos e meninas estão jogando vôlei. E eu sou uma das pessoas que é horrível nesse jogo! Ano passado eu lembro que levei um tombo no chão só por tentar sacar a bola para cima. Vê se pode?

Comecei a olhar para todo mundo na quadra, até para a Jennie que estava super concentrada no jogo — sintam a ironia — olhando para a Jisoo. Essas duas....acho que vou fazer alguma coisa só para elas finalmente se tocarem que gostam uma da outra.

— OLHA A BOLA, LALISA!!!

Que...

Mas que....

QUE?!

Prestei atenção no que estava acontecendo só quando dei por mim que estava com uma puta dor no nariz e várias pessoas a minha volta.

É....alguém acertou uma bola no meu rosto.

— MEU DEUS EU MATEI A GAROTA! — Ouvi a voz da Rosé.

— Lisa! Lisa! — Jisoo sacudiu meu braço — Você tá bem???

— Olha, 'tô ótima! — Fiz um joinha, mesmo sentindo minha visão um pouco turva. Isso era uma bola de vôlei ou de basquete?!

— Gente...a garota está menstruando pelo nariz. — Olhei para a garota(que eu acho que era a Yuju), me deu vontade de mostrar o dedo do meio. Sério.

— Você só abre a boca para falar besteira, YuNa. — Yerin disse — Pessoal, alguém leva a Lisa para a enfermaria.

— Gente, eu estou ótima. — Levantei e quase cai para o lado — Ok, não tão ótima assim.

— Eu levo! — Roseanne pegou meu braço me fazendo me apoiar nela — Desculpa mesmo.

— S-Sem p-problemas....

Agora eu me pergunto. Agradeço por eu ter levado uma bolada na cara, meu nariz estar sangrando e quase estar desmaiando aqui — sem contar que estou coladinha com a crush?

Bem, isso não conta o fato que eu vou acabar desmaiando pela a bolada na cara e por a Rosé estar me notando.

Obrigada aula de vôlei?


Notas Finais


A garota está menstruando pelo nariz. - Choi YuNa, 2017.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...