História Stiles e o psicólogo - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Nick Jonas, Teen Wolf
Personagens Danny Mahealani, Derek Hale, Ethan, Isaac Lahey, Jordan Parrish, Liam Dunbar, Lydia Martin, Scott McCall, Sheriff Noah Stilinski, Stiles Stilinski, Theo Raeken
Tags Amor, Derek, Gay, Isaac, Iserek, Lydia, Sciles, Scott, Sherif, Stiles
Visualizações 57
Palavras 828
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu sei como é, é como um soco no estômago porque parece que ninguém se importa com você


*Eu

Capítulo 15 - Reconciliação


Fanfic / Fanfiction Stiles e o psicólogo - Capítulo 15 - Reconciliação


STILES:


Theo e eu fomos de carro na maior velocidade a casa de Scott. Atravessamos dois sinais vermelhos e quase atropelamos uma velhinha. Quando ele chegou bem em frente a casa, desci do carro e bati na porta.

- Stiles? - Scott abriu a porta.

- Quer dizer que você vai embora pra Paris? - perguntei com cinismo.

Ele olhou com raiva para seu primo que estava no carro.

O empurrei e entrei na casa.

- Olha Stiles, é meio complicado...

- Não tem problema. - o interrompi. - Pode me explicar.

Ele sentou-se perto de mim no sofá, e começou a falar.

- Você é a única pessoa que faz com que eu me sinta inseguro. - ele começou. - Ontem a noite eu estava levando uma caixa de bombons para você, mas antes de chegar na sua casa, te vi saindo de um carro de policia, e o policial te levou até a porta e te abraçou... Eu senti muito ciúmes e decepção. Mas pensei melhor e cheguei a conclusão que você ainda é novo,  tem 18 anos e eu já tenho 22... você ainda tem muito que aproveitar, pessoas pra conhecer e lugares pra ir, Acho que nao seria saudavel eu te prender em um relacionamento agora que você está começando sua vida. 

- Scott... você não está me prendendo. Eu realmente gosto muito de você, aquele policial me ajudou muito ontem... Meu pai morreu e eu só queria que você também não fosse embora pra sempre! 

- Caramba, eu não sabia Stiles! - ele disse com olhar de arrependimento e pegando  na minha mão.  - Eu sinto muito, mesmo. Desculpe não ter perguntado nada, e ter sumido desse jeito. Foi imaturo da minha parte. 

- Se tivesse respondido o meu torpedo saberia... - Eu disse.

- Eu sei, sinto muito, desculpa! - ele disse. 

- Não sei se eu desculpo você. - virei o rosto fingindo birra.

- E o que posso fazer pra você me desculpar?  - ele disse bem perto do meu ouvido.

- Não sei...

Ele me puxou e me beijou com muita força. Sentir os lábios dele nos meus era um alívio, uma sensação de tesão e euforia ao mesmo tempo. Naquele momento nada mais importava a não ser nós dois. Seus braços me envolvendo e minhas mãos em suas costas evidenciavam nosso interesse carnal de um pelo outro. Tentei me desvencilhar do beijo por um instante e dizer um "gostoso" mais antes de eu dizer ele me puxou pra mais perto e me beijou com mais força. Estava adorando aquela sensação. Não queria parar de beija-lo nunca mais.



ISAAC:


- Tem certeza que você está bem? - Derek refez a pergunta. 

- Sim, estou. - respondi novamente.

Estávamos sentados na cama um de frente pro outro.

- Na verdade eu me sinto impotente diante disso, não sei muito bem como cuidar de Stiles sem a orientação do nosso pai. - Falei.

- Não precisa se preocupar com isso, vai dar tudo certo, você é um ótimo irmão Isaac! Você vai conseguir cuidar do Stiles... e deixa que eu cuido de você! - Essa parte ele disse mais baixo.

- Você disse que não quer ficar só com uma pessoa! - Eu disse.

- Eu sei o que falei, me perdoa. Mas isso foi antes de te conhecer, foi antes de te ver sorrindo, de sentir seu beijo e seu toque. Você despertou sentimentos que ninguém jamais despertou em mim. - Derek dizia me olhando nos olhos.

- Como eu vou saber que não é mais um truque seu pra ficar na cama comigo e depois me dispensar? - Eu perguntei.

- Não é um truque Isaac, eu passei todos esses dias pensando em você, principalmente depois daquele dia que me flagrou com Nick. Eu não queria ter nada com você porque sabia que não ficaria contente ao saber que me relacionava com Nick, mas parei de fazer isso. Você é incrível Isaac e eu só quero ser feliz ao seu lado, todos os dias... 

Ele me beijou, e foi um beijo bem bruto, daquele estilo que só ele conseguia. Pegou na minha cintura e eu enrolei minhas pernas na cintura dele sentando-me no seu colo. A língua dele invadia minha boca com uma destreza que enchia de tesão, e a cada movimento das nossas bocas eu me entregava mais a ele...  Parecia um sonho, mais me sentia feliz por saber que não era.


NICK

Há dias que Stiles não falava mais comigo, me ressenti pela morte do pai dele, ele era uma boa pessoa, era um ótimo sogro. Por mais que eu não quisesse ainda amava o Stiles. Me sentei em uma pedra perto de um riacho e comecei a jogar pedras na água. 

Eu vou descobrir quem era essa pessoa com quem Stiles estava se relacionando, irei descobrir o que tanto chama a atenção dele. E se preciso irei me livrar dessa pessoa e ficar com Stiles todinho pra mim novamente.






Notas Finais


Mais um capítulo pra vocês! Espero que tenham gostado. Desculpem-me ele ser meio curto.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...