História Stone Cold - Capítulo 19


Escrita por:

Postado
Categorias Shelley Hennig, Teen Wolf, Tyler Posey
Personagens Allison Argent, Claudia Stilinski, Derek Hale, Isaac Lahey, Kira Yukimura, Lydia Martin, Malia Tate, Melissa McCall, Natalie Martin, Personagens Originais, Scott McCall, Sheriff Noah Stilinski, Stiles Stilinski, Theo Raeken
Tags Mortes, Revelaçoes, Scalia, Scira, Stalia, Teen Wolf, Traições
Visualizações 127
Palavras 1.359
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, olá! <3
Eu pensei que hoje realmente não ia dar tempo para postar, socorro.
O capítulo de hoje está pequeno, mas porque ele é como uma ponte para o próximo, e último. :)
Boa leituraaaaa, até lá embaixo! <3

Capítulo 19 - The password;


Fanfic / Fanfiction Stone Cold - Capítulo 19 - The password;

"How deep is your love?
Is it like the ocean?
Pull me closer, again
How deep is your love?"

Calvin Harris — How Deep Is Your Love (feat. Disciples)

Aos poucos, tudo foi se desenrolando. A verdade sobre Lydia e Derek veio à tona dias depois, após Scott e Malia levarem a cópia do vídeo até Noah. Tudo o que Kira falou, foi comprovado após uma breve investigação, sendo encontrados também os restos de Allison em um lago próximo da entrada de Los Angeles. Os Argent, depois de tanto esperar, de tantas dúvidas, receios e medos, finalmente tiveram respostas. Optaram por fazer uma rápida despedida, antes de, por fim, enterrarem sua única filha.

Scott estava presente no velório de Allison, assim como Malia. Para Scott, foi um momento difícil, desesperador. Uma das pessoas que ele mais amara em sua vida, estava morta, e seria enterrada. Nunca mais a veria. Seus músculos doíam, enquanto encarava dolorosamente o caixão lacrado. Tentando ao máximo demonstrar seu apoio perante a situação dolorosa, Malia ficou ao lado dele durante todo o tempo, sabendo exatamente a dor que ele estava sentindo.

Todos choraram no enterro, vendo o caixão indo para baixo da terra. Era a pior sensação existente.

O julgamento aconteceu exatamente três meses depois do enterro.

Por ser quase um membro da família Stilinski, Malia não pôde ser uma das advogadas do caso.

Foram horas e horas de julgamento. Derek adorava enrolar, assim como Lydia. Eles demoraram a confessar os crimes, mas quando aconteceu, foi épico. Martin, que estava presente, fez um enorme escarcéu, alegando ter sido enganado por Lydia pelos quatro dias que passaram juntos. Ela apenas gargalhou, enquanto ele era arrastado por dois seguranças para fora do tribunal.

Derek e Lydia, acabaram sentenciados a prisão perpétua, acusados dos assassinatos de Stiles, Kira, pela tentativa a Theo, seus seguranças e Martin, e pela tentativa de roubo ao dinheiro de Stiles.

Antes de ser guiada para fora do lugar, Lydia olhou para Malia. Seus olhos se encontraram e a ruiva sorriu maldosamente sem nenhum remorso pelo que causou. Malia teve a disciplina de se controlar, sorrindo da mesma forma que ela.

Scott não largou a mão da mulher em nenhum momento, assim como ela no enterro de Allison, demonstrando seu apoio perante a situação.

Malia viu quando Noah abriu um singelo sorriso a ela, demonstrando em um pequeno ato o alivio que estava sentindo por tudo ter se resolvido.

Todos foram dispensados minutos depois.

Scott gargalhou horrores quando viu Martin cercado por dois seguranças do lado de fora. O loiro já havia se acalmado.

Estava noite quando os três chegaram à casa de Malia. Eles pediram pizza, enquanto conversaram animadamente sobre o futuro. Tudo estava, pouco a pouco, de volta aos eixos.

— E vocês dois? — perguntara Martin subitamente, surpreendendo Scott e Malia. — O que planejam fazer agora que tudo acabou?

Os dois olharam-se, controlando os pequenos sorrisos que queriam aparecer.

— Primeiro eu quero cursar a faculdade. — Scott pronunciara-se, dando de ombros. — Para isso eu preciso arrumar um emprego.

— E eu quero me concentrar no meu trabalho. — dissera Malia em seguida. — Tenho muitos casos pendentes para resolver.

Sem precisarem falar absolutamente nada, eles encaram Martin, como se esperassem por alguma resposta.

— O que? — indagara ele.

— O que você planeja fazer? — respondera Scott, tomando um gole de seu copo cheio de uísque.

O loiro pensara por vários minutos.

— Quero muito me distanciar de tudo que envolva drogas, crimes, gangues e máfias. — falara com pura convicção. — Quem sabe eu não acabe concluído a faculdade de medicina que há algum tempo eu parei?

Os dois olhando para ele, acabaram por rirem.

Martin fora embora por volta das duas da madrugada, explicando-se que por ser quinta-feira ele precisava dormir.

Depois de tomarem banho, Scott e Malia deitaram-se na cama, lado a lado. Algo estava afligindo Malia desde o episódio no galpão, há poucos meses atrás.

Ela virara-se de frente para ele, encarando-o.

— Lembra-se da senha que Lydia e Derek estavam desesperados para descobrirem? — perguntara Malia sussurrando.

Scott esfregara sua mão em seu olho, enquanto pensava sobre a pergunta.

— Lembro sim. — respondera.

Malia remexera-se inquieta sob o lençol macio de sua cama.

— Eu ainda não me esqueci dos caracteres que Stiles contou a eles. — ela comentara.

— O que está querendo dizer?

Ansiosa, a mulher levantara-se de sua cama, andando de um lado para o outro pelo cômodo. Suas mãos estavam prestes a transpirarem.

— Stiles já havia dito 5.

Scott, acompanhando toda a fala da mulher, pronunciara-se.

— Mas isso é muito grande para uma senha de banco, não?

Malia estalara os dedos, concordando de imediato com ele.

— Exato! — comemorara. — É muito grande porque não é a senha do banco. — ela soltara o ar olhando para Scott. — E pelo visto Derek e Lydia foram muito burros por não notarem isso.

Os sorrisos foram quase automáticos.

— Se a senha não é do banco, então do que é? — perguntara Scott, pensativo. — De um cofre?

Malia parara todos seus pensamentos assim que ouvira o que Scott havia falado. Sua expressão tornara-se empolgada subitamente.

— Você é genial! Stiles tem um cofre no banco municipal, talvez seja lá que ele guarde o dinheiro. Todas as senhas de lá tem onze dígitos. — os pensamentos da mulher vieram rápido. — Só precisamos da senha.

Scott assentira.

— Tudo bem, qual a parte da senha que eles disseram?

Malia andou até a cômoda ao lado da cama, tirando de lá um pequeno papel.

— Eu peguei de Derek. — ela dara de ombros.

Scott analisara o papel, enquanto sentia que não fazia nenhum sentido aqueles números misturados com letras.

— 7... 1... 0... 3... S... — lera Scott em voz alta. Tentando formular algo em sua mente.

Malia sentara-se na cama, assistindo-o de pé em sua frente.

— Stiles sempre colocou datas e coisas importantes em suas senhas. — ela comentara. — Mas ele sempre colocava ao contrário. — um riso saira por sua boca.

Focado, Scott a olhara, processado a afirmação feita por ela.

— Como é? — ele perguntara, sentando-se ao seu lado. — Ao contrário?

Ela assentira, encarando-o.

— Sim. Sempre ao contrário.

Scott mudara sua visão para o tubo de ventilação perto ao chão.

— Ele anotava em algum lugar? — questionara, mantendo seu olhar.

Malia, acompanhando o olhar de Scott, olhara para o duto de ar.

Foi quando, tudo pareceu se encaixar.

— Theo mentiu. — de repente, ela disse. — Ele não colocou a câmera ali porque Stiles estava estranho, ele queria descobrir a senha.

Scott entendeu, com tudo fazendo sentido em sua mente.

— Lydia disse que a conta tinha quase um bilhão de dólares. — prosseguira ela. — Ao contrário de que pensamos, Lydia e Derek não eram os únicos que almejavam conseguir aquele dinheiro.

Scott voltou para a cama, segurando na mão de Malia.

Ela olhou novamente para ele.

— Stiles costumava guardar as senhas no duto de ar. — dissera, sustentando o olhar.

Sendo assistida por Scott, Malia levantou-se da cama e foi até a grade do duto, a tirando dali. Colocou a mão para dentro e sentiu seus dedos tocarem em um papel.

Com os olhares brilhando em êxtase, eles se olharam.

Malia levantou sua mão na altura de seu pescoço, mostrando o papel amarelo. Nele estava escrito “senha do cofre” em letras legíveis. A típica caligrafia usada por Stiles.

O sorriso de Malia tornou-se maldoso, assim como o de Scott. Eles se aproximaram um do outro, e intensamente se beijaram.

Olharam-se, e novamente sorriram.

—Pronto para ser o mais novo milionário dos Estados Unidos, senhor McCall? — em um tom divertido, Malia questionou.

O brilho no olhar de Scott, tornou-se intenso quando encontrou os olhos castanhos flamejantes de Malia.

— Desde que você esteja junto comigo, senhora Tate, estou prontíssimo. — ele respondeu, enquanto os corpos ardiam em desejo.

Malia deixou o papel de lado. Colocou suas mãos nos ombros de Scott, e o empurrou de volta para cama, fazendo-o cair sentado em sua frente.

— Eu amo a forma como meu sobrenome soa com sua voz. — ela comentou, sentando sob ele.

Scott abriu outro sorriso honesto, colocando sua mão na bochecha direita da mulher.

— E eu amo você. — falou, e avançou na boca de Malia, sendo lindamente correspondido por ela.

E depois de tanto tempo, ambos sentiram, sentiram o que tanto pensaram não mais existir.

Esperança.

 


Notas Finais


Não sei o que dizer, só sentir.

playlist da história no spotify; https://open.spotify.com/user/brunadulius/playlist/2Jy2Lyrklw6GVabkpeMEny
playlist da história no youtube; https://www.youtube.com/playlist?list=PL7wX83oJbnPHXAfap2WzEe-v-OyE0RlmK

só sei que eu to bem triste pelo próximo capítulo ser o último, embora eu me sinta de dever cumprido.
Podem ficar tranquilos que tretas não teremos mais HUAHUAUHAHUAHUAUHAHUAHUHUA

O que dizer do senhor Theo que na verdade era um liar??????? só sei sentir

Já de antemão quero agradecer a todos os comentários e os favoritos. Vocês são demais e eu nunca me canso de dizer isso! <3 Amo vocês!

Espero que tenham gostado, e até o próximo!

links das minhas outras fanfics;
No Glory (Stallison); https://spiritfanfics.com/historia/no-glory-10560990
primeira temporada de Broken Roots (Malisaac); https://spiritfanfics.com/historia/broken-roots--malisaac-6722661
segunda temporada de Broken Roots (Malisaac); https://spiritfanfics.com/historia/broken-roots--malisaac-ii-9737629
Inside Out (Stalia, Scydia, Stallison, Malisaac); https://spiritfanfics.com/historia/inside-out-6323903

Caso queiram falar comigo ou até mesmo perguntar algo, me sigam no tt; https://twitter.com/akaBruna
Meu facebook: https://www.facebook.com/bruna.dulius

bye! (•ө•)♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...