História Story Goes - Capítulo 25


Escrita por:

Postado
Categorias Blake Gray, Magcon, Matthew Espinosa, Taylor Caniff
Personagens Aaron Carpenter, Blake Gray, Cameron Dallas, Hayes Grier, Jack and Jack, Mahogany LOX, Matthew Espinosa, Nash Grier, Personagens Originais, Taylor Caniff
Tags Adolecente, Cameron, Drama, Festas, Nash, Romance
Visualizações 22
Palavras 817
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 25 - Never Ever I Have


Cap. 25

O nosso beijo ia ficando mais intenso a cada toque, eu já me encontrava encima da pia, toda descabelada, Blake estava sem camisa, e fazia uma trilha de beijos pelo meu pescoço enquanto eu fazia nossos corpos se colarem a cada toque. Seus dedos tocavam minhas costas delicadamente, seus dedos passavam pelo fecho do meu sutiã fazendo ele se abrir...

Alguém bate na porta...

Merda, merda, merda, mil vezes

Já era a terceira vez essa semana que quase pegam a gente. Sim nós já tínhamos se pegado em todos os cantos dessa casa, com ou sem gente em casa, atrás do sofá, na cozinha, embaixo d’água, no meu quarto, no quarto dele, na sala, nos banheiros, atrás da parede da Tv, onde você possa imaginar já aconteceu, mas por sorte não fomos pegos nenhuma vez.

-Blake vem logo, já é sua vez- Cameron gritou na porta e eu resmunguei frustrada, logo em seguida ouvimos passamos se afastando

-Depois a gente resolve isso- ele meu deu um selinho e colocou sua camisa de volta

-Ei vem aqui- puxei ele antes que abrisse a porta e arrumei seu cabelo- agora pode ir- sorri e ele saiu

Esperei alguns minutos para ter certeza que ninguém estava do lado de fora e fui em direção ao meu quarto terminar o que eu estava fazendo antes de ser interrompida. Continuei a minha inscrição pra faculdade de artes, tentando ser o mais detalhista possível.

Depois de algumas horas sentada naquela cadeira eu finalmente havia acabado, separei meus melhores desenhos e arquivei junto. Não estava completamente segura sobre eles, mas eu tinha que arriscar. Desci as escadas e fui até a frente da casa logo deixando minha carta e desejando sorte para mim mesma

(...)

-Vai, vamos jogar eu nunca por favor- Taylor praticamente implorava na minha frente

-Eu não to afim- insisti

Por favor- ele fez uma cara de cachorro abandonado e eu não consegui resistir

-Ta bom eu jogo- falei e todos comemoravam.

Estávamos na sala jogados no chão conversando sobre vários nadas até Taylor insistir nessa ideia, todos já tinha concordado, até as meninas que haviam chegado a pouco tempo, não queríamos ficar bêbados nem nada só queríamos nos divertir como adolescentes normais

-Eu começo- Taylor falou- eu nunca fiquei com alguém dessa roda- eu, Blake, Brenda, Hayes, Sophia, Cameron, Nash, Luiza, Lox, Jacob, Jack J e Nick bebemos

-Eu nunca chorei por garotas- falei e todos os meninos abaixaram e beberam

-Eu nunca chorei por garotos- Blake deu na mesma moeda e as meninas abaixaram o dedo e beberam

-Eu nunca beijei alguém sem ninguém saber em um pedido de namoro- Sophia falou e eu a fuzilei com o olhar logo abaixando o dedo e bebendo assim como Blake, todos sorriram maliciosa e eu escondi meu rosto em seu ombro

-Eu nunca transei com alguém sem saber o nome da pessoa- Nash falou e eu e Sophia bebemos

-Como assim Mi? - Cameron perguntou chocado assim como os outros presentes na sala

-Tempos difíceis- falei e ri sozinha

Depois de algumas rodadas eu já estava meio bêbada, uma coisa que raramente acontece, já que eu não curto muito bebida alcoólica

Blake tinha me puxado pros fundos da casa e estávamos sentados observando as estrelas no céu

Blake Pov.

Como uma pessoa podia ser tão linda? Era essa pergunta que se passava na minha cabeça enquanto a observava. Ela estava encostada no meu ombro, olhando as estrelas, enquanto seus lindos cabelos castanhos caiam pelas suas costas e seus olhos brilhavam por conta do reflexo

-Emma- chamei sua atenção

-Oi

-Você sente algo a mais por mim do que só amizade? - eu precisava perguntar, provavelmente ela nem iria lembram, mas eu queria muito saber a resposta

-Eu não sei, eu acho que sim- ela bufou- é só que sei lá, eu já sofri tanto por amor que eu tenho medo de me machucar de novo- ela falou sincera- eu gosto muito de você, mas eu não quero que me machuque

-E eu não vou- sorri de lado e beijei sua cabeça

-E você sente algo a mais?

-Acho que sim, mas acho que você só está brincando comigo- admiti rindo fraco

-Eu nunca faria isso- ela sorriu, e meu deus que sorriso

-Eu gosto disso

-Do que? - ela perguntou confusa

-De nós, você me faz sentir bem e eu gosto disso

-Eu também, você me faz muito bem, mas acho que se eu admitir isso, se torna real, e eu não quero isso

-Por que não? - falei calmo a puxando para o meu colo e logo ela se aconchegou

-Eu tenho medo- ela boceja e se acomoda no meu peito- eu tenho medo de me apaixonar por você- logo seus olhos se fecharam e ela adormece

-O problema é que eu já me apaixonei por você- confesso beijando sua bochecha- eu me apaixonei por você Emma Halo



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...