História Story of a Cupid. - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Bickslow, Elfman Strauss, Erza Scarlet, Evergreen, Gajeel Redfox, Gray Fullbuster, Jellal Fernandes, Juvia Lockser, Laxus Dreyar, Levy McGarden, Lisanna Strauss, Lucy Heartfilia, Makarov Dreyar, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel
Tags Bicksanna, Elfgreen, Fairytail, Gajevy, Gale, Gruvia, Jerza, Miraxus, Nalu
Visualizações 117
Palavras 1.155
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá! Olá! Estou super animada hoje, viajei e precisava descansar agora, então resolvi postar esse capítulo!...

Obrigada pelos novos comentários e favorito novo! Amo muito! 😜😘❤

Vamos ao capítulo!

Capítulo 9 - No Rit - parte 2.


Fanfic / Fanfiction Story of a Cupid. - Capítulo 9 - No Rit - parte 2.



Levy on


Depois de dançar mais um pouco percebi que Gray se afasta de Juvia e volta para a mesa.

- Vou sentar um pouco!- grito para Lucy e ela concorda com a cabeça.

Sento ao lado de Gray.

- A Juvia é muito insistente?- pergunto rindo.

- Insistente?- ele me olha- Ela é doida!- ele diz meio irritado e inconformado.

- Ela leva as paixões dela a sério.- digo admirada.- Ainda bem que ela não se chateia com você sendo rude.- digo sorrindo e ele me olha- Acho que você deveria ser mais direto.

- Como? Eu já disse mil vezes para ela não me perseguir. - ele diz sincero- Eu tenho um pouco de medo sobre o que pode acontecer com ela se eu for muito direto.- Gray diz sincero e preocupado.

- Por quê?- pergunto mais séria e ele está visivelmente preocupado.

- Juvia e Gajeel vieram de um reformatório. Ela teve uma crise de depressão e ciúmes.- Gray explica e fico impressionada.- Não quero que ela tenha outra.

- Realmente é ruim, se você não gosta dela, nem tem como dar uma oportunidade.- digo pensativa, mas sei que ele gosta.- Não sei o que é pior.

- Como assim?- Gray pergunta.

- Ter uma decepção amorosa com alguém que te amava ou amar tanto alguém e não ser correspondido.- digo sincera. - Eu já vi algumas situações de casal. Conheci um em que a garota era ocupada demais e preocupada demais com seus irmãos, mas ela amava o menino que era apaixonado por ela.- digo lembrando.

- E o que aconteceu?

- Um dia ela disse que não queria nada, ele ficou uma semana sem falar com ela, sem sair de casa, se isolou e só conversava com uma amiga.- digo me lembrando de como foi difícil fazer aquele rapaz sair novamente.

- Eles nunca ficaram juntos?- Gray diz pensativo e curioso.

- A amiga dele conseguiu falar com a menina, foi um verdadeiro sermão. Depois que a garota ouviu tudo ela foi falar com ele, explicar como era difícil para ela ter um relacionamento. Ele foi compreensivo, e não tinha problema que ele não achasse uma solução ou tivesse esperança de solucionar.

- Eles ficaram juntos então.- Gray diz com um leve sorriso.

- Sim. Ela percebeu depois que tudo era muito mais fácil quando você ama, é amado e conta com alguém bem próximo para se apoiar.- digo feliz.

- Na Fairy Tail somos assim, sempre podemos contar com os amigos. Isso que nos mantém unidos.- Gray diz e nós olhamos o pessoal.

- Eu percebi, mas é diferente quando se tem alguém.- argumento.

- O que pode ser diferente?- percebo que ele não entende, porque a necessidade de ter uma paixão.

- É sempre bom ter uma pessoa para quem você pode mostrar seus medos e ela vai te fazer ser ainda mais forte. Quando se tem uma paixão, você tem um amigo. A Juvia por exemplo, é o tipo de companheira que nada pode abalar.

- Como assim? - ele não entende.

- A pessoa que ela amar sempre poderá contar com ela, ela sempre estará lá em qualquer situação. Ela não aceitará que ninguém, nem mesmo a própria pessoa se menospreze, para ela a pessoa amada é o que há de mais importante. - digo admirada- A Juvia entende o verdadeiro significado do amor. Fazer o outro feliz e ser feliz pela felicidade do outro.

- Ela é tão profunda assim?- Gray diz olhando a garota dançar feliz com Gajeel e ela o olha e acena ainda mais feliz por ele estar olhando.

- A Juvia não tem medo de amar, por isso ela sempre está te seguindo. Ela pode sofrer muito por causa disso.- digo meio triste, afinal, se Gray não conseguir quebrar a barreira e ela não ficar com ele, provavelmente ela não vai se apaixonar de novo.

- Eu não quero que ela sofra.- ele diz meio preocupado.

- O sofrimento dela será solidão.- eu o olho- Desculpa Gray, mas se ela não ficar com você, provavelmente vocês dois ficaram solteiros para sempre. Você consegue administrar isso, ela sofrerá as consequências da solidão.- digo séria- Não quero que se sinta culpado, talvez eu esteja enganada, mas parte do futuro dela, depende de você. Você é grande parte da vida dela agora.- digo, olho para Juvia e volto para a pista.

Vejo Gray pensativo, meio atordoado. Não deveria ser tão direta, mas só assim ele tomará uma atitude, só espero que não seja negativa.

- O que Levy-chan estava falando com Gray-sama?- Juvia chega perguntando meio ameaçadora.

- De você. Queria saber se ele gosta de você.- digo meio assustada.

- O que Gray-sama falou? - ela perguntou animada, mudando completamente de humor.

- Nada.- digo meio desapontada e ela também fica- Mas acho que você deveria insistir.- apoio.

- Juvia nunca desistirá de Gray-sama!- ela diz como se já fosse óbvio que ela insistiria. Ela sai e vai até a mesa sentar com Gray.

Disfarçadamente percebo eles conversando e olhares de Gray para mim. Ele está fazendo uma avaliação dos prós e contras de namorar Juvia, se isso seria realmente bom para ele. Ele está confirmando tudo que eu falei, vendo se Juvia realmente não vai mudar de ideia.


Parte do pessoal já tinha ido embora, e Gray decidi ir também, Juvia insiste em ir com ele, ele resiste.

- Não. - Gray diz decidido.

- Juvia vai do mesmo jeito.- Juvia diz  ignorando a vontade dele.

- Gajeel, me ajuda aqui.- ele pede.

- Eu levo você Juvia.- Gajeel diz já cansado do drama.

- Juvia quer ir com Gray-sama!- ela diz teimosa.

- Com uma condição.- Gray diz e ela se anima - Gajeel vai junto.

- Eu fico de vela?- Gajeel diz em negativa.

- A Levy vai para te fazer companhia.- ele diz e eu o encaro.

- Porque eu?- perguntei inconformada.

- Nós somos os únicos sentados na mesa.- ele responde como se fosse algo aleatório e eu faço bico.

- Ok. Eu acho que já quero ir mesmo.- digo ainda incomodada.- Vou avisar a Lucy.- me levanto.

Depois de falar com Lucy, eu vou até a porta ao encontro dos três.

- O pessoal vai embora daqui a pouco também.- digo saindo.

Juvia agarra o braço de Gray saindo na frente.

- Larga meu braço. Que mania!- ele briga.

- Juvia nunca vai deixar Gray-sama!- ela retruca.

- Só me solta. Não dá para andar só do meu lado?- ele diz e ela solta ele.

- Gray-sama ainda não está pronto!- ela diz e eles começam a discutir sobre ela ficar agarrando e perseguindo ele.

- Esses dois brigam muito?- pergunto para Gajeel.

- Às vezes, mas normalmente Gray evita falar com Juvia, mesmo com ela ao lado dele.- Gajeel responde entediado.

- Brigar demais não é bom, mas pode ser sinal de amor.- digo rindo.

- Você só pensa em namoro?- Gajeel diz interrogativo.

- Não. Penso em outras coisas também. Mas é um passatempo meu.- explico.

- Você tem problema.- ele afirma.

- E você é um chato!- digo implicante.

- Nós vamos brigar de novo? Cuidado, eu posso achar que está se apaixonando por mim. Ge he.- ele faz piada.

- Calado!- respondo simplesmente.




Notas Finais


Bom, agora Levy deu uma forcinha para Juvia, será que essa conversa vai mexer com Gray? 🤔

Obrigada pelo carinho! 😍

Até o próximo! BjoOs! 😘😘💕❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...