1. Spirit Fanfics >
  2. Straight ༄ Changlix >
  3. Love Advises

História Straight ༄ Changlix - Capítulo 26


Escrita por:


Capítulo 26 - Love Advises


Soltei meu celular no colchão assim que enviei a última mensagem, suspirando profundamente em alívio.


— E aí, no que deu?? – questionou Jeongin com um olhar de curiosidade sobre mim.


— Eu consegui convencê-lo Innie, eu e Felix vamos conversar. – respondi animado, jogando-me de costas em minha cama com um sorriso no rosto.


— Isso é maravilhoso Bin! E quando vão se encontrar?


— Amanhã mesmo! – exclamei, ansioso para que o dia seguinte chegasse logo.


— E você já tem ideia do que vai dizer para ele?


Meu sorriso se desfez, dando lugar a uma expressão de incerteza em meu rosto e uma aflição no coração. Eu não havia pensado nessa parte... afinal, o que eu iria dizer? Tenho tantas coisas pra contar e pra questionar que eu não sei nem por onde começar, ficamos afastados por praticamente um mês, e mesmo que não pareça muito tempo, aconteceram mais coisas do que eu conseguiria explicar.


— Eu não faço ideia. – levantei meu tronco, por consequência ficando sentado na cama novamente e o encarando — O que eu deveria dizer?


— Bem... – iniciou, ajeitando a postura e pigarreando — Primeiro, você tem que dizer como você se sentiu depois que pararam de conversar, e não esconda nada ok? Não tem nada para se envergonhar. Depois você pode pedir desculpa, dizer que não se lembrava da outra noite e sei lá... contar como está se sentindo no momento talvez? Ah, e é claro, pergunta como ele se sente.


— Uau, que específico! – me surpreendi com a sugestão de meu amigo, ele clareou totalmente meus pensamentos.


— O que acha de treinarmos? Vai, eu posso ser o Felix!


— Okay okay. – me acomodei, cruzando as pernas e ajeitando meu cabelo, antes de olhar o outro nos olhos e tentar imaginar Felix ali; funcionou, eu sentia meu corpo suar em ansiedade — Lix... e-eu tenho sentido sua falta desde quando você saiu de minha vida. Os meus dias estão vazios e... e eu não acho que sei como continuar desse jeito, eu demorei pra perceber o quanto você era importante para mim... e me desculpe por tudo o que eu fiz.


Eu senti meu rosto esquentar, e sabia que se eu continuasse falando iria começar a chorar. Tantos pensamentos pareceram surgir em minha mente, que eu nem mesmo sabia como transformar todos eles em palavras.


— Você foi muito bem. – confortou-me com um sorriso pequeno, colocando uma de suas mãos sobre meu ombro e acariciando o local, me analisando com um olhar acolhedor — Confie em si mesmo Chang, eu sei que você vai conseguir... e tá tudo bem se você chorar, okay? Só deixe suas emoções fluirem e tudo dará certo.


— Obrigado por tudo Jeongin, eu não sei o que seria sem um amigo como você... – dei um sorriso suave, puxando-o para um abraço, no qual permanecemos por bons e longos minutos.


Jeongin tinha esse dom encantador de ajudar todos e fazer o dia melhor e agradável, era como um raio de sol que ilumina todos com um sorriso.


— Hey Innie. – franzi as sobrancelhas, me soltando do abraço e encarando o menor, que soltou um "hm?" Me encarando de volta — Você não gosta do Christopher, né?


— É claro que não Bin! – ele riu, exatamente como Chris tinha feito quando eu fui me desculpar com o mesmo — Eu tenho outra pessoa em mente, só o beijei naquele dia porque ele é um tremendo de um gostoso. – o garoto assentiu de sua afirmação com plenitude em sua voz.


— É que ele me explicou que tem um relacionamento aberto ou sei lá... você sabia disso? – questionei e o outro apenas assentiu.


Fiquei em parte chocado, como eles simplesmente beijam quem eles querem e não se apegam, enquanto eu só beijei uma única pessoa e estou completamente obcecado por ela? Eu queria ter esse dom! "Eu tenho outra pessoa em mente, só o beijei por desejo e blá blá blá..." Ei, espera um pouco, ele disse outra pessoa em mente??

Refiz a análise na sentença de Jeongin, notando o quão lerdo eu sou por não ter percebido nada. Então ele é apaixonado por alguém?


— Hey sr. Yang Jeongin, o que você quis dizer com esse "tenho outra pessoa em mente"? – fiz aspas no ar com os dedos, semicerrando os olhos e aguardando a resposta do mais novo.


— Ah, Changbin... – suspirou com um olhar cabisbaixo, deitando-se na cama e a sua cabeça em meu colo — Eu tenho uma história, caso queira ouvir...


— Eu quero. – respondi sem hesitar.


— Dois meses atrás, na festa do Christopher...


— Ah, nem me lembre! – revirei os olhos, interrompendo o garoto.


— Você quer ouvir a história ou não?


— Okay okay, desculpa... – levantei as mãos em sinal de rendição — Prossiga.


— Eu conversei com um garoto nesse dia, nós passamos a festa quase toda juntos, não nos beijamos nem nada mas ele me olhava com desejo, e não era um desejo apenas físico, ele parecia querer me conhecer melhor, assim como eu queria. Infelizmente eu só me lembro de cenas aleatórias, não trocamos telefones e eu não me recordo se ele me disse o seu nome. E quando ele estava indo embora, me deu um beijinho no rosto e disse "Eu quero te encontrar de novo". Desde então eu não parei de pensar nesse garoto, eu queria encontrá-lo mas não tenho nenhuma pista, nós não conhecemos todos que estavam lá e eu não sei sequer o nome dele...


— Céus Jeongin... e você não se esqueceu dele? Como não me contou isso? – questionei boquiaberto com a situação. 


— Faz dois meses e eu não tirei ele da minha mente por um dia sequer... e não ia adiantar te contar Changbin, mesmo que eu tivesse te contado antes, até mesmo se eu o achasse, não sei nem se esse garoto lembra de mim.


— Isso parece até um filme de romance!


— Mas esse filme de romance não tem final feliz... – o menino disse tristonho, com uma pitadinha de drama em seu tom.


— Ah meu Deus... – acariciei os cabelos dels, pensando em algo que o deixasse melhor — Sabe o que poderíamos fazer pra animar esse seu humor?


— Hm... – resmungou manhoso, como quem dizia "estou ouvindo, mas continuo triste ok?"


— Assistir um episódio de Blue Exorcist.... – sugeri, o que fez o menino virar seu rosto para mim com uma expressão um pouco melhor.


— Proposta tentadora...


— Vou preparar os cup noodles, vai ligando a Netflix. 


— Okay. – ele respondeu mais animado, levantando-se de meu colo.


Eu preparei o que iríamos comer, nos sentamos embaixo da coberta, e assim eu e Jeongin terminamos nossa noite, relembrando os velhos tempos (vulgo alguns meses atrás) quando costumávamos assistir anime todo dia, fazendo nossa coisa favorita no mundo sem se preocupar com mais nada!


Dormi tranquilo, tranquilo porque eu sabia que o dia seguinte ia chegar e eu finalmente poderia tentar consertar as coisas.


Notas Finais


E aí galera, tudo bom??

Quem será que é esse garoto hein?? Deixo isso em aberto pra tentarem adivinhar.

Bom galera é isto, espero que vocês tenham gostado do capítulo e eu volto sexta-feira!

Beijos beijos, até mais 💖💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...