História Strawberries and cigarettes - TaeGi - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga)
Tags Bangtan Boys (BTS), Taegi, Taehyung!top, Troye Sivan, Yoongi!bottom
Visualizações 29
Palavras 1.027
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shounen, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Demorei mas voltei hihi
AGORA QUE O BAGUI COMEÇAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

Capítulo 2 - F1re;


Fanfic / Fanfiction Strawberries and cigarettes - TaeGi - Capítulo 2 - F1re;

Ele era alto e tinha pele levemente bronzeada. Maxilar marcado, boca cheinha e olhos cor de mel. O que dava o “tcham” no garoto em minha frente, era o seu cabelo vermelho paixão amarrado num coque simples, muito bem cuidado. Sem falar das tatuagens bem visíveis nos braços e no pescoço. Como diria meu amigo Park “um pedaço de mal caminho”.

-- Olha se não quiser fazer isso, tudo bem. Desculpe ser inconveniente. – Disse o cara. Ele tinha uma voz grossa, está que me deu calafrios. Ele ia saindo quando eu o chamei

-- Desculpe digo eu, acabei me distraindo um pouco. – Ele agora me olha esperançoso, achei levemente fofo. – Tem um isqueiro? Fósforo? – Ele assente com a cabeça e tira um isqueiro branco de sua calça jeans rasgada. 

Deixei que meus rolassem naquela engrenagem e apertassem o pequeno botão, logo, pude ver o fogo. A chama refletia nos olhos caramelo do cara de cabelos fogo, tudo era fogo. Seu olhar alternava entre o isqueiro e entre mim, o que deixou minhas bochechas fervendo, tudo era fogo. Acendi aquele maço e me afastei do cara a minha frente. Ele tragou o cigarro e começou a me encarar. Após isso, ele soltou a fumaça pela boca e voltou a me encarar. 

-- Quer um cigarro, blue boy? É derby. – Falou me dando um novo apelido, fazendo referencia ao meu cabelo azul piscina. 

-- Obrigado, mas não fumo. – Disse e vi uma grande confusão na face do cara. Eu tenho tanta cara de fumante assim?

-- É que naturalmente as pessoas vem aqui para beber, transar e fumar. É meio que uma novidade você ter vindo aqui só pra ouvir nosso som. – Disse ele. Sua voz é boa de escutar

-- Na verdade, eu vim aqui com meu amigo, o Jimin. Ele tá dando uma paquerada no vocalista e tals. Aí, ele me chamou pra acompanhar ele e eu acabei gostando bastante. – Falei sendo sincero. 

-- Então quer dizer que você é um novato por essas bandas? Bem vindo então! – Ele estende a mão para um aperto, apertei rapidamente. Bem simpático, aparentemente. – Você é amigo do tal do Jimin? Sério, o Jungkook fala desse guri toda hora! Pra você ter uma ideia, antes, quem escolhia as músicas era eu, já que eu sou o segundo vocalista e tenho mais tempo. – Então ele que era o segundo vocalista? Realmente, zero defeitos. – Agora quem escolhe as músicas é ele, e só escolhe as que o Jimin gosta, ou as românticas. Até dia desse a gente tocava Artic monkeys e os caralho a quatro. Agora é Lana Del Rey, Ariana Grande. – Falou isso e não pude evitar uma gargalhada. Conheço Jimin como ninguém e sei que ele é um grande fã da Laninha (Como ele a chama).

-- Parece que o Jimin o contaminou. – Dou outra gargalhada e ele também. A essa altura, ele tinha jogado o cigarro fora e estava com os braços tatuados encostados no mesmo batente que eu. – Namoral, ele passa o dia todo falando da Lana. Da Ari nem tanto, começou a falar depois que ela lançou uma música com a Lana e a Miley cyrus. – Comecei a conduzir uma conversa com o de cabelos avermelhados sem nem perceber. 

-- Aquela que canta Wrecking ball? Só eu acho ela parecida com a Hannah Montanah? – Por um momento, eu achei que o mesmo estava brincando, mas logo percebi que não, ele realmente falou sério. 

-- Cara... Ela é a Hannah Montanah. – Falo me segurando para não rir. Não consigo segurar e logo eu e ele estávamos gargalhando.

-- Mano, sério, não fazia ideia que era ela. Não sou muito conectado com a cultura pop, sei só o básico. – Diz ele e depois sorri. Sua boquinha faz tipo um coraçãozinho, adorável. 

-- Normal, também tinha essa dúvida. – Digo, amaciando o ego dele. 

-- E você, Blue boy, o que gosta de escutar? – Se aproxima um pouco mais, fazendo eu sentir seu cheiro de cigarro e de perfume amadeirado. 

-- Eu escuto de tudo sabe? Mas em especial, eu gosto de Chase Atlantic, The neighbourhood , Troye Sivan, essa pegada meio indie. – Digo e vejo um brilhinho em seus olhos, o mesmo de quando o Jimin terminou de ver o JK tocar. 

-- Sério que gosta de The neighbourhood e de Chase Atlantic? Qual tua música favorita deles?—Pergunta com certa animação, fofo.

-- Do Chase acho que “Meddle About” e “Slow Down”. Agora do The ngbh, eu gosto de “Prey” e de “Scary Love”. – Vejo o brilho dos seus olhos aumentar. 

-- Aparentemente, você tem gosto musical bom. Gostei de você! – Após dizer isso, dá um “sorriso de coração”. – Só não conheço esse tal de “Troye Sivan”. – Fala fazendo aspas com o dedo 

-- Escuta “Swimming Pools” ou “Youth”, são bem boas. – Decidi recomendar essas, já que são as minhas favoritas. 

-- Anotadas, realmente, nunca ouvi.—Disse e soltou um sorrisinho. – Putz, como sou mal educado! Meu nome é... – O mesmo é interrompido por um Jungkook que tocava em seu ombro, este que estava acompanhado do baixinho de cabelos platinados. 

-- Vamo’ bro, a gente vai voltar a cantar já. – Diz  JK, que me encarava com uma cara estranha.

-- Tudo bem. Me encontra depois, blue boy? – Fala me olhando, esperando a minha confirmação. 

-- Tá bom. – Digo e dou um sorrisinho.

●~●~●~●~●~●~●~●~●~●~●~● 

Música vai, música vem e logo aparentemente estava no final. Sabia desde o começo que lá só tinha bêbados e fumantes, mas parece que o tempo que fiquei conversando com o “Red Boy”, esse número se multiplicou. O Park decidiu que era hora de irmos para casa e pediu um uber. Realmente, foi difícil sair de lá, haviam pessoa amontoadas, cheiro de bebida e um chão grudento. 

O uber havia chegado. Estava me preparando para entrar no quarto quando escuto:

-- EI,BLUE BOY! – Percebo que é o cara de cabelos vermelhos. – MEU NOME É TAEHYUNG! – Finalmente sabia o seu nome! Taehyung, Taehyung, Taehyung!  Antes de entrar no carro, lembro que não falei o meu nome também.

-- O MEU É YOONGI, MIN YOONGI! – Grito de volta e entro no carro. 

 

Sinto que algo bom está para acontecer...  

 

 


Notas Finais


HIHIHIHIHIHIJDSNHJ VHDJSN S
Isso ae galera
até a próximo cap
menor q treix


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...