1. Spirit Fanfics >
  2. Submersa >
  3. Respirando nessas bolsas de ar;

História Submersa - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Respirando nessas bolsas de ar;


Fanfic / Fanfiction Submersa - Capítulo 1 - Respirando nessas bolsas de ar;

Sinto - me submergindo para baixo d'agua. Meu querido, deixe- me respirar.

Ter um momento de paz, sem me afogar nesse mar de imensidão. Que nem devias ser de profundo sem fundo, de gosto amargo e com peso sufocante como estás sendo. És mais uma mensagem anônima que nunca chegarás a ver, que duvido que chegarás a ler. Já fui esquecida, deu muito bem para ver.

Soi egoísta, pois apenas eu devo ter esse ilustre prazer de apreciarte e em baixo das estrelas com juras e lamurias amar-te. Mas não quero ver - te sofrer.

Prefiro que sejas feliz nos braços de outra amante enquanto apenas observo-te de longe, sem permissão de aproximar-me e me enroscar sobre suas asas calientes.

Foste o único que me deras um brilho. Foste a persona que me mostrara como és bela esta cruel vida. Sua felicidade sempre vais ser a minha mais importante prioridade.

Fico submersa, encarando tua face sobre o reflexo da água. A espera para ver quem sentirá minha falta...

Arē, quem me estendes a mão?

Quem me puxas para cima e se derrama em prantos tentando me levar a superfície?

Quem me abraças de forma tão carinhosa suspirando aliviado?

Quem chama meu nome num tom doce e afasta fios de cabelos caídos sobre minha face de forma desajeitada?

Mãos trêmulas me apertam e sinto algo gelado tocar-me a bochecha. Abro os olhos reacostumando-me com essa luminosidade e vejo aquele olhar cansado.

Niño, então foste tu que deu- se conta de minha ausência?

Sorrio ao ver suas lágrimas escorrerem e toco-lhe o rosto.

Como sou tola, como posso me entregar ao maremoto e o abandona-lo aqui em meio a esses abutres deploráveis?

Niño, perdoa - me por achar que viverias normalmente e que ficarias bem sem mim para andar ao seu lado. Agora vejo que posso tudo e posso nada, se meu mais forte pilar estiver lá pra me segurar. A me sustentar...

Se eu me submergir lembrarei que a alguém que necessita de mim. E nadarei do fundo para sair e ir de encontro a ti. Você agradece por ver-me com disposição, mas eu que deverias ser grata por você existir


Iris Dias
22 de maio, 2020

01:53 AM


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...