1. Spirit Fanfics >
  2. Submissão >
  3. Cap. 8

História Submissão - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Cap. 8


Fanfic / Fanfiction Submissão - Capítulo 8 - Cap. 8

O casal Jung-Min foram embora da casa de Park assim que saíram do antigo estúdio de Jeon.

Com o moreno dormindo num quarto com Tae e Nam indo embora com seu primeiro dominador, Jimin se encontrou sem seus três amigos mais próximos em seu próprio aniversário.

~

O apartamento foi ficando cada vez mais vazio, ao decorrer das quatro horas após o início da festa, até que não sobrou mais ninguém ali.

Se sentindo sozinho, o loirinho pensou que dormir no antigo quarto de Jungkook seria uma maneira de se sentir acolhido, já que o moreno deixou suas velas aromáticas no cômodo.
A esperança de Jimin é ser envolvido por aquele cheiro caracterisco de seu amigo.


Tomou um banho em seu próprio banheiro, vestiu um shortinho de algodão e foi em direção ao quarto que achava estar vazio...

Ao abrir a porta, se deparou com dois corpos nu envoltos um no outro, cabelos preto espalhados num peitoral bronzeado.

_Se queria ver a gente transando, chegou atrasado... -Taehyung disse baixinho ao ser despertado com a luz entrando no quarto e atingindo seus olhos, antes fechados.

_Eu... aah... só vim buscar umas velas. -mentiu ao entrar, deixando a porta entreaberta.

_Vem aqui... -dando uns tapinhas de leve no colchão, no espaço livre ao seu lado.

Antes de alcançar o primeiro potinho de vela, Park obedece ao comando e se aproxima daquele que lhe chamou.

_Que gracinha... -diz ao segurar a mão alheia a sua frente e puxar o corpinho para que o mesmo se sente ali. _Você é tão mancinho... tão obediente...

Assim que Jimin se sentou ao lado de sua cabeça, Tae a depositou no colo alheio.

_Não acha que eu mereço um carinho no cabelo também? -fala ao fechar os olhos e acariciando a cabeça do mais novo que está sobre si.

Sem nem pensar, Jimin começou a passar suas mãos nas ondas turquesa.

_Quando não está tentado seduzir o meu Kookie, até que você não é imprestável. -voltando a abrir os olhos e fitando a boca carnuda do de cabelos loiro.

_TaeTae? -chama-o, sonolento. _Quem abriu a porta? Meus olhinhos... -cheio de manha, o mais novo esconde o rosto no pescoço de seu dominador, sem perceber a presença da terceira pessoa.

_Desculpa Kook... -diz ao se levantar para fechar a porta.

_Volta e deite-se! -ordena ao mais velho.

_Com quem está falando? -questiona ao levantar a cabeça e tentar enxergar o rosto de pele bronzeada.

_Seu amiguinho veio se juntar a nós. -comunica ao depositar um selar na testa de Jeon. _Estamos te esperando... venha! -falando, enquanto se senta, ao que ficou parado próximo a porta.

Park retorna à cama e é posto sentado sobre a perna direta de Kim.

Jungkook observou tudo calado, se erguendo e ficando de joelhos de frente aos dois.

_Tae... O que está fazendo? -com a voz embargada.

Ignorando o moreno, o dominador puxa a nuca do loiro para que seus lábios se encontrem num selar.

_Jimiiin... -triste e indignado ao presenciar seu melhor amigo beijar seu namorado.

Retirando o corpo alheio sobre o seu, o fazendo ficar em pé novamente, ao lado da cama, o de pele bronzeada engatinha em direção ao seu submisso.

Passando a língua pelo peitoral alheio, pousando sua boca num dos mamilos presentes ali, sugando suavemente.

_Você também não gosta de dividir seu dono? -sussurra ao ouvido do que está de cabeça baixa, quase chorando.

_Tae... achei que você fosse só meu... -cobrindo o próprio rostinho para conter as lágrimas.

_Acho que seremos só nós dois. -diz ao se virar para o que esperava em pé. _Kookie está de castigo.

Se levantou e segurando a mão do baixinho, foram até o quarto de Park.

~

_Eu não me sinto bem deixando o Jeon daquele jeito... -confessa, antes de entrar no cômodo. _Acho que é melhor você voltar e ficar com ele...

_Você está me dizendo o que fazer? -precionando o corpo alheio na porta fechada. _É melhor eu não ouvir a sua voz novamente hoje, a não ser quando for gemer meu nome.

Atacando o pescoço à sua frente, formando chupões na pele branca, com uma mão apoiada na porta e outra apertando com força a cintura do baixinho.

~
Jungkook permaneceu de joelhos na cama, chorando ao imaginar Tae dominando alguém que não seja ele.
~

No quarto de Jimin, Kim o ordenou a ficar deitado de barriga para baixo, com o corpo colado na cama e os braços pra trás.

Com aquelas mãos apoiadas na própria bunda, o mais novo retirou a pequena peça de roupa que havia ali, usando-a para prender um punho ao outro.

Imobilizado, o loirinho sentiu um corpo sentar sobre o seu.

Taehyung enfiou dois de seus dedos na boca alheia, após serem chupados e ficarem cobertos de saliva, introduziu os mesmos na entrada do que estava deitado.

Com as nadegas fechadas, a penetração foi dolorosa para quem recebeu.

Gemidos sôfregos foram abafados pelo lençol em que Park escondeu seu rosto.

Após movimentar seus dedos no cu alheio, Tae se masturbou brevemente e voltou a penetrar aquela abertura, mas agora com seu pau, afastando um pouco a bandas da bundinha branca, usando as mãos.

Estocadas profundas foram feitas arrancando gemidos, altos demais para serem abafados.

_Aaaah... Taehyung-nah... huuum... Meu pau... -o pênis do mais velho estava sendo preciosando pelo próprio corpo e o colchão, causando-lhe dor enquanto ficava cada vez mais duro.

Os gemidos de dor e prazer não cessaram até que Tae gozou nas costas nuas à sua frente.

_Não se mexa! -ordenou ao se levantar.

O de cabelos turquesa procurou pelo quarto algum acessório que poderia usar para bater no que estava imóvel na cama.

Não encontrando nada, voltou a se sentar sobre a coxas alheia.

_Você vai apanhar por ter me acordado... -um tapa forte foi dado na bunda que havia sido fodida. _Por ser uma putinha fácil... -outro tapa. _Por fazer meu Kookie chorar... -outro tapa, mais forte que os anteriores. _Por se atrever a me dar uma ordem... -mais um tapa. _Por me chamar de Taehyung-nah... -outro tapa. _Agora está apanhando por não ter um chicote... -um último tapa foi dado.

Levantando novamente, deixando na cama uma bunda com um lado muito avermelhado.

_Não reapareça no quarto do meu namorado! -gritou antes de sair e voltar para o outro cômodo.


Jimin levou uns longos minutos para conseguir se libertar do shorts que prendia seus punhos.
Quando livre, deitou-se de lado, acariciando seu membro dolorido.

~

_Coelhinho? -diz ao se sentar de frente do que ainda estava ajoelhado. _Eu voltei baby, sorria pra mim.

Tendo sua cabeça erguida por aqueles dedos longos, ofereceu um sorrisinho triste para seu dominador.

_O coelhinho está triste, TaeTae...

_Eu já castiguei quem te deixou triste. -informa ao abraçar o moreno, deitando-se e trazendo-o junto consigo, estabelecendo a posição em que estavam quando foram encontrados pelo loiro.


_Não gosto de ser castigado assim, ficando sozinho de joelhos... -diz, quase babando, tendo um mamilo próximo a sua boquinha. _Pode me punir enquanto me fode, assim como fez com o Jimin?

_Eu sei como te punir. -fala baixinho ao mais novo. _Seu erro de hoje não mereceu uma foda. Volte a dormir!


~


_Olha só! Um passarinho solto... -provocando o mais baixo, ao encontrá-lo na cozinha pela manhã do dia seguinte.

Não lhe respondendo, Jimin recolhe sua refeição e volta, a passos apressados, para seu quarto, onde irá terminar de se alimentar.

Ao ver o desespero alheio, Kim ri alto, pega duas bananas, duas garrafas d'água, passa geléia de morango em algumas torradas, prepara uma tigela com cereal e leite e leva tudo em uma bandeja para onde está seu submisso, ainda dormindo.

_Kookie... acorda meu amorzinho. -falando carinhosamente. _TaeTae trouxe comidinha...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...