História Submissive - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias The Seven Deadly Sins (Nanatsu no Taizai)
Personagens Elizabeth Liones, Meliodas
Tags Melizabeth
Visualizações 74
Palavras 481
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 5 - Cuidado


O vestido era preto bem provocante curto com um tomara que caia

Elizabeth: a onde nós vamos?

Meliodas: vamos ver um amigo meu ban ele comprou uma menina vocês podem se dar bem

Elizabeth: vocês são um bando de maluco

Meliodas: talvez 

Disse ajeitando o terno

Meliodas: coloque a roupa

Elizabeth: não mesmo

Meliodas: não me teste

Eu cruzo os braços e o encaro com um olhar desafiador

Meliodas: ótimo

Ele me puxa pelo braço enquanto segurava o vestido com outra mão ele me leva pra um quarto

Elizabeth: o que tá fazendo?

Ele começa a tirar minha roupa começo a me debater mais ele já tinha tirado estava nua e com vergonha

Elizabeth: eu te odeio

Ele revira o olhos e joga o vestido preto em cima da cama

Meliodas: vista a não ser que queira que eu termine o serviço

Elizabeth: eu boto

Ele sai e fecha a porta

Elizabeth: VAI SE FERRAR SEU FILHO DA PUTA!

Eu coloco o vestido é me olho no espelho 

Elizabeth: meu deus

Eu parecia uma vadia nojenta eu estava com vergonha de mim mesma

Liz: trouxe seu sapato

Elizabeth: hum claro

Pego e coloco

Liz: ele não é tão mal quanto parece

Elizabeth: uhum claro que não

Meliodas: foi Tam difícil

Elizabeth: babaca

Meliodas: bom agora que tá pronta 

Ele começa a andar pra fora da casa e abre a porta do carro

Meliodas: primeiro as damas

Eu reviro os olhos e entro pelo outro lado

Meliodas: não sei o que faço com você

Elizabeth: onde nós vamos exatamente?

Meliodas: ao bar de javali ele é bem famoso

Elizabeth: hum

...

Assim que chegamos eu tinha certeza que não era um bar tava mais pra um puteiro com bêbados pra todo canto mente se pegando nas mesas e um bar open no final

Meliodas: ali está ele

Disse indo até o bar open 

Ban: capitão!

Meliodas: ban!

Eu me cento em uma cadeira ao lado estava uma menina de cabelos loiros com um olhar triste

Ban: essa é Elaine

Meliodas: sério? Ela parece uma criança 

Ban: bem eu não sei a idade dela

Meliodas: ban seu pedofelo

Ban: e a sua?

Meliodas: aquela

Disse apontando pra mim

Ban: tem bom gosto

Disse rindo dando um golada na cerveja

Meliodas: vou ali e já volto fica de olho nela pra mim?

Ban: claro

Meliodas se vira e sai pela multidão

Helbram: oi gente

Meliodas: helbram a quanto tempo

Helbram: oi gostosa

Ele olha pra mim 

Ban: tira o olha ela é do capitão

Helbram: meliodas? Ah ele não vai se importar

Escanor: helbram

Disse o bar Men

Escanor: é melhor não fazer não sei se consigo parar o meliodas

Helbram: cês são um bando de medroso

Ele estica a mão pro meu peito mais do um tapa em sua mão

Helbram: hora sua...

Meliodas: se eu fosse você não faria isso

Helbram: oi.. meliodas

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...