1. Spirit Fanfics >
  2. .surpresa - noren >
  3. One.

História .surpresa - noren - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


faz um tempo que eu não escrevo nada e também nunca escrevi hot, então sinto muito.

Capítulo 1 - One.





one. 


era obviamente para ser mais um dia normal na vida de jeno, onde ele simplesmente iria até a casa de seu melhor amigo para lhe fazer companhia, já que o mais velho odiava ficar sozinho e assim seria, jeno passou por uma loja de doces para comprar os doces favoritos de renjun e foi até a casa do mais velho com um sorriso no rosto. 


Assim que chegou sentiu os pelos de seu corpo arrepiarem por conta do frio que estava lá dentro, talvez tenha sido o choque término pensou. 


— junnie? - chamou o nome do amigo e não obteve respostas, mas ouviu barulhos no andar de cima, onde ficava o quarto do mesmo e decidiu ir até lá e talvez aquela não tenha sido sua melhor escolha ou tinha? 


lee subiu as escadas devagar e os sons que antes não conseguia indentificar ficaram mais nítidos, eram gemidos e jeno segurou uma risadinha por pensar que o amigo estava vendo pornô e assim que chegou na porta do quarto teve uma surpresa enorme. 


renjun estava se masturbando


o mais velho estava de quatro na cama, socando um dildo na sua entrada que aos olhos de jeno parecia bem apertada, os dedos medianos de renjun apertavam os lençóis com força enquanto o chinês soltava seus gemidos, sentiu seu membro fisgar dentro da calça e sentiu seu membro dar mais sinal de vida quando renjun gemeu seu nome


– a-ah! jeno-ah.. - gemeu enquanto aumentava a velocidade das estocadas com o brinquedo e jeno já extasiado com tamanha tesão foi até o menor em passos silenciosos 


segurou a mão do menor e a tirou o fazendo parar com os movimentos rápidos e desesperados  , viu o menor se assustar com a presença do mesmo e falou tentando se levantar, mas foi parado pelo maior


— j-jeno? o-o que f-- A-ah! – foi interrompido por jeno que começou a socar o brinquedo na entrada extremamente apertada do menor

— porra, você é tão apertado.. - falou em um sussurro enquanto socava o brinquedo cada vez mais mais fundo na entradinha do menor, vendo o mesmo cair de bruços na cama tentando controlar seus gemidos

—jeno-ah! m-mais r-rapido! - falou em gemidos enquanto rebolava violentamente no brinquedo que era socado na sua entrada

— você é uma vadia necessitada, não é? - falou e tirou o brinquedo de dentro do menor ouvindo um gemido como resposta e o virou fazendo-o ficar de frente para si e então jeno agarrou sua cintura com posse e inciou um beijo intenso com direito a chupões e mordidas. 

— eu quero você, jeno-ah! - renjun falou enquanto invertia os papéis jogando o mesmo na cama e sentava no colo do maior sentindo o membro duro do mesmo e começou e sem perder tempo começou a cavalgar lentamente

— p-porra! - agarrou a cintura do menor fazendo ele aumentar a velocidade dos movimentos e assim o fez, jeno sentia seu membro latejar e em uma velocidade surreal tirou o short que usava juntamente da box preta.

— agora eu vou te tratar como a boa vadiazinha que você é. — desferiu um tapa em cada uma de suas coxas — fica de quatro, agora! — e renjun o obedeceu sem pensar duas vezes, ficando do quadro deixando sua entrada bem exposta

— você é uma vadia gulosa que é doida pra ter um pau te fodendo, não é? – falou enquanto olhava a entrada do maior contraindo de uma forma desesperada e necessitada e sem pensar duas vezes colocou toda a extensão grande e grossa de seu penis, sentindo o mesmo ser esmagado pelas paredes apertadas 

— porra! você é tão apertado.. - falou enquanto começava a estocar o menor com força, ouvindo os gemidos altos e roucos do mesmo enquanto clamava por mais

— n-nono! m-mais fundo! - falou entre gemidos e jeno o obedeceu o estocando mais fundo e com força logo ouvindo os gemidos aumentarem. 

— A-AH! a-aí j-jeno ah! - soltou um gemidos alto e rouco e jeno entendeu que havia achado seu ponto sensível

— então é aqui o seu ponto sensível bebê? - falou enquanto aumentava a velocidade dos movimentos acertando com brutalidade o ponto sensível do menor ouvindo os gemidos altos do mesmo quando era acertado naquele lugar 

— e-eu vou gozar, jeno-ah! - disse com a voz falha e agarrou fortemente os lençóis e logo jatos de gozo acompanhado de um gemido logo e melodioso  renjun gozou

— e-eu.. a-AH! - com mais algumas estocadas jeno gozou dentro do menor que soltou um gemido manhoso quando sentiu o líquido em sua entrada e saiu de dentro do maior logo se jogando ao lado do mesmo

— c-ceús.. - renjun falou com vergonha e logo se escondeu dentro do lençol e jeno riu se aproximando do menor e  tirando o lençol do mesmo e deixando um selar demorado em seus lábios


— eu gosto de você, renjun. - falou arrumando alguns fios de cabelos que estava em seu rosto e sorriu para o mesmo que corou violentamente.


— ah, eu trouxe seus doces favoritos! 






Notas Finais


eh isto, desculpa qualquer erro🤡🤡🤡🤡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...