1. Spirit Fanfics >
  2. Surprise! >
  3. Pegou Fogo!

História Surprise! - Capítulo 11



Notas do Autor


Hoje vocês vão conhecer quem chegou junto na Kate!🌚⚡

Capítulo 11 - Pegou Fogo!


Fanfic / Fanfiction Surprise! - Capítulo 11 - Pegou Fogo!

▪️Kate Clarkson POV▪️

Tomei coragem e me virei pra trás.

Gelei  dos pés a cabeça , senti um frio na barriga , meu coração disparou e eu tremi mais que um terremoto. 

Minha cabeça deu voltas quando vi ele...tão lindo , charmoso e tão...sexy.

-K- Kelly? - falei anestesiada.

"Que porra Katherine!"

-Que surpresa boa, não esperava você aqui! - ele disse sorrindo e me abraçando.

Tá, confesso que tenho uma pequena obsessão por baixistas , ao começar pelo Duff. Foda-se, ele é gato pra caralho , é gostoso pra cacete, é uma pessoa maravilhosa e por sorte é meu melhor amigo.

Aí pra "piorar" aparece o filho da puta do Kelly Nickels , baixista do L.A. Guns e admito que esse moreno me abala emocionalmente. Eu e os meninos da banda sempre fomos muito próximos, assim como os meninos do Guns n' Roses e isso nos aproximou muito. Sempre marcamos noitadas juntos e coisas do tipo.

Todos eles são muito legais,mas o Kelly é diferente…não sei explicar. Ele tem um jeito doce , carinhoso e romântico

E ele é tão... tão...gato...

O perfume dele invadiu minhas narinas e perdi os sentidos por alguns segundos.

-Ah...é que...- me enrolei - bom , os meninos vieram a convite do dono do L'Amour pra tocarem hoje na inauguração, então tá todo mundo aqui e como sempre vim com eles! Foi bem de última hora, mas quando se trata do Guns n' Roses, as pessoas não deixam pra amanhã!

Ele sorriu.

-A Vicki tá com vocês né? - Kelly perguntou curioso. 

-Ah tá sim! - apontei pra ela e pra Roxy - a Roxanne tá aqui também e eu nem sabia! Elas estão ali na frente! A Roxy chamou ela pra ir comer doces!

-Você viu quem tá aí também né? Acredite se quiser , mas é a mãe da Vicki! - ele falou fazendo uma cara maliciosa - a Michelle é gostosa pra caralho...eu sei que ela é a ex do meu amigo, mas foda-se. 

-Ah... sério que ela tá aí? -me fiz de sonsa - nem reparei... aqui tá lotado!

Ele sorriu.

-Caralho, a Vicki tá grande né? Parece que ela nasceu ontem! Puta merda ,ela é a cara do Duff, sem tirar nem por! - ele falou rindo - acho ela tão linda e tão fofinha! 

"E quem te acha lindo e fofinho sou eu seu FDP!"

-Ah ,ela é um anjo! - respondi rindo. - ela é completamente diferente dos pais! A Victory é mais tímida, mais quietinha... já o Duff e a Michelle...bom, eles nasceram pra causar!

-Cara...quem diria que o Duff foi o primeiro de nós a se tornar pai, era algo improvável! Eu jurava que o Rose ou o Phil seriam os primeiros, mas ele foi mais rápido!

-Ela é um amor , é nosso bebê! E acredite , Duff é um pai incrível! Os meninos se derretem com ela! Mas é aí, cadê os outros? - perguntei pra não parecer uma idiota ( mais do que eu já estava sendo )

-Ah , vão vim mais tarde…Scott , Steve , Mike , Phil e Scott Riley estão vadiando do por aí! Mas eu nem sei se foi ficar aqui muito tempo...tá chovendo demais! - ele respondeu após um gole de cerveja que eu nem havia reparado. 

E quando se tem Kelly Nickels do seu lado, você repara nessas coisas?

-O tempo mudou né? - Kelly puxou assunto.

-É...deu uma esfriada…- respondi.

"Pra mim o clima tá bem quente"

-Tá sozinha?

-Não , eu tô com os meninos! - respondi aérea.

Ele sorriu.

-Não Kate, quis dizer se você tá desacompanhada! 

-Ah! - falei envergonhada. - bom... eu tô sim... tô sozinha sim!

Onde ele quer chegar?

-Bom...eu tô sozinho e você também...que coincidência! Assim a gente pode fazer companhia um pro outro, não acha?

-Ah, claro! - respondi nervosa - já que a Roxy roubou minha companhia! 

Rimos , mas em seguida ficamos em silêncio. 

Um silêncio muito desconfortável pairou entre a gente. 

Eu não sabia se eu falava algo ou esperava ele. Eu estava tão desconcertada com Kelly que não sabia como agir ou reagir.

Ok, nunca fui tímida, muito pelo contrário, sempre fui comunicativa e tagarela...mas agora eu acho que sei como a Vicki se sente….

Inferno.

Do nada, trocaram a música e dessa vez apelaram MUITO tocando Carrie do Europe. 

Aí foi aquela melação : gente desconhecida dançando com gente desconhecida , namorados dançando e gente sozinha afogando as mágoas em bebidas e cigarros.

E eu aqui , tomando meu café, ouvindo uma música extremamente romântica e com Kelly Nickels do meu lado.

"Ah , tá tudo ótimo."

-Quer dançar?

-Hãm? - falei em automático.

-É ué! Te convidei pra dançar... até porque só nós dois não estamos dançando. - ele disse sorrindo de canto.

Eu estava pegando fogo.

E nem era pelo calor humano.

-Cl... claro! - respondi.

Ele me tomou pela mão gentilmente , me puxou pela minha cintura para perto dele ( pra muito perto) e automaticamente minhas mãos foram parar em seus ombros.

A essa altura do campeonato , eu tinha até esquecido o meu nome.

-Você anda meia sumida garota! Quase não nos vemos mais…- ela falou gentilmente.

-Ah...ser a executiva do Guns n' Roses é uma tarefa árdua e muito difícil! Mal tenho tempo pra mim…é tenso cuidar de 5 marmanjos!

-Ah...mas você precisa tirar um tempo pra você relaxar e descansar...ninguém é feito de ferro!

Ri.

-Mas eu preciso de ter nervos de aço pra morar naquela casa! Aqueles meninos são uns demônios! - falei e caímos na risada.

-Te falei como está linda? - ele disse um sussurro. - você é linda Kate…

-Ah...que isso Kelly, são seus olhos…- falei sem graça. - você também tá muito lindo...na verdade você é lindo! 

Que caralho!

Eu estava parecendo o Izzy fazendo as cantadas idiotas dele.

Agora eu sabia que a cafeína já tava fazendo efeito e eu tava falando coisa com coisa.

Ainda bem que só foi um pouco de café , imagina se fosse cerveja ou algo do tipo?

-"...Carrie! Carrie!

Things they change my friend

Carrie! Carrie!

Maybe we'll meet again…"- ele cantou no meu ouvido e caralho...que voz , que homem.

-Eu não sabia que você cantava tão bem…- falei envergonhada.

Ele riu.

-Ah baby...tem muitas coisas sobre mim que você não sabe…e eu adoraria te mostrar.

Então me mostra cacete!

 Mordi o lábio disfarçadamente e ri baixo.

-Tipo o que? - perguntei.

-Isso…- Kelly respondeu num sorriso ao me puxar para ele e com mais intensidade. Ele roçou os lábios no meu maxilar e foi traçando leves beijos até chegar em minha boca.

Foi aí que fui pro céu e voltei.

Automaticamente minhas mãos foram parar em seus braços e aprofundamos mais o beijo.

Ele é muito gentil , calmo e tão romântico… e o beijo era exatamente como ele.

Caralho, caralho , mil vezes CARALHO!

NUNCA na minha vida imaginei estar aos beijos com Kelly Nickels, nunca!

E eu não sabia o que fazer : se eu gritava de alegria ou se eu chorava de vergonha.

Eu estava em chamas , melhor , até o vulcão Vesúvio estaria com inveja de mim.

Nessas horas eu estava agradecendo a Deus pela Roxy ter aparecido no L'Amour e pela Vicki estar tão distraída com ela.

Mas o fato da Michelle estar no mesmo lugar que a gente ainda me angustiava e volta e meia eu dava uma bisbilhotada no bar.

Tudo tava dando certo e errado ao mesmo tempo e eu achei que era uma conspiração do universo contra mim.

Ao mesmo tempo que eu estava no céu , eu estava a um passo do inferno, ou melhor, eu já tava nele.

Tudo estava tão lindo, tão perfeito , até o nosso momento for quebrado por um homem que estava no palco do bar nos chamar a atenção.

Era Johnny.

-Muito boa noite a todos! Quero fazer todos bem vindos ao nosso novo espaço aqui em Inglewood e espero que estejam aproveitando a noite! E dentro de instantes, teremos uma surpresa pra vocês!

Ah,eu já sabia do que se tratava.

Ou melhor, de quem. 

-Kelly...eu tenho que ir agora...o trabalho me chama! - falei ainda atordoada pelo nosso beijo.

Ele sorriu.

-A gente se vê né? - ele sussurrou em meu ouvido.

Sim , de preferência na sua cama.

-Claro…- respondi piscando.

Fui direto pro banheiro para retocar meu batom e arrumar meu cabelo. 

Eu tava tonta , nervosa , tensa e tão...leve.

Tinha umas 3 mulheres no banheiro fazendo o mesmo.

Peguei o batom na minha bolsa e retoquei tranquilamente. 

Nickels é tão experiente que nem borrou meu batom.

Eu falei , esse homem é divino!

Ouvi um som de passos firmes no piso do banheiro,  ecoando nos meus ouvidos. Não dei moral e voltei a retocar a maquiagem.

-Kate? Ah... então você está aqui também? Que coincidência, não acha?

Ah não.

-Boa noite Michelle. - falei educada - não sabia que você estava aqui.

Mentira, sabia sim.

Ela riu com escárnio.

-E você acha que eu ia deixar de vir na inauguração do bar? - Michelle respondeu.

-Acho que você veio mais pelo Guns...ou melhor, pelo Duff , não é? - rebati. 

-Que seja. - ela respondeu se olhando no espelho - como Michael está se virando com a Vicki?

É sério que ela tá perguntando isso?

-Nós 7 estamos ótimos! Ela está se divertindo muito com a gente e rindo horrores! Nunca vimos ela tão feliz como hoje! - respondi rindo de lado com ironia - não se preocupe, estamos muito bem! Duff é um pai maravilhoso e a Vicki é uma princesa, a nossa princesa! Não dá trabalho algum!

-Como Michael está? - ela perguntou frisando bem o nome dele.

QUE?

Ela perguntou pelo ex , mas não teve a coragem de perguntar pela filha?

Cara, como ela tem a cara de pau de perguntar isso?

-Estamos muito bem, obrigada por perguntar! - falei firme - a gente tá tão animado que nada  nada e nem ninguém vai estragar nossa noite! Duff tá todo bobo menina, precisa de ver!

Michelle rolou os olhos.

-Ele tá com alguém? - ela indagou e notei um pouco de ciúmes em sua voz.

Me lembrei de ter visto ele aos beijos nada discretos com uma groupie no backstage.

Ri disfarçadamente.

-Ah, com certeza está...Duff tá com a garota que ele mais ama na vida...a filha , claro. E ele é simplesmente apaixonado por ela.

Ela bufou.

-Ele vai voltar pra mim ainda. - ela respondeu séria - é questão de tempo.

Eu segurei uma risada,mas a minha maior vontade era de sair arrastando essa vadia do banheiro pelos cabelos e encher a cara dela de porrada até ela virar do avesso.

Ela provoca demais , é cínica , metida , debochada e extremamente insuportável.

Acho que agora senti na pele o motivo do loiro ter terminado com ela.

-Michelle…- falei após guardar o batom na bolsa - se ele não te quis em 14 anos...você acha que ele vai te querer agora? 

Eu sei que eu tava brincando com fogo , mas essa briga é minha também e vale a pena se queimar. Sou capaz de fazer qualquer coisa pelas pessoas que amo , desde os meninos até a Vicki

-Ele é orgulhoso, mas no fim das contas , ele sempre vai parar na minha cama e...céus, que homem...Duff nunca prestou , mas em 4 paredes o assunto é outro... - ela respondeu confiante após morder o lábio de forma provocativa.

-E você presta por acaso? - falei.

Ela se aproximou de mim.

-COMO SE ATREVE? - ela gritou.

-Ah , por favor, se enxerga porra! - falei tentando me controlar - você pouco se importa com sua filha que é cheia de traumas e de medos... uma menina tão linda , incrível , que precisa do seu amor ,do seu carinho , você terminou com o namorado mais foda que qualquer garota sonhava e sonha em ter... você deixou eles pra viver a sua vida de bagunça e você ainda tem a audácia que achar que presta? 

-Você não sabe do que tá falando Katherine... você não me conhece…

-Ah, te conheço sim... conheço o suficiente pra saber que você  a porra de uma mãe irresponsável , sem juízo e que faz de conta que a filha não existe! É isso o que você é! - falei com a voz embargada. - se não fosse pelo pai que ela tem, o mesmo cara que todo mundo tacha de irresponsável e sem noção , pela Roxy e pelos meninos, só Deus sabe onde e como a Vicki tava!

-Sua…- ela começou a falar.

-Você tem mais é que calar a porra da boca e ficar quieta, pois a única culpada dessa desgraça toda é você! - falei ao dar uma última olhada no espelho.

Ela se aproximou de mim.

-Só vou te dar um aviso Kate : fica longe do meu Michael. - Michelle falou com sangue nos olhos. 

Ri.

Mas olha a ousadia dessa mulherzinha!

-Ah minha filha...se eu quisesse ter ido pra cama com ele , eu já teria feito isso a muito tempo... não só com ele , mas com os outros também e eu não vou me rebaixar ao nível de uma garota de programa...mas só vou te dar um recado : fica longe da Vicki.

Saí do banheiro , deixei a víbora sozinha lá e fui procurar Vicki e Roxy.

Essa noite já estava pegando fogo...e olha que nem tô falando do beijo do Kelly.


Notas Finais


Ixi!
A coisa pegou fogo!🔥🔥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...