1. Spirit Fanfics >
  2. Surprise, hyung. >
  3. Unique.

História Surprise, hyung. - Capítulo 1


Escrita por: yunobae

Capítulo 1 - Unique.



— porra. — johnny praguejou ao abrir a mensagem recém recebida do namorado.


yuno ^-^ <3

hyuuuuung

vem logo pra casa

tô com tanta saudades :(

[foto]


você

caralho jae

não faz isso comigo, amor

a foto em questão era de jaehyun sentado sobre as pernas no meio de sua cama. o rapaz estava de costas, sua cabeça virada levemente para encarar a câmera. ele não usava nada além da pequena peça íntima presa em seu quadril. uma calcinha fio dental rosa tão fina que desaparecia entre as bandas cheinhas do rabinho do jung e bem em cima, juntando os três fios, tinha um coração prateado. em seu rosto um sorrisinho perverso estava presente em seus lábios melecados de gloss.


yuno ^-^ <3

gostou da surpresa hyung?


você 

desgraçado

acho bom você estar preparado pra quando eu chegar em casa

eu vou te destruir todinho.


yuno ^-^ <3

hyung...

vem logo?

eu tô tão necessitado...

[foto]


a foto dessa vez era da parte da frente do jung. o pau duro estava preso na calcinha, a pontinha melada saltava para fora devido ao tamanho pequeno da peça íntima. os mamilos rosadinhos estavam durinhos e inchados, como se jaehyun estivesse brincando com eles a algum tempo.


você

20 minutos gatinho

espero te encontrar com o rabinho pra cima e me esperando, ouviu?


yuno ^-^ <3

sim hyung <3


por mais que já estivesse esperando por isso, a cena que johnny encontrou ao abrir a porta do quarto ainda o pegou de surpresa. jaehyun estava do jeitinho que ele mandou: de quatro e com a bundinha bem empinadinha e enfiado no meio das bandas gordinhas estava a maldita calcinha fio dental. era ainda mais fina do que johnny se lembrava da foto.

— porra vida, você quer me matar de tesão. — o suh sentiu seu pau endurecer ainda mais dentro da cueca.

— hyung... — jaehyun chamou com a voz arrastadinha e manhosa. os olhinhos suplicantes brilhavam na luz fraca do quarto.

— o que você quer gatinho? fala pro hyung, hm? — falou num tom doce. ele daria qualquer coisa que jaehyun o pedisse naquele momento.

— me faz gozar, por favor? — um biquinho se formou nos lábios carnudos e rosadinhos do jung.

— meu gatinho está tão necessitado, ficou a tarde todinha se contorcendo de tesão. mas você foi um bom garoto e esperou o hyung chegar, não é?

— uhum... — assentiu várias vezes com a cabeça fazendo seus cabelos se bagunçarem.

— meu gatinho é tão bonzinho. — os dedos de johnny passeavam pelas costas de jaehyun, que se arrepiava e arqueava a coluna a cada toque. os dedos longos do suh passearem até descerem pelas costas, passando pelo rabinho empinado onde deixou um tapa estalado e chegando ao pau duro do namorado.

— você está todo molhadinho meu bem. tudo isso pra mim? — uma de suas mãos acariciava o membro de jaehyun enquanto a outra se ocupava puxando a calcinha para cima, enfiando ainda mais na bundinha do rapaz.

— só pra você hyung... a-ah... — jaehyun gemeu dengosinho ao que o a calcinha roçava em seu cuzinho sensível.

johnny não demorou ao puxar o fiozinho para o lado e expor a entradinha piscante. sentindo sua boca salivar, ele não perdeu tempo ao colocar sua língua para trabalhar. o seo chupava com vontade, lambendo o buraquinho e o deixando meladinho de saliva. jaehyun se contorcia todo, suas mãos agarravam o lençol da cama com força e seu quadril rebolava contra a língua quentinha do namorado.

— nngh... isso é tão gostoso- ah... — ele nem tentava controlar os barulhos que fazia, a boquinha aberta deixando sair livremente os gemidinhos deliciosos que johnny tanto amava ouvir.

— você ainda tá todo larguinho de hoje cedo, meu bem. — johnny comentou ao enfiar um dedo no cuzinho de jaehyun. a entradinha se abriu com facilidade devido ao estrago que o pau do seu havia feito pela manhã.

— me fode, hyung? por favor, eu preciso tanto... — a vozinha manhosa saiu arrastada. como ele poderia negar quando seu garotinho estava o pedindo com tanto jeitinho.

— o hyung vai cuidar bem de você, amor. — segurou a cinturinha de jaehyun enquanto seu pau afundava na entradinha quente. o jung continuava com a calcinha, o fiozinho puxado para o lado roçava na extensão do cacete de johnny.

— a-ahn... isso hyung, m-mais forte... — jaehyun já tinha desbado na cama. seu tronco deitado por inteiro no colchão, deixando seu rabinho ainda mais empinado.

johnny não demorou em atender o pedido do jung, passando a meter com mais força mas sem aumentar a velocidade, ele sabia que jaehyun gostava de foder assim, lentinho porém com força. as estocadas faziam o corpo do rapaz ir para frente, afundando seu rosto cada vez mais nos lençóis brancos.

— porra, jae. seu cuzinho foi feito pra levar pau... — johnny apertava a cintura fininha do namorado com força, o puxando de encontro com suas estocadas.

— eu poderia te manter cheinho com o meu cacete para sempre.

jaheyun sentia suas coxas tremerem ao que seu orgasmo se aproximava. johnny sabia muito bem como o garoto amava ouvir palavras obcenas sendo sussurradas em seu ouvido juntamente aos elogios que o deixavam todos molinho, e tomava proveito disso.

— tão perfeito pra mim gatinho, engolindo meu pau tão bem- ah... que delícia, meu bem, você vai fazer o hyung gozar desse jeitinho...

— h-hm dentro hyung... g-goza dentro, por favor...

— caralho, príncipe... — as estocadas aumentaram de ritmo ao que johnny ficava mais perto de gozar.

— eu vou de encher de porra, meu bem. seu cuzinho vai ficar vazando vazando gozo pro resto da semana... — apenas o pensamento de sentir a porra de johnny dentro de si fez com que jaehyun gozasse. os gemidinhos saiam entrecortados e levemente abafados ao que ele enfiou o rosto no colchão.

— ah, porra... você tá me espremendo tanto, amor... — o cuzinho de jaehyun se contraia, apertando o pau de johnny e o fazendo jogar a cabeça para trás de tanto prazer. demoraram apenas mais duas estocadas para que johnny esporrasse com força dentro do rabinho do namorado.

— porra que cena linda... — o seo observava sua porra vazar do cuzinho alargado de jaehyun e escorrer por suas bolas e coxas. o jung fazia força para que o líquido saisse, fazendo o buraquinho avermelhado piscar. o seo tinha os olhos presos na cena a sua frente, completamente hipnotizado.

— use isso aqui mais vezes, ouviu? — puxou o fio da calcinha e deixou estalar sobre a entradinha.

— hyung! — reclamou por estar tão sensível.



     ele definitivamente usaria mais vezes.


Notas Finais


e a yunobae ataca novamente quem amou? não esqueçam de deixar o fav e comentar beleza? me sigam ai pra ler mais putaria e um beijão p vcs 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...