História Surrender - Capítulo 34


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Colegial, Competição, Dança, Drama, Família, Musica, Revelaçoes, Romance
Visualizações 50
Palavras 2.167
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 34 - Cap. 002


 Camila estava andando com Jimin pelas ruas distraída quando quase é pega por um carro passando em alta velocidade, se Jimin não tivesse a puxado ela com certeza teria sido atropelada. 

- Você ta bem?-ele perguntou assustado.

- To, eu só, só tava distraída.- ela disse com a respiração descompassada por conta do susto. 

- Tava pensando no quê exatamente? - ele perguntou curioso voltando a andar com ela.

- Eu tava pensando sobre a proposta que me fizeram outro dia na escola de dança. E... Eu quero me sentar, não to muito bem.-ela disse rindo se sentando no banco do ponto de ônibus.

- E que proposta é essa que você esqueceu de me contar? - ele disse se sentando ao lado dela.

- Me propuseram a ir para Paris, estudar na melhor escola de ballet. Mas você bem sabe que sou péssima e já estou velha para ballet.-ela disse sem jeito dando uma risada nasalada.

-Tudo bem que agora você está com vinte e um anos, mas, está em forma, sempre dançou, não tem porque deixar de ir.- ele disse a abraçando pelo ombro.

- Mas e se eu não for boa?

- Você é ótima. - ele disse a encarando sorrindo amarelo. - Tem que aceitar!

- Mas...

- Ei, você é uma ótima dançarina! Vai aceitar e vai se sair a melhor da turma.- ele disse animado.

- Esta bem,vou falar ainda hoje com a diretora.- ela disse rindo o abraçando. - Eu te amo Jimin.

-Também te amo Ca.- ele disse retribuindo.

De repente o celular de Camila começa a tocar e ela é obrigada a se separar do abraço para atender.

- O que foi dessa vez Bruna?- Camila disse já atendendo o celular. 

- Jungkook e eu demos um tempo, fiquei com o Kai só de raiva e o Josh também, o Kook descobriu e nós terminamos. - ela disse chorando ao telefone.

-Por Deus, Bruna porquê fez isso?- Camila disse chocada com a noticia. 

- Eu não sei mozona, eu tava com muita raiva dele, e acabei fazendo essa merda. Por favor vem pra minha casa e trás um pote de sorvete, de chocolate de preferência, porquê eu não estou bem.-ela disse já soluçando de tanto chorar.

- Bruna se acalma, eu vou ai, não se preocupa. Não faça nada que eu não faria, por favor não faz mais nenhuma besteira. -Camila disse tensa ao telefone preocupando Jimin.

- Ta bom, mas vem logo.- Bruna disse já desligando.

- O que foi? -ele perguntou a encarando.

- Bruna e Jungkook terminaram. Provavelmente os dois estão sofrendo muito. Eu vou lá na casa da Bruna.

- Eu vou pro hotel. Jungkook deve estar muito mal.- Jimin disse preocupado.

- Certo, te vejo lá depois?

-Se você não demorar pra chegar provável. - ele disse se levantando chamando um ônibus para Camila.

- Ta bom, até depois então. - ela disse roubando dele um breve beijo fazendo o garoto sorrir.

Camila subiu no ônibus e Jimin foi para o carro que o esperava ali perto. 

O que ambos não contavam é que esse pequeno passeio causaria um grande estardalhaço na internet por conta de uma fã que acabou gravando escondida grande parte.

 (...)

Chegando na casa de Bruna, Camila foi direto para o quarto da garota já que as portas estavam abertas.

- To aqui, Bruna?- Camila disse enquanto procurava a garota pelos cômodos.

- Aqui! - ela gritou da cozinha.

Camila correu pra lá, e se deparou com a amiga sentada no chão perto da geladeira se entupindo de guloseimas. 

- Por que ele tinha que ser tão estúpido? - Bruna disse voltando a chorar.

- Ei, ei, calma, ele com certeza fez isso porque estava com ciúmes e raiva do que você fez.- Camila disse se sentando ao lado da amiga.

- Sabe, ele já estava muito chato quando voltou, ai implicou com minhas fotos, meus amigos, ameaçou terminar, eu fiquei com raiva, fiquei com os meninos e ele terminou comigo assim que soube. 

- Por que ao invés de sair fazendo essas coisas você não conversou com ele mostrando seu ponto de vista? - Camila disse indignada.

- Você não veio aqui pra me consolar? -Bruna perguntou confusa.

- Eu vim aqui pra ajustar esse seu parafuso solto. Bruna onde você estava com a cabeça? 

- Eu tava com raiva ta bom?

-Mas não é assim que se resolve as coisas! 

Bruna voltou a chorar deitando a cabeça no ombro da amiga. 

- Eu não queria mozona. Eu juro. Mas ele provavelmente não quer mais nem olhar na minha cara depois do que eu fiz.

- A gente vai dar um jeito nisso. Eu prometo.- Camila disse calma fazendo cafune no cabelo encaracolado da amiga.

- Eu sei que isso é culpa do nosso sangue.- Bruna disse emburrada.

- Não tem nada haver o fato de ser latina.- Camila disse rindo.

- Somos calientes.- Bruna disse brincalhona rindo em seguida.

- Só você Bruna.- Camila disse revirando os olhos rindo.

Jimin voltou para o hotel e foi até o quarto de Jungkook que estava na cama jogando videogame concentrado. 

- Se ela pediu pra você falar comigo perdeu seu tempo, os meninos tentaram também. - Jungkook disse ríspido. 

- Pra falar a verdade, nem sei ao certo o que esta acontecendo, só vim ver o que estava fazendo. 

- Ah conta outra.- Jungkook disse pausando o jogo e encarando o amigo que se sentou ao lado dele.

- O que aconteceu? 

- Terminei com a Bruna.

- E terminou sem motivo?

- Sem motivo?! Ela ficou com dois caras porque pedi um tempo já que estávamos brigando demais.

- Você ou ela pediu?

- Ela mas não faz diferença. Agora já foi.- ele disse irritado.

- Sei que esta tenso por conta do prêmio que estamos concorrendo na billboard, o álbum que estamos trabalhando, os vídeos que estamos fazendo e com a Festa que esta logo ali, mas, você não podia ter descontado tudo na Bruna. Ela também tem as tarefas e responsabilidades dela, e enquanto estamos fora, ela tenta suprir nas amizades que tem, a falta que ela sente de você, e quando finalmente se encontram, faz isso... Reveja essa sua raiva e ódio gratuito contra ela, porque acho que isso pode ser sim resolvido com uma boa conversa.- Jimin disse se levantando.

Jungkook ficou pensativo por um bom tempo, sacudiu a cabeça voltou a jogar. Jimin suspirou e saiu do quarto. Enquanto estava no corredor se deparou com Namjoon super preocupado. 

- O que foi? - Jimin perguntou confuso.

- Você ainda não viu seu Twitter? 

- Na verdade acabei de sair do quarto do Jungkook, ia pro meu treinar um pouco. Por que?

- Elas agora sabem de você e da Camila.- Namjoon disse tenso fazendo Jimin arregalar os olhos e pegar o celular de Namjoon.

- Não, não, não.- Jimin disse tenso enquanto via as publicações na timeline.

- O que quer fazer agora? Uma hora vão perguntar sobre isso no fanmeeting.

- Eu não to ligando se agora sabem sobre nós, to com medo do que elas podem fazer contra a Camila.- ele disse tremulo com a voz embargada.

- Onde ela esta?

- Na casa da Bruna.

- O Jin pode ir buscar ela com algum segurança. Sei lá, porque se você for vai gerar mais polemica.-Nam disse preocupado. 

- Ele pode fazer isso?

- Claro, ele ta comendo agora, depois disso ele não vai fazer mais nada mesmo.

- Certo. - Jimin disse tentando se acalmar.

- Relaxa, não vai acontecer nada demais. - Nam disse abraçando Jimin e o levando para o quarto do garoto.

Jin buscou Camila com um segurança no carro caso houvesse alguma confusão, ele a levou para o hotel sem falar nada sobre a polemica que estava sendo gerada nas redes sociais, assim que chegaram Jin disse a ela que Jimin explicaria melhor tudo o que estava havendo. Os dois subiram e quando chegaram no mesmo andar ela foi para o quarto do namorado e ele foi para o próprio quarto. Assim que entrou se deparou com Jimin andando impaciente de um lado para o outro.

- O que ta acontecendo? - ela perguntou confusa fechando a porta.

Jimin sorriu aliviado e logo a abraçou tirando-a do chão. 

-Jimin o que está havendo?- Ela perguntou retribuindo o abraço. 

- Descobriram sobre nós, filmaram a gente no ponto e tiraram algumas fotos, elas sabem sobre nós. Fiquei com medo que elas te fizessem algum mal.- ele disse a pondo no chão. 

- Eu... E agora?- ela perguntou assustada.

- Eu não ligo se elas sabem. Eu só não quero que elas te machuquem. - ele disse pondo as mãos no pescoço dela carinhosamente. 

- Eu devo me preocupar? - ela disse colocando as mãos na cintura dele.

- Enquanto eu estiver por perto não. - ele disse carinhoso a beijando em seguida.

-Hm... Eu abandonei a Bruna.- ela disse se separando.

- Ela supera. - ele disse pondo as mãos na parte de trás das coxas dela a puxando para o colo dele.

- Eu, eu tinha que ficar com ela Jimin, ela não ta bem. Ela ta péssima. - ela disse envolvendo os braços no pescoço dele.

- Jungkook também esta, mas não quer demonstrar. - Jimin disse sentando na beira da cama com Camila no meio de suas pernas.

- Eu pensei que fosse algo grave, por isso não contestei em vir com Jin. Eu não queria deixar ela sozinha. - Camila disse meio cabisbaixa.

- Você quer voltar pra casa dela?- ele disse a encarando de forma carente.

- Não me encara assim.- ela disse chateada.- Vocês dois são importantes pra mim.

- Hoje é meu último dia aqui, e você quer...

- Ssshhhh. Não me faça lembrar disso.- ela disse fechando os olhos dando uma risada nasalada.

- O que decide?

- Vou levar a Bruna comigo, e vou ficar hoje com você. - ela disse sorrindo amarelo.

Ele sorriu de canto e logo começou a beijar o pescoço de Camila alternando entre chupôes e mordidas fazendo a garota arfar e pender a cabeça. Ele aos poucos se livrou das blusas da garota a deixando apenas de peça íntima em cima.

- Ta frio.- ela reclamou rindo baixinho.

- Já já você se esquenta. - ele sussurrou.

Jimin se livrou de suas blusas rapidamente e se deitou com Camila por cima dele, pôs as mãos na bunda dela e ela começou a beijar o pescoço do garoto, quando ela resolvia dar chupoes ele fechava os olhos e apertava a bunda da garota fazendo ela ficar as vezes com a boca entreaberta. 

- Você não faz ideia do quanto senti falta disso. - ele sussurrou no ouvido dela fazendo a garota se arrepiar por inteiro.

Jimin inverteu as posições e logo se livrou da calça de ambos, ficou por cima da garota no meio das pernas dela fazendo ela sentir o volume que era contido na boxer dele. Jimin estava beijando a garota intensamente quando o celular dela começa a tocar.

- Não atende.- ele insiste. 

- Mas e se for alguma coisa importante?

Jimin bufou e pegou o celular dela atendendo e deixando no viva-voz.

- Alô? - ela perguntou confusa.

- Oi filha, sou eu, é você ta muito ocupada?.

- Ta.- Jimin respondeu.

- Ah... Deixa pra lá então. 

- O que foi mãe? - Camila perguntou dando um beliscão em Jimin fazendo ele arregalar os olhos.

- Eu precisava sair pra resolver algumas coisas, D iria comigo, mas a Hazel esta com febre e eu não posso levar ela. Mas deixa, eu vou outra hora.

- É muito importante? - ela perguntou se arrependendo.

- D iria fechar negócio hoje num jantar. Mas vou pedir para ele ir sozinho. Não se preocupe. 

Camila olhou para Jimin e ele balançou a cabeça negativamente saindo de cima dela e voltando a se vestir.

- Eu to indo.- ela disse num suspiro triste. 

- Obrigada filha.-a mãe dela disse aliviada.- Vou me arrumar então, provavelmente quando eu estiver saindo você vai estar chegando, vou deixar os remédios dela separados na cozinha.

- Ta bom mãe. - Camila disse sem ânimo. 

- Muito, muito obrigada filha.- a mãe dela disse contente desligando em seguida. 

- Viu? Era importante. - ela disse triste largando o celular na cama e passando as mãos pelos cabelos.

- Hazel precisa de você, é melhor você ir.- ele disse impaciente. 

Camila se vestiu depressa e foi até ele que estava perto do closet. 

- Eu espero que entenda.- ela disse tristonha beijando a bochecha dele.

- É melhor você ir.- ele disse sério abrindo a porta. 

Camila suspirou triste e saiu do quarto com suas coisas, Jimin fechou a porta e logo foi para a cama se deitar e sentir o cheiro dos cachos dela que ficou no travesseiro.

Camila caminhou triste para o elevador pois não queria deixa-lo.
 


Notas Finais


Tcharam, poxa vida...
(Não postei três de uma vez, ta tudo muito corrido, mas vou continuar postando entre amanhã e terça-feira, não se preocupem <3)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...