História Swan10 - Futebol, Paixão e Fama. - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Cruella De Vil, Elsa, Emma Swan, Fa Mulan, Lacey (Belle), Lilith "Lily" Page, Personagens Originais, Regina Mills (Rainha Malvada), Ruby (Chapeuzinho Vermelho), Sr. Gold (Rumplestiltskin), Tinker Bell, Violet, Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Visualizações 597
Palavras 3.460
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olha eu postando capitulo toda semana! Não acostumem mal não hein! Haha. Aproveitem!

Capítulo 14 - Ela sabe o que ela fez


Fanfic / Fanfiction Swan10 - Futebol, Paixão e Fama. - Capítulo 14 - Ela sabe o que ela fez

- Emma, sua bolsa e seu telefone ficaram comigo, ele está descarregado. – diz Fiona entregando para Emma, enquanto ela entrava no carro.

- Ah... er obrigada.- Emma responde muito nervosa já sentada no banco da frente e Fiona parte com o carro.

- Hey meu amor, sorria!! Voce vai gostar muito desse lugar! – passa uma das mãos no rosto de Emma.

- Fiona... eu preciso te falar uma coisa...é que... – é interrompida por Fiona

- Emma sabe, eu estava aqui lembrando quando voce chegou em Seattle. Voce realmente foi corajosa em vir sozinha e sem dinheiro... E já pensou se não fosse eu?? Eu te ajudei a beça e ajudaria quantas vezes fosse possível. Eu lutei por voce meu amor! E olha voce hoje!! Tem um contrato com um dos melhores times do país. Já já irá começar a receber bem – falava sorrindo, e fazendo gestos com a mao no volante e olhava pra Emma, e passava a mão em sua perna toda hora, e a loira estava com semblante triste e esboçava um sorrisinho quando Fiona olhava para ela. – Eu tenho muita sorte de ter insistido em voce, e acho que voce tem sorte em me ter, não é?

- Er... – Emma sorri sem graça ainda nervosa.

- Mas Emma, o que voce queria falar mesmo comigo??

- Nada nao Fiona... – sorri

Emma não sabia o que fazer. Fiona chegou com lado dramático emocional para cima da loira e ela acabou caindo em sua lábia.

- Estamos quase chegando!

- Posso carregar um pouco meu telefone aqui no seu carro?

- Sim Emma, mas daqui a 5 minutos estaremos no restaurante. Meu telefone está carregado e pode deixar que eu me encarrego de tirar fotos – sorri e Emma conecta o cabo em seu telefone, e tentava ligar o celular, mas ele não ligava.

- Deixa desligado meu amor, nao vai conseguir ligar com 0 de bateria.

- É, eu vou deixar até o carro parar.

Enfim elas chegaram. Emma só tinha carregado 5% da bateria de seu celular e enquanto elas a caminhavam para o elevador, a loira tentava ligar o celular aos olhos de Fiona.

- Deve está cheia de mensagem de aniversário né?

- Devo sim, eu queria ver! – Emma estava com o celular na mão, tentando checar as mensagens e elas já estavam dentro do elevador.

- Mas deixa para responder depois, e vamos curtir essa noite só nós duas, pois voce fugiu de mim a semana toda! – Fiona abaixa a mão da Emma, tirando o celular da frente do seu rosto e dá um selinho nela.

Ao chegarem no alto da torre, as duas são recebidas pelo recepcionista que confirma a reserva com Fiona e as leva para uma mesa ao lado da janela.

Elas se sentaram, e Emma deixou seu telefone sem som em cima da mesa e nao parava de olhar para ele, esperando alguma mensagem de Regina.

- Meu amor, sorria que vou tirar uma foto sua!- diz Fiona com o celular na mão, e Emma poe as mãos na mesa e sorri “de leve” e olha para Fiona.

O Garçom entrega os menus para as duas e Emma mesmo com o menu aberto, era só olhos para o celular que piscava toda hora em notificações de mensagens de suas redes sociais.

- O que vão beber, senhoritas? – Pergunta o garçon

- Eu gostaria de uma garrafa de Prosseco, e peça para o Somelier escolher uma especial, pois é aniversário da minha namorada! – diz Fiona sorrindo e olhando para Emma que estava muito sem graça.

No meio das notificações, apareceu uma mensagem de texto da Regina, e Emma arregalou os olhos e não escondia o nervosismo.

- Emma, voce está bem?

- Não muito, eu bebi demais ontem, acho que preciso ir no banheiro.- Emma estava se levantando e pegou o celular com ela, mas Fiona a interrompeu, segurando seu braço.

- Meu amor, deixa o celular na mesa, ninguém vai roubar ele não! Voce não precisa do celular no banheiro né? Eu tomo conta – fala em tom de piada e solta uma risada

- Ah er... tá eu já volto.

Emma vai até o banheiro e deixa seu celular na mesa, e não deu 30 segundos e o telefone toca e aparece na tela a sigla “T.R”. Fiona atende a ligação.

                               xxx

- Zelena não é possível! Já são 8:35 e cade ela??? – diz Regina nervosa, andando de um lado para o outro.

- Relaxa sis!

- Não relaxo não! Voce tem certeza que avisou que era as 8 e não as 9???

- Regina, voce apaixonada é um porre! Claro que eu avisei que era as 8.

- Voce não pode ligar pra ela?- diz Elsa, noiva de Zelena que estava na sala com as irmãs Mills.

- Eu liguei mais cedo e estava desligado, e mandei varias mensagens e nada!

- Ela deve ter perdido o celular, voce não falou que ela chegou aqui sem nada ontem? – Diz Zel

- Sim, deve ter ficado com a Ruby.

- Quer que eu ligue para a Ruby?

- Voce está doida? Ninguem sabe sobre a gente.

- Liga então pra Fiona , por que essa sabe! Haha- diz Zelena rindo e Regina faz um bico e pega seu celular.

- Vou tentar a Emma mais uma vez- ela disca o numero – Está chamando!! Até que enfim!! – e ela corre para seu quarto.

 

NO TELEFONE

- Emma? Até que enfim, cade voce??

- Boa noite, mas não é a Emma falando e sim a namorada dela, Fiona Murray. A Emma foi ao banheiro, nós estamos aqui no restaurante do obelisco de Seattle comemorando o aniversario dela, e querida se voce quiser deixar um recado eu passo a ela, porque a nossa noite vair ser long... – Regina desliga e Fiona abre um sorriso bem escancarado olhando para o celular da Emma com um ar de “vitória”.

Regina sentou-se na cama e estava desolada. Ela não estava chorando, estava com raiva, mas muita raiva.

Zelena percebeu que a irmã estava muito tempo dentro do quarto e foi até ela.

- Sis, o que foi? Que cara é essa? – diz Zelena, sentando do lado da irmã que segurava o celular.

- E eu devia ter ouvido voce, Zel...- fala baixinho e com os olhos cheios de agua.

- O que aconteceu???

- Ela não vem! – respira fundo e morde os lábios – e sabe porque??

-Por que?

- Ela está jantando com a Fiona lá no Obelisco.

- Que?? Como assim? Ela falou isso pra voce, assim sem mais nem menos?

- Pior!

- O que ela disse???

- A Fiona atendeu o telefone, e se apresentou como namorada dela e falou isso, e disse que “ a noite vai ser longa”

- Meu pai! E o que voce falou??

- Desliguei na cara dela.

- To chocada! – diz Zelena e Regina abaixa a cabeça

- Eu estava pressentindo algo Zel, algo de errado...

- Sis, será que não é alguma armação da Fiona? Pera, deixa eu ver uma coisa... – Zelena pega seu celular e abre no instagram – Xiiiii

- O que foi???

- Bem... deixa pra lá sis!

- Deixa eu ver isso aqui!! – Regina toma o celular da mão de Zelena e mostrava uma foto da Emma no instagram da Fiona, com o sorriso fraco, sentada na mesa do restaurante do Obelisco e estava escrito assim:

“ Comemorando em grande estilo o aniversario do meu amor!” #FelizAniversario @EmmaSwan #Meubebê #MinhaArtilheira #MinhaGoldenGirl #GG #Obelisco #SpaceNeedle

- Olha Zel, olha essas hastags!!- arregala os olhos - E ainda marcou as GG nisso, aff! -Regina engole seco e devolve o celular para irmã.

- Eu ri com o comentário da Ruby – Zelena ri, mas logo muda a feição quando vê que sua irmã estava séria - Quer conversar?-  passando a mão no cabelo da irmã que mordia os lábios e “segurava o choro”

- Eu era apenas um lanchinho para ela... Eu devia ter escutado voce, Zel!

- Voce devia ter tirado essa historia a limpo antes de ter se envolvido demais com essa garota! Voce se entregou rápido demais, Regina. E olha aí no que deu!

- Mas é que não parecia que ela tinha algo sério com a Fiona. E desde que a gente começou a transar, ela estava vindo aqui sempre!

- Falou a palavra certa, sis! Desde que voces começaram a TRANSAR e só! Me desculpe falar assim, mas era isso que ela queria, comer a treinadora!

-Mas, mas... no começo podia até ser, mas ontem, ela estava tão carinhosa, tão diferente!

- Ela estava bêbada, não? E outra, voce me disse que ela sempre chegava na sua casa bem tarde, quase meia noite quando vinha transar com voce, quem não garante que ela estava com a Fiona antes, e vinha aqui só para a sobremesa?

- Ai Zelena, voce machuca com palavras.

- Mas é pra te acordar e voce deixar de ser trouxa!!!

- A Emma mente muito, imagino as coisas que ela devia mentir pra Fiona e pra mim, para sustentar as duas.

- Isso se chama imaturidade! Ela pode ser um furacão na cama sis, mas não sabe lidar com relacionamentos. Ela ainda tem cabeça de adolescente, daquelas que sai pegando todo mundo em festinha após a dança da vassoura.

-Ela está tão bonita na foto. Nunca vi ela usando aquele tipo de camisa. Se arrumou toda pra Fiona... – e abaixa a cabeça

- Hey irmãzinha para de ser trouxa e levanta essa cabeça!! Cade a Regina Mills que eu conheço? – Regina levantou a cabeça e com raiva no olhar.

- Eu estou aqui! – diz com a voz mais grave – Não vou ficar sofrendo por quem não me merece!

- É isso aí sis! Amanhã pede a Zu para fazer uma faxina geral no seu apê, tem coisa da Emma por todo o lado. Eu nunca vi a sua geladeira cheia de refrigerante e carne. Coisa que voce não come e não bebe e comprou pra agradar ela.

- Eu vou fazer isso. O vídeo game que eu dei a ela, está aqui tambem!

- Voce deu um vídeo game a ela?? Hahaha Ai ai sis voce está apaixonada por ela, nao está?

- Já te respondi que não!

- Sei... sei

- Me deixa sozinha Zel, pega a lasanha e leva pra voce e pra Elsa que eu estou com dor de cabeça e vou dormir mais cedo, pois amanhã o dia será longo!

- Voce vai falar com ela amanhã?

- Não! Irei agir normal e encerrar esse assunto eu e ela, aliás que nunca existiu. Falarei apenas profissionalmente e o necessário.

- Hum... só quero ver! E não desconte nas meninas o seu mal humor, viu? Se cuida! – dá um beijo na testa.- Me liga ou me grita que eu venho correndo, viu?

- Te amo!

 

                            xxx

POV REGINA

Eu dormi cedo e acordei cedo. Saí antes da Zu chegar pois eu não queria dar explicações a ela do que havia acontecido. Fui direto para a sede das GG e me enfiei em minha sala, e me ocupei ao máximo o meu tempo, formando jogadas e estudando as adversarias do Chicago red stars para o jogo de decisivo de quarta.

Não conseguia evitar de pensar em Emma. Aquela filha da mãe vinha em minha cabeça toda hora, o seu jeitinho de sorrir não saia da minha mente. Mas logo que isso acontecia eu voltava a mente para aquela foto no instagram da Fiona e a raiva subia dentro de mim. Minha mão coçava ao maximo para não abrir e ver o que mais ela tinha postado na noite.

Emma não me enviou nenhuma mensagem, nenhuma ligação, nenhuma explicação e isso que estava me deixando com mais raiva. Eu já estava decidida que não ia mesmo deixar ela se explicar, já que não tinha o porque, pois eu ouvi e vi da própria Fiona o que tinha acontecido ontem. O duro seria agora ter que encarar ela todo dia aqui no treino, mas eu como uma boa profissional, iria me comportar como tal.

5 para das 10 da manhã e eu fui para a beira do campo e Zelena e alguma das meninas já estavam lá. Zelena veio ver como eu estava, e eu estava segura de mim que ia ficar bem.

As meninas estavam se aquecendo e nada da Emma aparecer. Será que ela vai ser tao covarde e nao dar as caras no treino hoje?? Quando eu ia respirar para mandar as meninas correrem, eis que ela aparece.

- Loirão e aí me conta, como foi a noite com a sua gata ontem? – diz Ruby toda sorrisos, assim que Emma chega no campo. Ela passa por mim e eu estava de braços cruzados e com a feição muito séria e tentava não olhar na cara dela, mas eu não conseguia.

- Foi... – e me olhava rápido – Foi... – me olhava de novo e abaixava a cabeça – Legal!

- Legal?? Só isso Emma? Voce jantou naquele lugar maravilhoso e depois como foi lá no Grand hyat? –

 Ela passou a noite com a Fiona no Grand Hyat??- Pensava comigo mesma.

Enquanto Ruby fazia milhões de perguntas inconvenientes na minha frente para a Emma, eu só respirava fundo e olhava Zelena de “cara feia”, e olhava Emma que nada respondia a Ruby.

- Golden Girls! Comecem a correr e não quero um pio nessa corrida, entenderam??- Assim que falo, elas todas começam a correr pelo campo.

- A Fiona realmente investiu nessa noite com a Emma. Gran Hyat... nossa! – diz Zelena

- É pra fazer eu ficar melhor, irmãnzinha?

- Desculpa sis, é que cada vez mais, fica claro que a duas estavam juntas. Fiona não iria marcar nada assim se ela fosse apenas um casinho e voce sabe disso. Bom, vou lá cuidar das minhas meninas.

Zelena foi para o campo de baixo e eu levei o treino sozinha. Eu não podia evitar de falar com a Emma no treino, mas era apenas indicando o que ela deveria fazer nas jogadas que eu estava passando e nada mais. Cada vez que eu falava o nome dela, ela me olhava com um olhar de que havia feito uma merda bem grande. Mas eu não queria saber mais.

O treino hoje acabou cedo, pois eu tinha uma reunião com o Gold e alguns dirigentes e não teria o treino da tarde/noite.

Eu estava na minha sala, separando os papéis para a reunião na minha mesa, e alguém bate na porta.

- Entra!

- Treinadora Regina... – Eu sabia que seria ela, ela estava com aquela mesma feição que chegou no campo, de envergonhada.

Ela chegou bem perto da minha mesa e disse:

- Eu posso me explicar...

- Explicar?? Voce foi bem no treino de hoje Swan, não tem o que se explicar. – respondi sem olhar em seu rosto, e eu continuava juntando os papéis.

- Voce sabe do que eu estou falando, sobre o jantar ontem...

- Não Swan, não sei e não quero saber!! – aumento a voz -Fale comigo apenas sobre futebol! Aqui e em qualquer lugar, seremos sempre treinadora Regina e jogadora Emma Swan, nada além disso! – pego meus papeis e abro a porta da minha sala para sair, e o que de pior poderia me acontecer, aconteceu.

- Mas aí está voce! Vim te buscar, meu amor! – diz Fiona na minha frente e olhando para Emma ao fundo – Oi Regina- diz ela com aquele sorriso cínico na cara.

- Oi senhorita Murray – Eu estava me desviando dela para ir para a reunião, mas eis que Fiona não ia deixar de pisar em mim.

- Ah, Regina! Como foi que a Emma se saiu no treino hoje? Porque ela estava com tanta disposição ontem a noite, e queria saber se ela estava com a mesma hoje. - sorri

- Pergunte para ela, tenho mais o que fazer! Com licença – Olhei rápido para Emma e me virei e saí que nem um furacão.

 Ódio, raiva, vontade de quebrar tudo, era o que passava na minha cabeça após ver e ouvir o que ouvi. Porque ela está fazendo isso?? Porque as duas estavam fazendo isso comigo?? Eu tive problemas no passado com a Fiona, mas eu amei um dia essa mulher, porque ela está fazendo isso comigo?? E a Emma? Eu dei uma chance a ela de entrar no meu time, eu a coloquei nas titulares em menos de um mês, tudo bem que ela mereceu, mas porque eu??? Eu é que não mereço ser enganada.

Enfim, eu passei a reunião toda bufando, eu nao estava conseguindo me concentrar. E estava dando “patada” em todo mundo que não concordava comigo.

Após uma hora e meia, a reunião acabou e eu estava doida para ir para casa. Ainda era de tarde, e entrei no carro e resolvi nao ligar para a Zu avisando que estava indo como sempre faço, pois minha cabeça só martelava uma coisa: “Porque ela estava com tanta disposição ontem a noite, e queria saber se ela estava com a mesma hoje.”

Eu vim penando no carro que eu tinha passado o treino me segurando e tentando ser ao máximo profissional e foi o que fiz, mas após a Fiona aparecer na minha frente, eu explodi. Eu tinha chegado a entender que a errada nesse triangulo amoroso era eu, somente eu! Eu comecei a por na minha cabeça que Fiona conheceu a Emma primeiro que eu, transou com ela primeiro que eu, e eu surgi na vida da Emma depois, e me deixei por levar por aquele par de olhos azuis esverdeados e doçura de pessoa que ela é, e como a Zelena vinha dizendo, eu errei feio em não ter tirado essa historia de nós 3 a limpo.

Mas acontece que a Emma me envolveu de um jeito que eu não sabia explicar, e ainda nao sei! E eu não estava ligando se ela tinha algo ou nao com a Fiona antes, mas em saber que Emma se relacionou com ela ontem, depois da noite e dia que tivemos no seu aniversario em minha casa, das palavras e dos carinhos dela comigo, quem se sentiu traída foi eu.

Entrei no prédio e nem dei boa tarde ao porteiro do turno da tarde, que eu nem sabia o nome e entrei no elevador e apertei o botão da cobertura umas 10 vezes para ele logo subir.

Eu estava virando a chave na porta e Beckenbauer latia como ele sempre fazia, e assim que abri a porta e olhei para o sofá da sala, eu paralisei.

- Dona Regina! Chegou cedo, olha quem já está aqui e já desfrutando do presente que a senhora deu!- diz Zu sorrindo e eu ainda paralisada- E ela já está de banho tomado – Zu ri, e Emma estava sentada no sofá, com o controle do Playstation na mão e me olhava com a cara mais lavada da terra, mas eu não ia deixar barato.

- Levanta!! – gritei e fui até a direção dela- Levanta desse sofá e sai da minha casa!!!! – gritando

- O que isso Dona Regina???? Por que está falando assim com ela??- diz Zu assustada e Emma mais ainda.

- Ela sabe o que ela fez, Zu! Vamos Emma, saia da minha casa agora!!!

-Deixa eu me explicar, por favor!- diz ela com o semblante triste e assustado e ela segurava o controle do jogo em uma das mãos.

- Não!! Sai agora, Emma!!- gritei mais uma vez

- Não saio até voce me escutar!

- Ah não sai??? E se não sair por bem, vai sair por mal!! – peguei o controle da mão dela e joguei no chão e não sei o que deu em mim, mas tirei força do além, e puxei Emma pelo braço até a porta do apartamento aos olhares assustados de Zu e Beckenbauer.

-Treinadora porque está fazendo isso? Pelo amor de Deus deixa eu me explicar!!!- diz Emma

- Já disse que não quero ouvir nada!!- gritando - Aliás, olha agora na minha cara e me responde uma coisa! – Coloquei ela literalmente na parede e fiquei a encarando com o rosto bem perto do dela e então perguntei: - Voce transou com ela ontem a noite??? – Continuei encarando Emma e ela olhava para mim sem piscar, mas seu rosto começou a ficar todo vermelho e seus olhos encheram de agua, e ela mordia os lábios e tremia – Me responde Emma!!!! – Ela começou a chorar e abaixou a cabeça – Não precisa falar mais nada, já tive a minha resposta, vai embora e não volte nunca mais aqui!!! – ela saiu pela porta e se virou me olhando e chorava – Meu assunto com voce agora é somente profissional! Boa noite Swan!- e bato a porta com força.


Notas Finais


Ma gente, segura agora a fúria de Regina Mills. Emma mereceu né? Pra quem gosta de Drama, os próximos capítulos estarão cheios... Fiona voltou voltando nessa historia haha bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...