1. Spirit Fanfics >
  2. Sweet but psycho - Baekhyun >
  3. Orgulhosa

História Sweet but psycho - Baekhyun - Capítulo 12


Escrita por: e Orbit03


Capítulo 12 - Orgulhosa


Baekhyun realmente se comportou, não encostou em nenhum fio de cabelo de Eunseul, passou a tarde vendo ela lendo livros e brincando com seus animais. O silêncio durante a janta estava sendo satisfatório para Eunseul, que pela primeira vez achou que Baekhyun já não estava mais na sua casa.

E a cada minuto Baekhyun imaginava ela em seu colo aos beijos na cama, ele realmente não conseguia tirar isso da sua mente. Suspirou profundamente atraindo atenção de Eunseul.

— O que foi? — perguntou olhando calma para o mais novo.

— Nada. — ele não pode provocar ela, é uma promessa.

— Você está sendo um bom garoto. — disse levantando e levando a louça. — Estou orgulhosa. — murmurou.

Isso deixou ele um pouco feliz, ajudou ela com a louça e olhava discretamente para ela, os cabelos eram longos e negros e os lábios rosados quase o mesmo formato que o seu, porém um pouco mais cheio, os olhos eram castanho-escuro e possuía um formato de rosto angelical.

— Eu amo você. — Baekhyun murmurou abaixando a cabeça.

— Eu vou pegar um edredom quentinho para você. — disse secando as mãos e ignorando o que Baekhyun disse.

Ele estava ocupado demais pensando nela e momentos quentes e a mesma cena dela lhe beijando veio a mente. Se assustou quando a mesma estalou os dedos próximo ao seu rosto e ele encarou os olhos dela, Eunseul estava falando sozinha esse tempo todo. 

— Escutou o que eu disse? — perguntou e ele negou. — Vem Baekhyun. — segurou a mão dele puxando em direção ao quarto em que ele vai ficar.

Empurrou ele na cama e começou a pegar as coisas para cuidar dele, colocar a pomada cicatrizante no seu ferimento e fazer outro curativo. Levantou a camisa que Baekhyun usava e retirou o curativo que pela primeira vez não estava todo sujo de sangue. Fez a limpeza, mesmo que não precisasse. 

— Viu como eu me comportei. — disse atraindo atenção da mais velha.

— Eu sei, disse que estava orgulhosa. — acariciou os cabelos de Baekhyun. — Amanhã eu vou passar uns produtos no seu cabelo, eu já tive cabelo platinado e os produtos estão aqui de bobeira. — disse e Baekhyun sorriu sentindo o carinho dela. — Eu já volto.

Ele sorria atoa lembrando da mesma segurando sua mão ou ainda agora acariciando seus cabelos e dizendo que estava orgulhosa. Deitou na cama sorrindo e passando a mão no rosto e ele estava feliz, muito feliz.

— Acredito que essa semana toda vai chover e só semana que vem o sol vai dar sinal. — murmurou colocando o edredom na cama de Baekhyun e riu em ver ele todo bobo na cama. — O que houve? — observou ele se enrolar no edredom como uma criança.

— Você me deixa assim. — disse olhando para ela.

— Entendi. — suspirou profundamente e jogou um par de meias para Baekhyun se aquecer.

— Eu amo você. — disse de joelho na cama de frente para ela. — Obrigado por cuidar de mim. — sorriu e isso deixou Eunseul envergonhada.

— Vai dormir. — seguiu apagando a luz e Baekhyun descobriu como deixar Eunseul tímida.

Eunseul ainda não podia dormir, aproveitou mexendo no celular vendo algumas fotos que tinha no celular para ajudar na inspiração de um novo projeto de arquitetura que foi designada pelo governo de Seoul.

— Seria pedir demais um beijo de boa noite? — Baekhyun assustou Eunseul que viu o mesmo ao seu lado.

— Que susto Baekhyun. — disse com as mãos sobre os seios sentindo seu coração bater rápido. — O que ainda está fazendo acordado?

— Escutei barulho de carro e pensei que você tinha saído, então vi que a estrada estava um pouco movimentada e fiquei preocupado com você. — Baekhyun se sentou na ponta da mesa.

— Está chovendo, eu não saio na chuva. — murmurou. — Normalmente quando eu vou para cidade e está chovendo, eu fico pela cidade.

— Você vai me dar o beijo de boa noite? — perguntou quase como um sussurro.

— Você disse que não iria ficar me provocando. — desligou a tela do celular passando a mão sobre os cabelos e encarando Baekhyun.

— Não é que eu esteja te provocando, mas é uma coisa que eu realmente quero. — murmurou.

O silêncio ficou e Baekhyun ficou vendo ela começar a assinar os papéis de contrato. Leu por longe e ficou surpreso em ver que era um contrato de trabalho do governo.

— Posso te fazer uma massagem? — Baekhyun perguntou vendo a mesma olhar para ele sem responder. — Acho que isso é um sim. — foi para trás dela e ajeitou o edredom para não cair e começou a massagear as costas dela, escutou a mesma arfar baixo.

Os dedos de Baekhyun eram suaves apertando e isso era muito bom de sentir, os leves apertos no pescoço e o mesmo ajudou em estalar o local. Ele sorriu bobo em ver ela com os olhos flechados e apenas aproveitando a massagem. Parou e a mesma suspirou frustada e voltou ao trabalho, pensando que isso era um alerta que não poderia parar o que estava fazendo.

— Eu posso fazer isso nas suas costas toda. — voltou a sentar na ponta da mesa.

— Não precisa.

— Mas você está tensa.

— Vamos dormir Baekhyun. — disse começando a guardar os papéis e logo puxar Baekhyun para o quarto dele.

O mesmo deitou sozinho na cama e ela seguiu até a janela escutando que realmente a pista estava barulhenta, viu Baekhyun balançar os pés de um lado para o outro e ficou animado olhando para mesma. Caminhou até o mesmo se aproximando do seu rosto, viu o mesmo fechar os olhos esperando pelo beijo na testa, mas ela deixou um selar rápido em seus lábios fazendo ele sorrir bobo.

— Boa noite Baekhyun. — seguiu saindo rápido do quarto, sabia que o que acabou de fazer não estava certo e que estava sendo contra sua palavra.

Seu coração estava aquecido, mas sua mente estava lhe julgando e dizendo de como isso era errado. Por outro lado por mais que Baekhyun esteja feliz com isso, ainda estava confuso por ela está fazendo isso.

— Eu não vou mais fazer isso, não insista. — Eunseul disse antes de fechar a porta.


Notas Finais


Oxi, parece que lá dias vão passar mais rápido no próximo capítulo. Vocês estão gostando?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...