1. Spirit Fanfics >
  2. Sweet but psycho-imagine Kim Taehyung >
  3. Cap-9

História Sweet but psycho-imagine Kim Taehyung - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Olá meus angel's tudo bem?
Espero que estejam!

Obrigada pelos 73 favoritos eu estou muito contente!!!!!

Boa leitura!

Capítulo 9 - Cap-9


Fanfic / Fanfiction Sweet but psycho-imagine Kim Taehyung - Capítulo 9 - Cap-9

Acordo assustada pelo meu telefone que estava tocando, eu abro os olhos e o pego vendo que era minha mãe quem me ligava.Eu apenas atendi e a mesma só estava me cobrando para ir ao casamento que eu e a mesma havíamos falado.


(...)


Mia: Eai, já conseguiu estudar os 60 casos? 


S/n: Falta dez, eu ando muitíssimo ocupada, casamento, trabalho e mais algumas coisinhas. 


Mia: Se precisar de ajuda, estou disposta.


S/n: Obrigada Mia.


Mia: Disponha.

 


A mesma se retira da minha sala e eu deito a cabeça na mesa batendo na minha cabeça. 


S/n: Aigoo, aigoo, aigoo!!!


Eu me levanto e tomo água tentando relaxar porém tentativa falha, há muitos problemas surgindo do nada, oque eu fiz? Por que logo eu? Aigoo isso me desgasta.


(...)


Tae: Aish, já terminamos? Foram mais de cinquenta perguntas hoje!


S/n: Taehyung, me desculpa mas eu estou lotada de coisas acontecendo de uma única vez, me desculpa as cinquentas perguntas de uma vez só, mas assim eu consigo três os dois dias de folga pra descansar a mente. 


Tae: O'Que está te deixando tão estressada assim? 


S/n: Muito trabalho, tenho um casamento e também tenho alguns mistérios surgindo na minha vida.


Tae: Hun….


S/n: Faltam somente dez perguntas em.


Tae: Aish! Tá bom vamos logo com isso.


(...) 


Depois de várias perguntas a vários pacientes eu me sento na cadeira de minha sala e fico rodando na mesma pensando em Taehyung e seu misterioso sonho igualmente ao meu, até eu ter a ideia de tentar vê alguma imagem do quarto de Taehyung, porém não era permitido, eu teria que fazer isso por trás do meu chefe.



Me levantei e fui despistando até a porta do chefe e entro pois eu sabia que ele não estaria lá então pego meu pendrive e coloco no notebook do mesmo e copio todos os arquivos do quarto de Tae, ele bem lento começa a passar tudo pro meu pendrive eu logo o retiro e volto tudo ao normal e saio da sala dando de cara com o meu ceo.


Ceo: O'Que fazia em minha sala?


S/n: Eu….eu fui atrás de você para te dizer que eu terminei tudo mas cedo porém você não estava lá.


Ceo: Não mexeu em nada não é? 


S/n: Por que eu mexeria em suas coisas?


Ele sorri e passa direto entrando em sua sala, claro, eu não sou idiota, eu apaguei a parte que eu mexia em seu notebook.


Eu segui caminho a minha sala colocando o pendrive em minha bolsa e as papeladas e fui até o estacionamento entrando em meu carro e dando partida até minha casa até o meu celular começar a tocar, novamente era minha mãe, eu aperto um botão no volante e atendo.


S/n: Diga mãe.


Mãe: S/n, já comprou seu vestido?


S/n: Mãe, eu trabalho muito estou cheia de problemas, eu irei ir amanhã. 


Mãe: Nada disso, você irá hoje.


S/n: Tá, tá, tá, tá bom eu vou hoje.


Mãe: Bom mesmo, tchau.


Eu apenas desligo  e continuo a dirigir dessa vez indo ao shopping e comprando um vestido e voltando a ir pra casa.


(...)


Eu já estava em casa, vendo mais vídeos e lendo pesquisas, então eu decidi por o pendrive e assistir como taehyung reagia aos sonhos, até eu vê algo não muito legal, o ceo e mais dois homens batia em Taehyung e aquele queimado no punho do mesmo foi feito com um ferrinho pequeno algo não muito grande mais bem doloroso, aquilo me deu uns nervos, eu não podia deixá-Los fazer isso, taehyung mesmo sendo diferente em personalidade ele continua sendo um ser humano e sente dor.


Eu adianto a imagem até ontem, que foi o dia que Taehyung me contou, eu aproximei a imagem o vendo se debater entre o sonho e logo acordando ofegante.


S/n: Mas por que esse sonho logo pra nós dois? Aigoo


Fecho a tela do notebook e me jogo na cama e suspiro tentando entender tudo, mas com certeza aquilo tinha um sinal, de que? Eu não sei, mas preciso descobrir pra voltar a dormir bem e tirar esse problema das minhas costas.


Eu volto a sentar e pesquisar tudo, até eu olhar o relógio e vê que já eram 02:30 da manhã então eu me levanto tomando banho e indo dormir.


Como eu havia terminado todo o meu expediente de trabalho ontem, eu iria ter no máximo três dias de folga, ou seja, três dias para resolver o problema, algo meio impossível mas eu consigo!


Me levanto e pus uma roupa e fui até um centro de psicologia e fico na espera até ser entendida.


??: S/c? (Seu nome completo)


Eu me levanto e ele diz um "me acompanhe" e eu afirmo indo até a sala onde ele atendia pacientes e ele me pede para deitar e assim eu faço. 


Psicólogo: Vamos lá S/n, oque está lhe incomodando?


Eu respiro fundo e conto cada detalhe de minha vida, meu emprego, meus pais, ou seja minha vida mesmo. 


Psicólogo: Mas você não acha que esse emprego está mexendo com sua cabeça? Você atende muitos pacientes por somente um dia, deve estudar os detalhes de todos, não tem tempo pra você, tu não acha que esse tal sonho de vocês dois pode ser mente cheia?


S/n: Sim mas, o mesmo sonho?


Psicólogo: O mesmo? Vocês sonharam com a mesma coisa?


S/n: Sim cada detalhe é igual.


Psicólogo: Vocês podem ter viciado algo trágico no passado juntos e não se lembram.


S/n: Com certeza não foi isso.


(...)



Notas Finais


Pow!

Eai oque vocês acharam?

Capítulos melhores irão vir pela frente! Esse imagine serão somente de 20 capítulos ^-^ mais será uma grande reviravolta.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...