História Sweet Creature - H.S - Capítulo 9


Escrita por:

Visualizações 29
Palavras 433
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - Chapter 8


Subo as escadas e paro na porta do quarto do Harry pronta para bater na mesma que se encontra entre aberta quando ouço ele a falar/gritar


 - CALA A BOCA SUA VADIA - grita - coloca essa merda de roupa e vaza da minha casa - Diz um pouco mais "calmo"

 - Harry..me desculpa - Stacey fiz com voz de choro

 - AGORA!! - Ordena impaciente Devo admitir que me deu dó da Stacey.


 Vejo a mesma sair do quarto do garoto, assim que me viu abaixou a cabeça e desceu as escadas indo em direção a porta.

 Fiquei olhando a mesma até perceber que Harry estava me observando atentamente.


 - Me desculpa por hoje mais cedo.. Não aconteceu nada entre mim e Stacey - Ele diz me olhando fixamente 


Conta uma piada agora pois essa não teve graça queridinho.


 - Você estava suado, sem camisa, ofegante.. ela também, sem roupa, dizendo umas poucas vergonhas e me diz que não fizeram nada? Bom.. 


  Eu abri mesmo a boca?


 - Erh..tudo bem..me desculpa.. -Diz atrapalhando

 - Não deve pedir desculpas. Sua mãe está te chamando - Digo firme saindo de sua beira quando o sinto segurando meu pulso.

 - Me desculpa mesmo.. - Assinto me soltando de si e indo até o banheiro.


 Ele acha que o quê? Que eu sou cega? Otária? Retardada? Ou uma criancinha inocente? Termino de usar o banheiro, me direcionando a cozinha. Sei que é feio ouvir a conversa dos outros e que estou abusando disso mas..


 - Mas mãe..

 - Quieto Harry - pausa - Você me diz há não sei quanto tempo que está interessado na menina e faz essas merdas?

 - Eu não aguentei mãe.. desculpa - Ele diz como um sussurro

 - Harry, não tem essa, se você gosta mesmo dela e quer ela pra você, faça por merecer, e peça desculpas não a mim, mas a si mesmo


 Um silêncio se instala no ambiente. Quem será essa tal garota que Harry gosta? - Tu é que não é - minha consciência responde. Entrei na cozinha e fingi que não havia ouvido nadinha.


 - Está com fome querida? - Anne pergunta um pouco desconfortável.

 -Não.. - mentira, estou morta de fome - Só vim dar boa noite.. Bom, boa noite - Dou um beijo na bochecha da mulher 

- Boa noite Ju.. - O garoto levanta o olhar sobre mim

- Boa noite - Seca?Talvez.


 Subo, coloco um pijama de frio, pego minha nécessaire e caminho até o banheiro, escovo os dentes, lavo o rosto, e caramba, que dor de cabeça insuportável. Melhor eu dormir logo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...