História Sweet Dream - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Alfredo Flores, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Pattie Mallette
Tags Alfredo Flores, Lauren Jauregui
Visualizações 30
Palavras 1.504
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


relooooooooooooooooooou, Sei que demorei muitooooooooo, mas ta ai um capitulo saindo do forno hahahaha espero que gostem

Capítulo 18 - Racha Parte ll She's Back


Fanfic / Fanfiction Sweet Dream - Capítulo 18 - Racha Parte ll She's Back

 

P.O.V Justin Bieber

Cenas do capitulo anterior

 ‘Todos começaram a gritar anunciando o vencedor. Filho da mãe, me venceu.

 Saio do carro cheio de ódio e me aproximo. Ele esta de costas para mim, quando tira o capacete tomo um susto.

 - O que... – Assim que tirou o capacete logo seus longos cabelos escuros voaram sobre a noite fria. De repente ela desce da moto e quando vira o rosto...

 

Agora

 

 Meu coração da um pulo. Que porra é essa?

- Quem é aquela deusa? – Pergunta Ryan deslumbrado.

- Eu não sei cara. – Digo ainda me recuperando do susto. No fundo, eu queria que fosse a Lauren. Mas que besteira a minha, ela esta bem longe daqui. Que eu saiba.

- Cara, eu tenho que falar com aquela gata. – Meu amigo estava tão empolgado que não viu meu desespero. E se fosse a Lauren? O que eu diria pra ela?  Que nesses últimos 2 anos eu não parei de pensar nela? Ah qual é, cai na real Bieber. Você perdeu.

 Nos aproximamos da garota, realmente ela é uma gata. Mas esse tipo de garota não faz meu tipo. O meu tipo é aquela garota marrenta, que não se deixa abater por qualquer um, que mesmo triste ou deprimida se faz de forte.  Aquela garota de olhos verdes esmeraldas e cabelos longos...

- Oi gatinha.

- Oi. – Responde a garota com voz fina.

- Qual seu nome? – Quando a garota ia responder Khalil aparece a abraçando por trás. Uê eles se conhecem?

- Já conheceram minha garota? – Fala todo animado ainda a abraçando.

- Eu não sou sua garota Khalil. Nem em seus sonhos. – Responde ela revirando os olhos.

- Qual é gatinha? Vai se fazer de difícil agora? – Khalil sempre consegue ser pior do que ele aparenta ser.

- Olha, foi um prazer conhecer vocês... Ah eu não sei seu nome? – Fala olhando pra mim.

- Sou o Justin. Você não me conhece? –

- Justin Bieber? Caramba é você mesmo. – Diz animada. – Eu era sua fã quando era mais nova sabia? Adorava aquele cabelo que você usava.

- Ah serio? – Respondo constrangido. Ah aquela época. Quando eu era apenas um garoto seguindo um sonho.

- Foi ótimo conhecer vocês. Mas agora tenho que ir encontrar uma pessoa. Foi um prazer. E justin? – A olho. – Me desculpa pelo retrovisor – Disse olhando diretamente pra mim e o meu amigo Ryan. O mesmo sorriu encantado. Nunca o vi assim.

- Até mas Camila. E não se preocupe pelo retrovisor. – Digo. Assim que ela saiu, começou o alvoroço.

- Cara você viu? Ela me deu muito mole.

- Qual é Ryan? Vai querer roubar a minha garota? – Fala Khalil com cara de idiota.

- Não tem como você perder o que você não tem Mané. – Digo tirando sarro. Em seguida recebendo um olhar de reprovação do meu amigo.

- Vão se foder. – Fala e sai sem da tchau

- Ih alguém Ficou chateadinho... – Fala Ryan tirando sarro, fazendo o meu amigo Khalil sair irritado batendo o pé.

- Porra Ryan, você deixou o cara puto. – Eu digo achando graça.

- Ih cara olha quem ta ali. – Fala apontando pra algum lugar em meio a multidão. Quando olho, todo um susto.

- Selena? – Pergunto em voz alta ainda chocado. O que ela quer aqui? Ela nunca gostou desses rachas.

 De repente ela bate os olhos em mim e se aproxima de onde estamos. Agw, garota grudenta. Penso.

- Oi Justin. – Diz seca.

- O que você quer? – Falo rude.

- Eu vim ver o racha. – Fala tranquilamente como se fosse verdade. Ah qual é, ela odeio esses lugares.

- Não. Você não veio. – Digo a puxando pelo braço e a levando pra longe da multidão.

- Ai! Seu grosso.- Puxa o braço de volta. – Eu vim ver você né. Mas se eu soubesse que seria todo grosso comigo não viria.

- Qual é a sua Selena? – Pergunto – Você terminou comigo. Lembra? Por que você está aqui? – Pergunto mesmo não querendo saber.

- Por que eu te amo Justin! – Grita – Eu te amo e quero ficar bem com você. E você me amava também, eu sei que amava mas eu não sei o que aconteceu com você. Você mudou tanto.. – Passa a mão no meu rosto. Abaixo a cabeça me rendendo. Ela tem toda razão, eu mudei, Eu amava essa garota e faria qualquer coisa pra ficar com ela, mas agora que eu consegui, não é mas como antes. Antes da Lauren.

- Me desculpe. – Foi a única coisa que consegui falar.

- Tudo bem. – Me abraça forte.

 Sabe, a um tempo atrás quando eu e Selena namorávamos, era tão incrível. Nosso amor era puro, mas ai eu comecei a sair com pessoas ruins e eu me tornei uma pessoa horrível, eu sai para festas, ficava com uma garota diferente todos os dias. Mas ainda sim, a Selena continuava me amando, me perdoando.

 Nunca entender o por que, mas agora eu sei. Ela me ama de verdade e eu preciso tentar, preciso achar aquele sentimento que eu sentia por ela a um tempo atrás. Eu não posso errar com ela de novo. Eu vou amar essa garota como da primeira vez, por que ela sim, estava aqui quando eu mais precisei.

- Vamos pra casa? – Pergunto me desfazendo do abraço e a olhando nos olhos. Ela sorri e acena com a cabeça. Sorrio de volta e vamos na direção da multidão.

 

 

 

P.O.V Ryan Butler

  Depois do Justin sair arrastando a Selena pra longe, decido procurar a Camila. Aquela garota mexeu comigo. É  como se ela tivesse sido mandada pra mim.

 Logo avisto ela na multidão conversando com alguém e vou ao encontro dela.

- Camila? – A chamo. Fazendo a mesma tomar um susto.

- Ah oi. Ryan não é? – Pergunta sorrindo.

- Isso! – Digo sorrindo que nem um idiota.

- Certo. Então...

- Bom... Eu queria saber se... Se você não quer sei lá, sair um dia desses... – Pergunto nervoso. Agwww droga, ela vai achar que você é idiota Ryan.

- Eu acho que...

- Camila? – Alguém a chama e quando olho tomo um susto.

- Não acredito. – Falo colocando a mão na boca. Era a  Lauren.

- Ryan? Oh meu Deus. Ry é você mesmo. – Diz e me abraça forte, retribuo.

- Eu não acredito que é você. Quando você voltou? Por que não me ligou? Espera. Vocês duas se conhecem? – Digo intercalando meu olhar entre ela e a Camila.

- Calma. – Rimos. – Eu vou explicar tudo, mas agora eu não posso ta bom? A gente tem que fazer uma apresentação.

- O que? Como assim? – Pergunto confuso

- Vamos fazer uma apresentação aqui Ry.

- Mentira. Você vai cantar?

- Sim. E vamos dançar também. – Fala abraçando a Camila. – Que bom que já conhece minha melhor amiga Camila.- Abro a boca chocado. Só podia ser aviso do destino

- Ah...

- Bom a gente se fala depois Ry. – Me da um beijo na bochecha e sai puxando a Camila. Cara, preciso falar com o justin. Ele vai pirar quando souber.

 

 

 

(###)

 

 - Justin Caralho, atende a merda do telefone. – Já é a terceira mensagem que eu deixo e nada de resposta. Droga. Ele deve ter desligado o celular. E agora?

 De repente um homem anuncia que vai começar o show. Sinto muito Justin! Mas não posso perder isso.– Pensei.

 

 

 

 

P.O.V  Justin Bieber

 

 Eu e a Selena finalmente nos acertamos. Agora nada vai impedi o nosso amor.

 Depois de virmos pra casa a gente ficou assistindo um filme e trocando carinhos no quarto e acabei pegando no sono.

 Acordei com o sol entrando pela janela. Droga, sempre esqueço de fechar essa maldita janela. Decido ligar meu celular pra ver se tem alguma coisa importante. Três mensagens de voz do Ryan. O que foi agora?

 Quando ia colocar pra ouvi a mensagem vejo a Selena acordando e desisto. Largo o celular no criado mudo e deito novamente para observa- lá.

 - Hummmm. Bom dia amor. – Fala abrindo um sorriso. Como nos velhos tempos.

- Bom dia Coisa linda. – Falo roubando um beijo da mesma.

- Amor, para. Nem escovei os dentes. – Fala dando risadas dos beijos que eu dava no seu rosto.

- Eu não ligo. – Falo roubando outro beijo E em seguida levantando da cama. – To com fome. Vou La em baixo quer alguma coisa? – Pergunto.

- Hum, Quero sim, so vou tomar um banho primeiro e já desço ta bom?

- Certo. – A beijo e saio do quarto indo em direção as escadas. De repente ouço vozes e gargalhadas.

- Ryan? Ryan é você? Por que me ligou ontem? Ryan?- continuo falando indo em direção a sala. De repente alguém grita

- PARADO! NÃO SE MEXA SE NÃO.... – Tomo um susto com o que vejo. Mas oque...

-  Não se mexa. – Fala novamente com a voz fraca dessa vez. Não sei se fico assustado pois ela está apontando uma arma pra mim ou se é por que estou vendo ela de verdade. Ela está aqui!

- Lauren...?

 

 

 

Continua...


Notas Finais


E ai ? Gostaram? Comentem ♥♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...