História Doce Vingança - Capítulo 2


Escrita por: e _Yangire_

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Taehyung (V), Lay, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Suho
Visualizações 50
Palavras 889
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi, capítulo bem curto hoje. Compenso com mais um essa semana. Boa leitura!

Capítulo 2 - Nova amiga


Anteriormente:



Alguns meses depois…


Eu e a garota ruiva (acabei descobrindo que se chamava Lee) estávamos bem próximos, eu e Jungkook terminamos e eu estou apaixonado por ela. Jungkook não aceitou muito bem no começo, mas, agora somos amigos. Bem amigos, na verdade. Ele começou a sair com um garoto de cabelos vermelhos, Taehyung. E eu, bom, eu tentei conquistar Lee, mas, pelo jeito ela gosta de outro garoto. Ela diz que sou o melhor amigo dela, e não quer estragar nossa amizade.


Atualmente...

 

Agora:



—  Jimin, eu acho que… eu gosto do Yoongi.



Como já devem saber, Min Yoongi é o maior babaca já existente. Eu sei que ele é lindo, cheira muito bem, e é um puta de um gostoso, mas as meninas não precisam babar quando ele passa, pelo amor de Deus.


— E eu preciso de ajuda para… você sabe, confessar.


Ótimo, não acredito que Lee está me dizendo isso.


— Lee, meu amor, você sabe que ele é um idiota e que vai te tratar como qualquer uma! - Tentei tirar a ideia maluca da cabeça dela.


— É, ou talvez ele seja totalmente diferente comigo, não vamos saber se não tentarmos. - Disse ela.


— Mas Lee, o Yoongi não val-...


A mãe de Lee, Sun Hee, entra no quarto lentamente, trazendo consigo uma bandeja com biscoitos e chá.


— Obrigada tia! - Agradeço enquanto pego um biscoito da bandeja, agora no criado mudo.


— Que isso, fique a vontade Jimin! - Disse a mais velha, sorrindo sinceramente para o ruivo.


Ela virou o olhar, encarando Lee.


— Querida, eu e seu pai precisamos conversar com você mais tarde.


— Ok. Mais tarde conversamos, omma. - Disse Lee.


A mais velha se retirou do cômodo nos deixando a sós novamente.


— Então Lee, eu vou indo para casa, minha Omma deve estar me esperando para o jantar. - Digo indo me despedir de Lee.


— Ah, tudo bem, minha mãe provavelmente iria querer que você ficasse para o jantar, mas se você tem que ir. - Levantou indo me abraçar, o cheiro de morango de seus cabelos invadiu minhas narinas.


— Eu vou com você até a porta. Vamos! - Entrelaçou nosso braços e caminhamos até a entrada.


— Já vai Jimin?


— Sim, senhora Sun Hee.


— Ah vamos, sem o senhora. Me sinto velha. Você pode me chamar apenas de Sun! - Ela riu suavemente.


—  Ok Sun!


A mais velha veio até mim me abraçando e dando um beijo estalado em minha testa.

Lee caminhou comigo até o portão.



— Ah Lee, acho que minha mãe quer que eu namore logo. Com certeza quando eu chegar, vai ter uma menina lá em casa! Aish! Por que mães são assim, hein? - Pergunto desanimado.


— Ah Minnie, ela só quer seu bem. Agora vá para casa, está ficando tarde e é perigoso.


— Ok, boa noite Lee.


Andei até em casa, e fui surpreendido. Não tinha nenhuma menina lá, ainda bem. Subi até meu quarto e fui tomar um banho. Após o banho, abro a porta e quase caio para trás do susto.


— Quem é você? O que está fazendo no meu quarto? - Pergunto pegando uma roupa e me escondendo atrás da porta do banheiro.


— Oi Jiminnie-oppa! Meu nome é Yoon Ha. Bom, minha mãe é amiga da sua, e sua mãe nos convidou para jantar.


— Ata. Se importa em esperar um pouquinho Yoon? Preciso me trocar.


— Claro Oppa.


Tranquei a porta e coloquei a roupa. Uma calça jeans preta, e uma blusa mais comprida cinza. Saí do banheiro e fui me sentar na cama para conversar com Yoon. Não que eu goste dela, mas ela me parece ser uma pessoa muito doce e gentil. Talvez possamos ser amigos.


— Quantos anos você tem Yoon?


— Eu tenho 19, Oppa!


Analisei-a um pouco. Alta, mesmo sentada. Pálida. Cabelos curtos e… bom, ela tinha o cabelo totalmente rosa pastel. (Autora: sim, da cor do cabelo do Jimin em Spring Day. Mas imaginem ela como a Sana, do Twice.) as bochechas rosadas que são provavelmente blush, e um ar infantil.


— Olha Yoon, vou ser sincero com você. Minha mãe está tentando arrumar namoradas para mim, mas eu já gosto de outra pessoa e… você parece ser uma pessoa muito legal, podemos ser apenas amigos?



— Claro Oppa. Posso ser sua irmã mais nova, já que você não tem irmãs mais novas!


— Sim, pode sim!


— CRIANÇAS, VENHAM JANTAR! - Gritou minha mãe do andar de baixo.


— Vamos! - Ela disse se dirigindo a saída do quarto.


Incrível. Não sei como Yoon consegue descer as escadas com aqueles saltos gigantescos…


Minha mãe acabou me apresentando para a mãe de Yoon Ha.


— Filho, quero que conheça a senhora Min Hae Won.


— Prazer senhora Min, meu nome é Park Jimin!


— Que educado. Mas, me chame apenas de Hae.


— JangHa, você não me disse que seu filho era tão bonito. - Disse a senhora Min, para minha mãe.


— Assim fico sem jeito, Hae. - Eu disse corando.


A noite correu bem divertida, sinceramente. Yoon me contou que estava estudando psicologia em Londres e que estava passando as férias aqui na Coreia. Ela é realmente bem divertida, e doce.



Lee P.O.V:



Depois que Jimin saiu, fui até o escritório de meu appa, já que queriam conversar comigo.


— Querida… vamos ser bem diretos… - Disse minha mãe acariciando meu cabelo.


— Vamos nos mudar para o Japão! - Continuou.


— O que? Como assim?










Notas Finais


Foi isso pixual. Próximo cap. Jimi vai se revoltar...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...