História Sweet Secrets - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Abo, Chanbaek, Hunhan, Kyungsoo!kid Jongdae!kid, Sulay, Taoris, Xiukai
Visualizações 10
Palavras 1.022
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Fantasia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Two


Baekhyun

A minha vida toda se baseia em cantar. Desde criança sempre fui muito expansivo e gostava de coisas novas. Meus appas perceberam que meu destino era o mundo artístico e sempre apoiaram minhas decisões. Quando completei 16 anos montei um grupo com Jongin, Sehun e Minseok e logo depois fomos descobertos por um manager de uma empresa. Inicialmente nunca pensamos sobre ter essas estruturas e fãs que temos hoje, mas parece muito mais satisfatório do que imaginamos antes.

-Baekhyun? -Minseok chamou. Ele estava deitado nas pernas do Kai.

-Oi.

-Se lembra do presidente do nosso fã clube?

-Qual deles? Temos um monte.

-Aquele chinês que o Sehun stalkeou outro dia. -Tentei me recordar e aos poucos a mente foi clareando. O menino tinha cara de bebê e falava muito sobre nós. Era presidente de um dos maiores fã clubes mas nunca o conhecemos pessoalmente.

-O que tem ele?

-Ele fez uma live esses dias. Achei muito interessante sabe. O modo como ele nos ama e apoia é incrível. Ele falou sobre a dificuldade de ser alguém mais velho no meio de um fandom. As pessoas criticam muito achando que isso é coisa só para adolescentes e que ele não deveria seguir grupos. Falou sobre recriminação e tudo mais. Senti tanta emoção nas coisas que ele comentou que pensei em fazermos uma live ou mandar uma mensagem para o fã clube agradecendo e abraçando a causa dos mais velhos no fandom. Ser fã de algo não é coisa apenas para quem tem 12 ou 15 anos. Pessoas de 25, 30 e 40 podem ser fãs e não deveriam receber hate.

-Eu achei interessante também. Precisamos abraçar mais causas e mostrar que não somos apenas famosos sem importância. Quero que meus fãs saibam que estou aqui independente do que eles são ou gostam. -Kai murmurou.

-Podemos fazer isso hoje à noite quando Sehun chegar, faremos uma live e uma mensagem para Luhan. -Eles assentiram. Joguei alguma coisa no celular mas já estava cansado de vários nada que estou fazendo. Tínhamos essa semana de férias até podermos pousar em Seul e fazer o show. A rotina cansava mas de certo modo eu costumo ficar entediado quando não tem nada para fazer, talvez seja a adrenalina.

-Baek, você não pensa em namorar? -Kai questionou. Virei meu rosto para encará-lo e neguei.

-Por quê? Eu sou uma pessoa da mídia. Existe uma certa pressão nesses casos. Não quero decepcionar meus fãs e nem a pessoa com que eu estaria ficando. Um namoro é uma entrega muito forte e acho que ter um monte de jornalistas em cima, criando mentiras não é o tipo exato de coisa que eu sonharia.

-E vai morrer sozinho? Porque esse mundo de fama nós temos.

-Eu não me sinto pronto para ter um namoro agora. Tenho a carreira, muitas coisas pra realizar. E eu ainda sou novo, tenho muito tempo. Não me apaixonei devidamente por alguém que me faça querer passar a vida toda com a pessoa igual o Xiumin.

-Eu tive a sorte de encontrar o Nini antes dessa fama toda. Como eu fui marcado a empresa não tinha como dizer nada. Eu sei que muitos tentam criar um namoro falso, mas aqui não rola. A fama tem lados bons e ruins. Existem adolescentes atiradas demais que me pergunto se a omma delas na sabe o que fazem.

-Se soubessem não deixariam as filhas saírem de casa. -Kai comentou e eu ri concordando. Já tivemos muitos problemas para lidar com sasaengs e infelizmente isso sempre se torna algo aterrorizante pela audácia delas em tentar sequestrar alguém. Pessoas obcecadas e com sérios distúrbios mentais. Eu nunca me arriscaria com elas.

-Minha omma tem medo delas. Parece que com o tempo as meninas param de ter humanidade, se tornam agressivas e desesperadas. Nenhum idol passou por um sequestro de sasaengs mas eu tenho até medo de pensar o que elas poderiam fazer se tivessem algum de nós nas mãos. -Kai fez uma careta e eu acabei rindo.

-É um risco que corremos. -Abri o twitter procurando alguma coisa interessante e encontrei várias postagens novas do fã clube e do twitter privado do Luhan. Eu gostava de ler pois ele tem uma certa entrega que é diferente dos outros, mais autêntico e mais amoroso também. Luhan é um dos nossos fãs desde o princípio e tudo que fazemos ele divulga muito bem. Eu me tornei um leitor embora não curta suas postagens ou responda para que ninguém perceba que eu fico olhando.

@LugeLysium Vai ter show em Seul. Ahhh, eu estarei na primeira fila. Uma pena que meu único amigo é um anti.

@LugeLysium Não é que ele odeie, mas ele odeia o fato de que 90% das minhas conversas sejam sobre eles. Coitado do meu amigo por me aturar.

Acabei rindo de sua postagem. Quando eu era adolescente passei pela mesma coisa. Amava um grupo que meus amigos odiavam. Eu era apenas um moleque passando pelo ensino médio, nunca prestei muita atenção nas coisas ao meu redor e nem precisava. Tinha tudo que era necessário na época. Eu sempre fui o popular da escola mas ainda sim não era impune de ser meio idiota. Existia sempre alguém pronto a criticar não importa o que você pense ou goste. Não entendo o que se passa na cabeça dessas pessoas loucas. Elas não tem amor nenhum e muito menos paciência de aceitar.

Hoje em dia tem melhorado mas ainda sim, há certa intolerância, principalmente por parte de pais que querem que seus filhos sejam funcionários do governo ou coisa parecida. Estudos que duram muito tempo e são rigorosos. É tudo uma merda e existam famílias que não apóiam os filhos que tem. Artistas, para muitos é uma coisa que não trás futuro algum. Muitos se arrependem, como os pais do Minseok e muitos como os pais do Sehun ligam para querer alguma coisa como se o filho tivesse a obrigação de bancar pessoas que nem mesmo estiveram ali quando ele precisou.

Eu me tornei um músico graças ao meu esforço, mas tive apoio dos pais embora a família não tenha aceitado, hoje eles tentam babar ovo só porque sou famoso. A vida de alguém assim é muito complicada, mas embora seja assim, eu não desistiria dela nunca. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...