1. Spirit Fanfics >
  2. Sycaro is my favorite song. (Tentando de novo) >
  3. Cap 10 temp 1- Saiko coração mole.

História Sycaro is my favorite song. (Tentando de novo) - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


Oi! Saikinho coração mole.
EU FINALMENTE voltei a realmente escrever, pois estava esse tempo todo revisando a fic inteira.
Ao todo foram 25 capítulos com 1000 palavras cada revisado.
E estou na produção do capítulo 26.
Mas boa leitura! ✨

Capítulo 10 - Cap 10 temp 1- Saiko coração mole.


Pov ycaro✨🌺


Chegamos um tanto quanto atrasados na escola, por um problema no despertador que estava com várias roupas em cima do mesmo e debaixo da cama o que fez com que não escutamos os barulhos do mesmo.

Nós chegamos o porteiro já tava fechando o portão mas conseguimos entrar e fomos correndo para a sala que já deve estar na metade.

Ao entrar, era aula de História e todos estavam quietos e quando entramos fizemos muito barulho pois viemos correndo, a professora brigou com a gente mas minutos depois sentamos como se nada tivesse acontecido.


-cara, que demora o que aconteceu-Disse meiaum que estava sentado à minha frente


-o relógio não despertou-Digo


-que merda hein!-Diz meiaum voltando a copiar a matéria.


Pk estava sentado ao lado de André mas prestei atenção em uma coisa em particular, vi que ele estava desenhando, não copiando a matéria, estava a Desenhar um garoto loiro, magro e bunitin.


-Quem é esse aí em peka'-Digo com seu apelido carinhoso.


-esse é o calango o amigo de infância que não sai da minha cabeça…-Diz o de cabelos escuros e lisos a frente.


-humm calango... Cadê ele?-pergunto 


-ele não estuda.- Diz PK


-não?…-falo meio confuso


-É ele já tem 21 anos e faz faculdade a distância…-explica o com olheiras 


-há... tá bom, entendi-Digo voltando prestar atenção na aula


Pov saiko ✨🖤


Eu tive uma idéia, pra talvez rolar um clima em eu e o Ycaro, eu tava realmente gostado do jeitinho dele. 

O sinal toca novamente e eu saio com o ycaro em direção ao refeitório.


-fofo-Digo cutucando Ycaro ao meu lado


-oi…-falava ele enquanto copiava.


-espera eu tive uma idéia-digo


-Fala, tô curioso!-Diz Ycaro animado na fila do refeitório.


-bora matar aula?-falo minha ideia.


-tá bom....as próximas aulas são de.... química...e geografia-Diz o menino desanimado com a chatice das aulas.


-eca odeio química…-falo em um tom debochado.


-haha também-Diz ycaro


-tá bom...acabar o recreio a gente vai para a sala de informática 4, queles que ninguém usa como ninguém usa é seguro, aí a gente se tranca lá.-Explico o plano


-tá bom, chefe de operações especiais-Diz Ycaro Com a mão na cabeça como um solado seu acabo rindo.


-haha...vamos lá com o pessoal… -digo o chamando a atenção de todos o grupo entrando finalmente no esperado refeitório.


Depois do recreio 🕓


Eu e Ycaro saímos correndo até a sala de informática número 4 e nós trancamos lá.


-tá bom... e agora?-Disse Ycaro antes de ser interrompido por mim em um selinho.


Após isso Ycaro me olha com uma cara esquisita, uma mistura de assustado com fofo e então por um milagre Ycaro me puxa para mais um beijo, mas não um selinho, um beijo de verdade, ele estava bem animado, não sei se era sua primeira vez beijando, mas mesmo assim se fosse não estava indo tão mal, então coloco minha mão em sua cintura e ele em minha nuca, esse beijo durou uns 3 minutos, mas foi bom e quando nos desgrudamos, não sabíamos o que falar, mas peguei ele no colo e nós levamos para um canto, lá eu o coloco em cima de mim e nos deitamos para descansar.

Ficamos alí conversando e às vezes eu fala alguns gracejos pra ele e fazia o mesmo corar.

Até que alguém bate na porta com muita força, parece com raiva e da porta sai uma voz feminina que parece ser de uma pessoa de mais idade.


-RODRIGO XIMENES E CARLOS YCARO GABRIEL SAIAM DAÍ AGORA!-Dizia a mulher com voz irritante que batia na porta fortemente.


Só de brincadeira saímos de mão para cima e cabeça para baixo, quando levantamos a cabeça percebemos que era a diretora.


-Carlos eu estou tão decepcionada com vc…-Diz a diretora com uma cara de raiva e decepção.


E nós fomos para a direita.


-RODRIGO XIMENES, não é a primeira vez que te pegando matando aula não é...mas vc Carlos,com um histórico escolar impecável... eu estou muito decepcionada com vc...mas irei te dar um segunda chance.-Diz a mais velha sentado do outro lado da mesa.


-mas e eu…-tento falar até que a diretora me interrompe.


-eu não vou te dar uma 456ª chance né? Vou te dar um bilhete para entregar para os seus pais…-Diz a mesma pegando um papel na gaveta escrevente no mesmo.

Ela começou a escrever em um papel o bilhete e eu abaixei a cabeça e comecei a chorar.


-desculpe...mas eu não posso…-Digo


-por que? Garoto, tá brincando comigo?-Pergunta o direta se irrigado.


-meus pais me abandonaram... já faz 9 anos…esqueceu...o tava muito ocupada com o seu Ycaro perfeito?- Digo começando a chorar chorando 


-há...me desculpe... então entregue para o seu responsável…-Diz ela estendendo a mão com o bilhete.


-Eu já sou maior de idade…Digo pegando o bilhete e saindo da diretoria


-com licença…-Digo educadamente antes de bater a porta.


Após ele sair, ficando eu e a diretora na sala eu falo um "desculpa ele não é sente assim" e peço licença para sair e ir atrás dele.


-Saiko!?-Digo correndo pela escola.


Notas Finais


Bjs! ;3 muito obrigado por ler!
Deixe seu comentário se quiser.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...