1. Spirit Fanfics >
  2. Sycaro is my favorite song. (Tentando de novo) >
  3. Cap 9 temp 1- Gostei da sua atitude.

História Sycaro is my favorite song. (Tentando de novo) - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Oi.
Te amo.
Bom capítulo e boa leitura.

Capítulo 9 - Cap 9 temp 1- Gostei da sua atitude.


Pov saiko✨🖤


Ao chegar em casa, ele tirou aquela roupa e colocou uma de ficar em casa e vem me ajudar a  arrumar os armários com as compras do mercado.

Depois ele foi tomar um banho pois estava suado e grudento e quando terminou foi instalar seu Pc e montar sua cadeira.

Eu o ajudei a montar a cadeira, ele parece ser novo em ler manuais, acho que sempre teve gente que fazia isso para ele então ele parece confuso e isso também é fofo.


Quando terminamos já era 8 da noite e eu pedi uma pizza, que por acaso temos o mesmo sabor de pizza favorito mussarela com alho. 

Quando chegou, fomos para a sala e ligamos tv e de brinde ganhei uma pizza de chocolate.


Nós estávamos vendo jornal nacional, não tenha nada melhor na tv aberta para ver e lá estávamos nós,ele estava ao meu lado do sofá com sua pizza em uma mão comendo como um anjinho vendo tv, então tive uma idéia e fui colocando meu braço lentamente sobre sua nuca, talvez tentar logar com clima.


-haha gostei da sua atitude!- Disse o carismático garoto ao meu lado se virando pra mim.


-haha…-eu coro um pouco constrangido e como meu pedaço.


Ao terminar de comer, fomos para o quarto eu fui para o PC e ele se deitou em minha cama.


-aonde eu vou dormir.-Diz o menino fofo mais baixo.


-Pode dormir aí, eu durmo no sofá.-Digo não tirando os olhos do meu jogo.


-é...pode dormir aqui comigo…-Diz ele o'que me faz ter borboletas no estômago na hora.


-he….pode ser…-Digo desligando meu PC e também desligando a luz me deitando junto a Ycaro e caindo no sono.


Pov Meiaum✨🎶


Eu acordo com o som só despertador, acordo, faço minhas higienes e coloco minha lentes de contato, pois não gosto de usar óculos e começo a me arrumar pra ir para a escola.

Desci para o café da manhã em família, meu pai lendo o jornal, minha mãe tomando seu café, meu irmão mais novo sentado a mesa já comendo suas panquecas com mel e eu me junto a família.


-Bom dia filho-Diz minha mãe.


-bom dia, me desculpem o atraso.-digo me sentando.


-Sem problemas filho- Diz meu pai tirando a atenção do jornal olhando para mim.


Um tempinho depois a empregada me tás minha panquecas e eu as como com leite e açúcar, que aliás é muito bom.


-Bom, mãe acabei, venha gael, vamos para escola, com licença.-Digo ao terminar de comer e me levanto.


Meu irmão tinha 12 anos e começou a estudar na minha escola esse ano, no 7º que é o menor ano da escola.

Então ele me segue e vamos para o carro pedindo para o motorista nos levar.

Ao chegar eu fico na frente da escola para esperar meus amigos, meu irmão entra e vai com os amigos dele e eu vou procurar o saiko e o Ycaro por alto do portão mas não o encontro, então faço o de sempre vou para a porta da escola.

Então avisto alguém de capacete em cima de uma moto do outro lado da rua com o uniforme padrão de escola pública.

Ele desce da moto e vem em minha direção e eu guardo meu celular no meu bolso e ele chega bem perto de mim.


-Sabia...achou que eu fosse te assaltar.-diz o cara de capacete que ao tirar me revela que é o Tawan.


-Desculpa... é reflexo, não sabia que era você.-Digo.


-tudo bem mesquinha.-Diz o motociclista.


-achou que fosse te assaltar e levar seu iPhone preciso né?-Diz o mais alto.


-e você achou que eu ia ter medo de você!?- Digo e eu fico a sentimentos doa rosto do mais alto.


-haha, você é baixinho mas briguento hein haha- depois que ele disse isso o sinal da minha escola bate.


-vish tá na minha hora, mas que moto maneira não sabia que era maior de idade-Digo 


-haha, ser independente é foda, mas tá na minha hora também, tchau, outra hora a gente se esbarra por aí.-Diz ele atravessando a rua já de costas olhamos pra mim com a mão na nuca.


-tchau.-Digo me virando e dando de cara a com meu irmão.


-A mamãe sabe dele?-pergunta o menor.


-não, é nem vai saber, ele é só um amigo gael, nada de mais.-digo fazendo cafuné na cabeça dele e entrando na escola.


-mas ele é de classe média a baixa, não pode ficar com ele.-diz o gael.


-gael... primeiro, não importa o que ou quanto ele ganha e sim o que ele é por dentro, segundo, você não é a mamãe para falar o que eu posso ou não fazer e terceiro, você tá atrasado.-Digo o levando para as sala.


Eu vou para a minha o Professor não tinha chegado ainda então foi de boa, só entrei e sentei no meu lugar a espera deles mas nada, então ok chega e se junta a mim.




Notas Finais


Bjs meus amores comente aí! Eu vou responder a todos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...