1. Spirit Fanfics >
  2. TaeKooK em: "Só Cala A Boca E Me Fode" >
  3. Chapter 10

História TaeKooK em: "Só Cala A Boca E Me Fode" - Capítulo 10


Escrita por:


Capítulo 10 - Chapter 10


Fanfic / Fanfiction TaeKooK em: "Só Cala A Boca E Me Fode" - Capítulo 10 - Chapter 10

— Jeon Jungkook, vc aceita se casar com Kim Taehyung?

— Kim Taehyung, vc aceita se casar com Jeon Jungkook?

— aceito

— pode beijar o...como é mesmo? ah, pode beijar o noivo 

E mais uma vez, aquele sonho se repetia durante todas as aulas do Taehyung, parecia que eu estava sendo a cadelinha dele durante as aulas

— Jungkook, pode me acompanhar? — olhei para a porta e o mais velho estava ali, me esperando

— é...para quê?

— vc não quer brigar com o professor justo na sua última semana de aula, neah Jungkook? — Bambam me cutucou

Me levantei da minha cadeira, literalmente, todas as meninas da sala, me olhavam com ódio

Segui o Taehyung até o terraço da escola

— então, o que foi professor?

— aqui vc pode me chamar de Taehyung, mas, não está focado na aula Jungkook, vejo vc viajando nos seus pensamentos, o que aconteceu Kook?

— meus sonhos, sempre na sua aula, começo a sonhar que...estou casando com vc

— aahh, então é isso? Bom, espero que vc não perca pelo menos o baile de formatura

— não tenho par, desde o 6° ano, onde começou as fofocas de mim, e não sei dançar

— eu posso ser seu par, e posso te ensinar a dançar — se aproximou de mim, passando sua mão por meu rosto

— Tae, vc continua sendo meu professor/namorado, não tem como dançar com seu professor aqui

— vou falar com a professora que organiza essas coisas

•𝚚𝚞𝚎𝚋𝚛𝚊 𝚍𝚎 𝚝𝚎𝚖𝚙𝚘•

— e então, gostou de ser meu par no ensaio? — estava saindo da escola, quando Taehyung chegou por trás passando seu braço por meu pescoço

— gostei sim, mas todos os alunos ficaram nós olhando, será que já estão desconfiando de algo?

— acho que sim anjo, já está bem na cara, mas vamos, tenho que arrumar uns papéis 

— vai ficar o dia inteiro no escritório?

— infelizmente pequeno, agora vamos logo — o mais velho deu um tapa em minha bunda e fomos até o carro

•𝚚𝚞𝚎𝚋𝚛𝚊 𝚍𝚎 𝚝𝚎𝚖𝚙𝚘•

— Mina? Está em casa? — chamei pela mais velha, deixando minha mochila no sofá

— na cozinha anjo — ouvi a voz da mais velha e fui até a cozinha

— bom dia Mina, o que vc vai fazer para o almoço hoje?

— bom dia Jungkook, vai ser o de sempre, e mais tarde vou sair com a Jina

— vai me deixar sozinho nessa enorme casa? Magoado Mina — fiz cara de choro

— mas e o Taehyung?

— adivinha...vai passar a tarde inteira no escritório, só vai sair para comer e outras coisas

— por que vc não chama seus amigos?

— boa ideia Mina, eu vou subir e trocar de roupa e depois desço para almoçar

•𝚚𝚞𝚎𝚋𝚛𝚊 𝚍𝚎 𝚝𝚎𝚖𝚙𝚘•

— vc não sabe o que perde Jungkook, o corpo do Jackson é tão maravilhoso e...gostoso

— ok Bambam, tem meia hora que vc diz a mesma coisa

— mas sério, ele sem camisa, aqueles músculos, ai puta que pariu, eu posso ter um orgasmo só vendo o corpo daquele homem

— já deu neah Bambam, já entendi

— mas então, qual sua rotina dentro dessa casa inteira?

— ficar o dia inteiro olhando 'pro teto, por que o Taehyung vive no escritório, e parece que virei o brinquedinho sexual dele — me joguei na cama, encarando o teto

— por que vc pensa isso Jungkook?

— por que, sempre que ele quer transar eu estou lá, mas quando eu quero algo com ele tipo, carinho ou atenção, ele está no escritório

— tá ok, vc precisa de férias dele — ri do comentário besta do mesmo

— o Jackson é assim com vc?

— claro que não, ele é totalmente diferente dos irmãos, ele é carinhoso, me dá atenção sempre que peço, e o principal, nunca brigamos 

— eu e o Taehyung também nunca brigamos, ou já e não lembro

— e 'teu irmão com o Yoongi?

— só tem uma resposta certa para isso, sexo 24horas por dia

— coitadinho do Hoseok, deve estar de cadeira de rodas — rimos

— idiota, tá mas te chamei aqui por causa do nosso trabalho de ciências, que o famoso Kim Taehyung pauzudo nos passou

— por que pauzudo?

— garoto? Ele tem uma anaconda 5 no meio das pernas

— quantos centímetros?

— nunca perguntei para ele, depois eu pergunto 

— tá, deixa essas coisas de pau de lado e vamos fazer nosso trabalho

•𝚚𝚞𝚎𝚋𝚛𝚊 𝚍𝚎 𝚝𝚎𝚖𝚙𝚘•

— Taehyung? — bati na porta de seu escritório, e adentrei o mesmo

— sim Jungkook?

— eu vim pegar a minha caneta de contorno para desenhos

— ah, claro, ainda estão fazendo o trabalho?

— sim, vc colocou muita coisa para pesquisar, então, vai demorar um pouco para terminar — peguei minha caneta em cima da mesa do mais velho

— me dá um beijo antes de sair — revirei os olhos, sorrindo e caminhei até o mesmo dando um beijo nele

— tenho que ir, até amanhã

Por que até amanhã? Obviamente, ele só sai de madrugada daquele escritório, e como um belo adolescente/adulto, eu já estou dormindo

Sai de seu escritório e fui para meu quarto

— como foi lá?

— aí Bambam, vc sabe, ele me tratando seco a qualquer momento

— cara, ele é 'teu namorado, não pode ser grosso 'contigo

— na verdade pode sim, por que não é obrigação dele, me dar atenção e carinho a todo momento

— mas Jungkook, vc que deixa ele ser assim 'contigo

— só, vamos voltar a fazer esse trabalho

•𝚚𝚞𝚎𝚋𝚛𝚊 𝚍𝚎 𝚝𝚎𝚖𝚙𝚘•

— amanhã vc vai para a escola neah? — estava me despedindo do Bambam, depois de quase 3 horas fazendo o trabalho

— claro, não posso perder o ensaio do baile

— então vc vai participar do baile? Tem par?

— tenho sim, e felizmente/infelizmente é o Taehyung

— boa sorte então, vai precisar — e saiu, fechei a porta e me virei para subir 'pro meu quarto, só que, Taehyung estava na porta do escritório

— achei que ele fosse ficar mais um tempo

— não, eu disse que era só para fazer o trabalho, tenha uma boa tarde, vou dormir — subi as escadas e fui ao meu quarto, fechei a porta e tranquei

Me joguei na cama e tratei de logo ir dormir

•𝚝𝚊𝚎𝚑𝚢𝚞𝚗𝚐•

— Jackson vc não percebe que ele só pode estar puto da vida comigo?

— hm, é normal, e por sua causa, eu perdi a chance de conversar e beijar meu namorado, filho da puta

— mas, sobre o Jin, ele ainda está viajando com o NamJoon?

— está sim, e em breve, o Jin vai pedir o NamJoon em casamento

— espera, o NamJoon é o passivo?

— sim, por que?

— caralho, e eu sempre achava que o Jin era o passivo, fui trapeado

— essa palavra existe?

— claro neah, imbecil, vc precisa voltar para a escola, credo

— mas, como vai reconquistar o coraçãozinho sensível do Jungkook? 

— ainda está muito cedo para presentes, só tem 3 meses que namoramos e já está dando essa bagaça toda

— uma coisa que ele precisa, sua famosa anaconda 5

— Jackson, pelo amor de deus, para com isso, por que eu fui te dizer essas coisas cara

— tá mas, me conta mais do que vc ouviu lá no quarto do Jungkook

— ele acha que, eu faço ele se brinquedinho sexual, por que sempre quero sexo, sexo e mais sexo

— isso aí eu tenho que concordar com ele, vc só usa o bichinho para 'TI satisfazer Taehyung, e depois deixa ele largado na cama

— eu não tenho culpa se...eu sou assim

— então, vc faria alguma coisa para mudar por ele?

— eu faria tudo Jackson, mas não sei como

— já sei como, vem comigo

•𝚚𝚞𝚎𝚋𝚛𝚊 𝚍𝚎 𝚝𝚎𝚖𝚙𝚘•

— NÃO, JACKSON PARA, isso dói

— e vc fez isso no Jungkook, vc tem que sentir na pele o que ele sentiu quando vc o chicoteou Taehyung, vc precisa sentir o que aquele pobre garoto sentiu e sente quando vc usa ele 

— eu nunca usei ele

— usou sim Taehyung, naquela vez, vc machucou o pulso dele, deixou o garoto sem voz, marcou todo o bumbum dele, e as pernas estavam roxas quando eu vim aqui, quer mais motivos para mim continuar fazendo o mesmo 'contigo

— não Jackson, eu entendi o que eu fiz, eu me arrependo amargamente

— então, grita, igual ele gritou todas as vezes que vc chicoteou, todas as vezes que vc obrigou ele a fazer garganta profunda

•𝟸𝚑𝚎𝟺𝟶𝙼; 𝙼𝚊𝚍𝚛𝚞𝚐𝚊𝚍𝚊•

•𝙹𝚞𝚗𝚐𝚔𝚘𝚘𝚔•

— Taehyung? Onde vc está? Tae? Para de brincadeiras, isso não é legal

Aquele quarto com todas as luzes apagadas me dava medo, a única coisa que eu gritava ou chamava, era o Taehyung, mas ninguém respondia

— entenda pequeno Jeon, pode gritar a vontade, ninguém irá te ouvir, apenas eu 

— Tae?

E logo as luzes se ligaram

— achou

Foi a pior cena, Taehyung parecia um psicopata, com vários corpos se decompondo naquele quarto

— vamos brincar Jungkook

— NÃO — coloquei a mão em meu peito sentindo meu coração acelerado e meu rosto molhado pelas lágrimas — foi só um pesadelo, só isso

Peguei meu travesseiro e sai do meu quarto, fui até o quarto de Taehyung e adentrei o quarto, fechando a porta logo atrás de mim

— Tae — chacoalhei o corpo do mais velho, tentando acordar o mesmo — Hyung

— hm, o que foi Kook? 

— posso dormir com vc? 

— claro, o que houve? — me deitei com o mesmo em sua cama, ficando colado ao seu corpo quente

— eu tive um pesadelo

— que tipo de pesadelo?

— vc era um psicopata e queria me matar, e vc matou todos que eu gostava

— calma anjo, só foi um pesadelo ok, não se preocupe

— eu ouvi vc gritando mais cedo, o que aconteceu Hyung?

— é segredo amor, meu e do Jackson, não se intrometa nesse assunto ok — o mais velho puxou meu corpo mais para perto do seu, cheirando meu cabelo e depois depositou um beijo em minha testa

— promete nunca me fazer de brinquedinho sexual?

— por que eu te faria de brinquedinho sexual gatinho?

— eu não sei, mas tenho medo de que vc fique enjoado de mim, e me deixe

— isso nunca vai acontecer, tira essas coisinhas da sua cabeça ok, agora vamos dormir que amanhã vc tem aula gatinho

— eu gosto de quando vc me chama de gatinho

— e eu gosto de quando vc me chama de amor

— hm, boa noite amor

— boa noite gatinho...

....

É, foi isso aí mermu

Esse foi o último episódio do mês obviamente, essa semana vou estar de mudança, então, nem tempo dá para fazer um capítulo, talvez eu começo e paro, faço o meio, e paro, depois de uma semana eu termino kkkk

Então, é isso, dois beijos do Jin kk


Notas Finais


Não revisado
Espero que tenham gostado e até o próximo bye 💫✨


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...