História .taeyong não gostava de sexo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Taeyong
Tags Taeyong!centric, Visibilidade Ace
Visualizações 199
Palavras 367
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drabble, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Na "polêmica" entrevista do Taeyong, muita gente começou a pensar de cara só pq ele não sentia atração pelo sexo oposto era gay, porém pra mim o que ele falou na entrevista parecia bem mais algo que alguém ace falaria, btw, a sexualidade dele não é de real interesse á ninguém mais além dele, então parem de forçar qualquer sexualidade no Taeyong pls

Capítulo 1 - Único


Taeyong nunca viu graça em sexo.

Quando estava na adolescência, na famosa fase dos "hormônios á flor da pele", nunca sentiu vontade de fazer sexo com ninguém.

Mas vejam bem, isso não quer dizer que ele não tenha se apaixonado.

Sua primeira namorada era uma noona da escola 2 anos mais velha que si, eles tinham um ótimo relacionamento na visão de Taeyong, até ela tentar o forçar a fazer sexo.

Ela disse que estava cansada de esperar atitude vinda dele, e que suspeitava que ele era gay e que o relacionamento dos dois era pura aparência.

Mas não era isso pra Taeyong, nunca foi.

Ele só não gostava de sexo.

Aquela União carnal não tinha graça nenhuma para ele.

E não era nem seu TOC com doenças, incluindo as sexualmente transmissíveis, falando.

Os dois terminaram, e a vontade de Taeyong saber o que realmente era foi crescendo.

Ele não era hetero, nem gay, nem bi, nem pan; ele não se identicava com nenhuma sexualidade que envolvesse desejo sexual.

Então depois de muita pesquisa, Taeyong descobriu que era assexual.

Foi libertador, descobrir que existiam pessoas que se sentiam igual à ele, que aquilo que ele era não era estranho nem errado.

Depois de um tempo que fez aquela descoberta sobre si, Taeyong se apaixonou pela segunda vez na vida.

Era um cara, ele era gentil e fazia o coração de Taeyong amolecer e o fazia sorrir mais que qualquer outra coisa.

Estava tudo ótimo, até Taeyong não se questionar se ele não seria abandonado de novo pela falta de sexo.

Estava tudo ótimo entre eles, nunca nem tinham tocado no assunto, mas Taeyong estava com medo.

Medo de perder quem amava pela segunda vez por conta de algo tão banal e fútil quanto relações sexuais.

Então se convenceu de que para manter o relacionamento, precisa fazer sexo com o namorado.

Vinha provocando, dando indiretas e fazendo várias outras coisas pra dar entender que queria transar.

Mas o namorado não notava, e se notava, então ignorava.

Taeyong então o encurralou na parede e perguntou se ele não queria fazer sexo consigo, diretamente assim mesmo.

E a resposta inesperada de seu namorado o deixou mil vezes mais feliz e aliviado do que à esperada:

- olha Taeyong, na real, eu te amo, mas prefiro comer bolo do que à transar com você.


Notas Finais


eh isto


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...