1. Spirit Fanfics >
  2. Take me to Church KatsuDeku

História Take me to Church KatsuDeku


Escrita por: Marta_Tata

Fanfic / Fanfiction Take me to Church KatsuDeku
Sinopse:
" - Sentir fé deve ser incrível, Deku... Invejo quem a tem, honestamente. - Fez uma pausa, passando a mão pelos cabelos.

Sentia os olhos encharcados enquanto limpava a garganta. Izuku conseguia sentir o seu tom de voz fragilizados.

- Eu gostava imenso de saber como deve ser. Sabes, ter fé em alguma coisa.

Izuku respirou fundo. Tirou as mãos nos bolsos e, sem pensar, olhou-o nos olhos de forma fria e com uma postura dura.

- Podes ter fé em mim, se quiseres. Ou em nós."

(...)

Durante a infância, Katsuki costumava dizer mal de toda a gente. Inventava boatos, ridicularizava toda a gente que passasse à sua janela.

Contudo, de todas essas teorias bizarras, ele jamais pensaria que uma delas se tornaria real.

[História postada no Wattpad com o Nickname @Marta___Tata, categoria original]
Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 37.765
Favoritos 623
Comentários 365
Listas de Leitura 274
Palavras 399.998
Concluído Não
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Tags Bakudeku, Bakugou Katsuki, Boku No Hero Academia, Bokunohero, Church, Deku, Fluffy, Izuku Midoriya, Jiromomo, Kacchan, Katsudeku, Katsuki Bakugou, Kirikami, Midoriya Izuku, My Hero Academia, Religião, Yaoi

NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama / Tragédia, Famí­lia, Ficção Adolescente, Gay / Yaoi, Lésbica / Yuri, LGBTQIA+, Mistério, Romântico / Shoujo, Saga, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1
0. A janela do quarto escuro do Ateu sem vergonha da Cidade
18
3.072
1.015
 
2
1. Agradecendo a agricultores e terminando em cenouras.
8
2.326
2.180
 
3
2. Boas e más pessoas.
10
2.001
1.107
 
4
3. Amizades entre conhecidos e colegas no sofrimento!
15
1.948
6.122
 
5
4. As inseguranças nada seguras de Midoriya!
11
1.669
3.288
 
6
5. O jogo do STOP que só piora a vida dos nosso desgraçados!
8
1.571
4.213
 
7
6. Seis mil palavras de puras hormonas sentimentais!!
6
1.495
7.272
 
8
7. Apenas uma conversa com um bar-man típico de praia.
9
1.368
5.775
 
9
8. Só mais um lerdo idiota e um explosivo medroso.
8
1.488
7.829
 
10
9. Está tudo bem?
13
1.375
13.938
 
11
10. Não, não está tudo bem.
12
1.298
18.331
 
12
10.5. Não, não está mesmo nada tudo bem.
10
1.043
733
 
13
11. Vamos conversar, Kacchan? Tu precisas.
11
1.489
20.783
 
14
12. Porque raios o meu estômago anda embrulhado?! Deku!!
19
1.536
34.047
 
15
13. Eu sou fraco. Estou cada vez mais fraco...
9
1.138
24.337
 
16
13.5. ...Eu...
4
854
605
 
17
14. ...Alguém que me ajude.
6
992
33.534
 
18
14.5. (Nós)
3
833
2.210
 
19
15. Mais uma vez, a vida decidiu comer o meu rabo.
8
1.104
46.026
 
20
16. Planear não é sinónimo de Katsuki.
16
928
29.700
 
21
16.5. (Também)
15
742
4.707
 
22
17. O capítulo pode ser pequeno, mas os plot twists não.
14
780
22.828
 
23
0.5. (Sentimos,) (Parte 1)
11
671
7.419
 
24
18. Quando as esperanças vão embora, o que resta é a solidão
8
708
23.709
 
25
18.25. (Nós)
6
543
796
 
26
18.5. (Também)
7
551
5.113
 
27
19. Ainda com o toque das nossas mãos, (Parte 1)
7
623
20.367
 
28
19.5. (Sentimos,)
15
520
1.037
 
29
000. Especial Halloween - Kaminari Denki ao serviço!
6
516
712
 
30
20. Ainda com os olhos se encontrando, (parte 2)
10
618
26.100
 
31
20.5. (Nós)
5
452
4.255
 
32
21. Ainda com os nosso pés a tocarem-se,
12
518
17.818
 
33
21.5. (Também)
15
446
1.073
 
34
Reescrever.
15
397
562
 
35
Tempo
15
152
457

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por CarolinaB3838
Capítulo 20 - 16. Planear não é sinónimo de Katsuki.
Usuário: CarolinaB3838
Usuário
Só queria dizer que estou a adorar a história e escrita, estou a aprender muito com isto, adoro principalmente cada detalhe psicológico. Eu estou extremamente viciada, não consigo parar de ler e, apesar de andar ocupada, sempre que posso eu leio. Nunca fui muito de ler livros mas com este estou mesmo agarrada à leitura, também nunca pensei que isto me fizesse gostar de ler. Se isto fosse um lívro à venda eu defenitivamente compraria! Também adoro a criatividade para criar algo assim, a história é tão profunda e sincera, não tenho palavras para explicar, mas eu acho que é realista. E a maneira como foi escrito o pensamento de Katsuki é tão bom, o facto de ele não compreender bem os sentimentos e agora estar a perceber o que sente e também está a aprender sobre sí e a destruir um pouco do "muro", não consigo explicar, mas isto é tão realista e eu adoro tanto. Eu gostava de acompanhar a escrita da escritora, estou a gostar mesmo muito!
Postado por xxaralho
Capítulo 32 - 21. Ainda com os nosso pés a tocarem-se,
Usuário: xxaralho
Usuário
nossa q delícia
eu abro o spirit, tem notificação na biblioteca e quem é? ESSA AUTORA TESÃO DA MINHA VIDA E A MELHOR OBRA DE ARTE JA CRIADA! Monalisa? pfff o negócio é church meu amigo
e aiaiaiaiai que capítulo hein?
tenho nem palavras, é de cair o cu da bunda
Quando vi a foto logo pensei: HOJE NA CASA DO SEU ZÉ, VAI ROLAR UMA OUSADIA... mas aí eu lembrei que os personagens tem um tipo de tabu com sequiçu, mas vamo ler o capítulo né? "Ele atirou o queijo pela janela e enfiou a faca no cu" LSJALSKAKSLAKSLAKALSKKSSKJSLSKINCRIVEL
inko toda dona de si poderosíssima ui
pelo visto não foi só o katsuki nem o midoriya que evoluíram não em?
Sabe o que eu gosto mais em church, o que deixa a fanfic tão diferente, especial? Eu já elogiei e falei de minha perspectiva em relação a church no comentário mas eu tenho que ressaltar aqui denovo, porque essa fanfic é demais, scrr. Então, o que faz com que se torne minha fanfic favorita é a realidade presente na ficção, pra ser mais exata. No começo, temos uma pessoa cheia de crenças e um modo de pensar, e quanto mais capítulos lemos, mais observações são feitas e mais criamos simpatia por aquilo, pelos personagens, pela história. O protagonista (Bakugo) se desenvolve na história de uma maneira fascinante, realmente fascinante, ele grita, sente raiva, tristeza, remorso, confusão, alegria, felicidade, euforia... Coisa que NÓS fazemos, além disso importante ressaltar os pensamentos que ele tem, como as crises existenciais etc. O que eu quero dizer é que a forma que você fez isso é tão complexa, mas tão complexa que eu me impressiono, realmente, o primeiro capítulo é ELE que narra a história. Tá, mas o que isso têm de importante? A grande maioria das outras fanfics, o prólogo é narrado pelo autor (em 3° pessoa), "A vida de fulano muda drasticamente quando ele conhece ciclano quando joga um queijo pela janela ao mesmo tempo que enfia uma faca no cu", e se for narrado por 1° pessoa traz uma sensação de realidade, como se você estivesse ali, entende? Novamente, como a sociedade foi encaixada, a forma de lidar com os problemas, como erramos, o sentimento que mesmo quando não queremos permanece, como ele cresce... Sinceramente é tudo tão real que eu tenho medo de você (de forma boa, se existir ;-;), e todo esse auê que eu fiz aqui foi por causa da cena do sorvete, "Aaah, ela colocou pra mostrar como eles evoluiram e como um tá fazendo bem ao outro" Também! Na verdade acho que essa cena foi colocada pra mostrar como as coisas pequenas que mudam tudo, não importa se você vai até a lua ou até a esquina, se estiver alguém que você ame, o que realmente importa? *"O estranho pra mim é uma coisa boa"*
"*Se somos estúpidos e estranhos significa que fazemos bem um pro outro, não?*"
CARALHO COMO EU AMO ESSA FANFIC DEMAIS AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAASASAAAAAAAAAAAAAAAA VAI TER RAP PQ EU COMECEI A TRABALHAR NA RI HAPPY
chega
cof cof
eu fico besta com essas cenas pq lembra eu e meus amigos (sou mto o katsuki, desculpa mãe, eu tentei)
*"Não importa pra mim, desde que eu esteja conti...*" TA VENDO PORRA? QQ EU FALEI?
eu sou doente da cabeça e por algum motivo quando o izuku tava analisando a "Mansão" eu achei que eles iriam fazer parkour lá :v (isso seria alguma coisa que eu inventaria e minha panelinha ia junto, HELP) aaaah velho q bonitinho eles dois eu não aguento eu vou desmaiar
Eu quero ver o izuku surtando de ciúmes, eh isto. EU N CONSIGO EVITAR EU ACHO MTO FOFO CIUMES AAA
SJKSKSKALALA KACCHAN DE BOA TOMANDO UMA SKOL BEATS ESCUTANDO A CONVERSA ALHEIA
já tava com saudades do shinsou, e gostaria de ressaltar aqui que eu me senti muito orgulhosa porque eu acertei a profissão dele antes que ele revelasse (ele lembra meu psicólogo, quem diria hein?)
minha filha qq vai ser de mim tu botando essas cenas do nada? TENHA PIEDADE
Eu fico com vergonha quando vejo esses negócio mas ao mesmo tempo meu lado POC aparece aí eu não sei o que fazer, só leio e fico fazendo cara de safada olhando pro nada
quando eu leio algo do tipo DO NADA EU POSSO TAR NA ESCOLA, NO ONIBUS, EM QUALQUER CANTO Q N SEJA MINHA CASA EU COMEÇO A PENSAR ESSAS COISA, aí fica difícil pra mim ;-;
mas tbm eu vou mentir se disser que n gostei 🌚
depressão pós punheta, quem nunca? (eu tenho que parar de andar com umas pessoa plmdds)
Esse jantar na casa do izuku foi tenso, arrepiei partes q não sabia que arrepiavam e achava que a qualquer hora iria dar merda pra um dos dois, mas não... só a autoestima do izuku foi destruída ali no final (eu ainda mato o hisoshi)
EU TO DIZENDO Q EU SOU O KATSUKI NGM ACREDITA EM MIM
sou aquela pessoa que grita que vai tirar a melhor nota, todo mundo acha que é burro mas gabarita a prova
"Meu pai é senhor de família hetero e responsável, gays não passarão"
"Dois rapazes melhores amigos aos beijos? Que pouca vergonha!" BERREI ALTO, ISSO É MUITO EU E MINHA PRIMA AH NAO KSJSKSJAKKAKAKSKSKSKSKSKSKKSKSKSKSKAKA EU JA FALEI QUE AMO ESSA FANFIC?
essa festa aí topersson, adorei
AAAAAAAAAA MEU PAU DE OCULOS ELES CONSEGUIRAM CARALHO! AAAAAAAAAAA MEUS DEUS DO CÉU EU QUERO MAIS, JA SAO 3:44 DA MANHÃ E FAZ MAIS DE 1 HORA QUE EU TO ESCREVENDO ESSE COMENTARIO
socorro
eu não entrei no grupo do whats porque eu tô sem ;-; mas agora eu acho que eu arrumo
eu já enchi seu saco o bastante com esse comentário maior que o Titã Colossal mas eu poderia fazer uma recomendação? (se não, finge que nunca existiu e eu já encerrei o comentário). Você provavelmente não tem um tempinho livre pra escutar mas dá pra escutar estudando, lavando louça, fazendo exercício físico, antes de dormir... Mas é só se você quiser ver, é um podcast que reúne 4 amigos (São brasileiros, não sei se você conhece, o Saiko, Meiaum, Tawan e o Ycaro), recomendo muito e é isso aí, segue o link:
https://youtu.be/Su7MmO6GYAk


bjo na bouca
tchauzin
parabéns pelos 18 anos! Que você ainda viva mto e durma muito pq faz bem, e além disso tenha tempo de sobra pra evitar que queijos caiam pela janela em cima de pessoas e criem fanfics (cheguei num nível de 4 da manhã)
até o próximo capítulo
eh o crime eh nois
Postado por Pollieny
Capítulo 32 - 21. Ainda com os nosso pés a tocarem-se,
Usuário: Pollieny
Usuário
EU SORRI TANTO, TANTO, TANTO LENDO SUA FANFIC. Muito obrigada, de verdade
Postado por Iralo
Capítulo 32 - 21. Ainda com os nosso pés a tocarem-se,
Usuário: Iralo
Usuário
Olá! Sejam bem vindos a primeira edição, e possivelmente última também, do jornal resumo nos comentários de Church!
Sim, eu sei. É um nome comprido mas estou a pouco ligar para isso!!

*inhales

Enfim! Meu anjos. Minha primeira e única escritora favorita, sem querer bajular demais h e h e. Tudo o que tenho a dizer é--

M Ano dO cé u.


Okay, que já sabemos que Church é uma história, e além disso, uma peça preciosa que guardamos com muito carinho no nosso coração. Novamente, sem querer bajular a escritora.

*Sarcastic smile

Mas gente, em um coisa temos de concordar, a cada capítulo novo, é uma surpresa nova, uma nova maneira de sentir as emoções de todas as personagens. É algo incrível e único, resumindo tudo.

Sempre que comento sobre Church, quase nunca me refiro a o que eu acho dos personagens e tudo mais, como algumas pessoas fazem. Eu gosto de apontar o enredo incrível e a atmosfera única que o universo de Church proporciona com apenas algumas poucas palavras. O sentimentalismo que é representado de uma forma encantadora e a batalha única e severa que cada personagem enfrenta para conseguir superar a si mesmo, além da forma como a autora retrata a realidade de muita gente com cada personagem são apenas alguns dos vários motivos de porque amo Take Me To Church.
E sinceramente, eu espero que essa história não acabe tão cedo. Porque conseguiste Táta, Church está a ficar em nossos corações e a nos ajudar a ver o mundo de uma forma nova, diferente estais a ver?













BY THE WAY



Obrigado pela atenção, vos espero até o próximo capítulo onde podereis os ver de novo com mais um do Jornal resumo nos comentários de Church.
Postado por Jesus_Chirst
Capítulo 32 - 21. Ainda com os nosso pés a tocarem-se,
Usuário: Jesus_Chirst
Usuário
SENHORITA MARTA, EU AMO SUA ESCRITA, OBRIGADO POR FAZER A MINHA VIDA MENOS MERDA ME ABENÇOANDO COM ESSA HISTÓRIA