1. Spirit Fanfics >
  2. Take me to Church KatsuDeku >
  3. Tempo

História Take me to Church KatsuDeku - Capítulo 35


Escrita por: Marta_Tata

Capítulo 35 - Tempo


Fanfic / Fanfiction Take me to Church KatsuDeku - Capítulo 35 - Tempo

- Kacchan! - Izuku chamou-o num tom carinhoso, enquanto acariciava os seus dedos com carinho. O quente da sua mão dava-lhe uma sensação dormente, mas prazerosa. - Sabias que a autora perdeu a password da conta durante um ano?

- Um ano!? - Berrou, incrédulo. Os seus passos pararam bruscamente, olhando para o amigo de alto a baixo. - Diz-me que não ficámos parados no tempo durante um ano inteiro, Deku!

- Bem... - Izuku suspirou. Não soube arranjar as palavras corretas para se desculpar. Na verdade, nem sequer tinha como ou porque o fazer. O erro não fora seu. Na verdade, sentia cada vez mais a necessidade de se desculpar em nome da escritora do que Katsuki. Nunca soube porquê; mas o facto das personalidades serem muito semelhantes talvez pudesse ajudar.

Parou de andar segundos depois de Katsuki e, num pulo, sentou-se no famoso muro da praia, olhando para o longe. O céu estava escuro, pesado, nublado. O mar estava agitado. Com certeza, choveria em breve.

- Um ano... Quem diria. - Bakugou passou a mão pelos cabelos, sentando-se no muro. - E são dois, se contarmos com a pausa que ela fez.

- Eu soube que a password durou uns meses até voltar a lembrar-se do email que utilizou para a conta. - Explicou. Izuku baixou os olhos, ficando em silêncio por segundos. - Sinto-a perdida. Sinto que a pandemia deu cabo dela completamente.

- E de quem não deu? - Katsuki estalou a língua no céu da boca, descruzando o olhar bruscamente do amigo. - Isso é só uma desculpa.

- De certa forma, sinto-a com medo também. - Izuku finalmente subiu o rosto e apoiou a cabeça no seu ombro. Ficaram em silêncio por uns minutos. - Devíamos ir. Vai chover.

- Não temos para onde ir. - A sinceridade bruta quase o atordoou, mas Bakugou refez a frase. - Bem, não temos mesmo para onde ir. Estamos presos neste exato momento até ela decidir terminar o próximo capítulo... Portanto, nunca vai chover. O tempo parou. Vai ficar assim para sempre.

Midoriya sentiu os olhos ficarem húmidos.

- ...Gostava que tivéssemos a sorte de parar com bom tempo. - Admitiu, muito baixinho. - Sinto falta do sol.

- Ao menos ela parou-nos quando finalmente ficámos juntos. - Izuku subiu uma sobrancelha em surpresa, endireitando-se.

- Bem, lá nisso tens razão. Imagina que tínhamos ficado parados no tempo durante as complicações todas!... Céus, que horror! - Gargalhou. Katsuki deslizou a mão para a dele numa risada, entrelaçando os dedos sobre o muro.

- Então e agora? O que é que ela vai fazer?

Midoriya olhou para os lados e depois para o horizonte, com um sorriso.

- Ela vai tentar dar o melhor dela.


Notas Finais


Não faço ideia se ainda existe alguém aqui... Mas eu gostava de voltar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...