História Tomorrow - Imagine Suga - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Got7, Red Velvet
Personagens BamBam, Chanyeol, Irene, JB, J-hope, Jimin, Jin, Joy, Jungkook, Rap Monster, Seulgi, Suga, V, Wendy, Xiumin, Yeri
Visualizações 27
Palavras 1.815
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Incesto, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá meus amores..espero que gostem!
Bom gente, irei tentar colocar os capítulos toda Quarta e quinta,ok?
Boa leitura 💕

Capítulo 2 - Party.


Fanfic / Fanfiction Tomorrow - Imagine Suga - Capítulo 2 - Party.

Subo e vou ler um relatório de preparação de biologia para o seminário. Logo em seguida abro meu caderno de Coreano para praticar, pois minha pronuncia está pra lá de ser perfeita.

Tomo banho e fico lendo um livro de romance, o qual a personagem se apaixona por um cara que seus pais não aceitavam o namoro e vivem um amor proibido. Eu me imaginava nesses filmes de ação e romance, mas só na imaginação mesmo pois eu não tenho nem tempo pra ir comprar pão. Olho pela janela e vejo umas pessoas entrando em casa.

Ah, já começou, não sei se desço.

Me arrumo e fico sentada na cama olhando pra porta pensando se saio ou não.

Logo depois Jimin abre a porta.

- Licença, você não vai descer? -ele fala entrando e fechando a porta- 

Ele era um dos amigos do meu irmão que eu mais conversava e que mais vinha aqui em casa.

- Não sei.. -Falo o olhando de cima a baixo-

- Está tão linda! -ele fala olhando para meu rosto-

- Obrigada-Levanto e ele me olha de cima a baixo também- 

Não demorou muito nossa conversa,pois suga logo entra no quarto. 

- Oque faz aqui Jimin?! Já te disse que não quero você a sós com minha irmã. -ele fala um pouco sério- 

- Credo! Você não deixa ninguém chegar perto de sua irmã. -ele fala rindo- 

- Não ligue pra ele, Jimin. -falo o olhado e rio também- 

- Não brinquem com minha cara. Jimin, desça. Quero conversar com minha irmã. -ele fala totalmente sério- 

- Que isso Suga?! -falo um pouco furiosa- 

- Depois conversamos,_____. -ele pisca e sai do quarto- 

Suga se aproxima de mim e me olha fixamente.

- Oque vocês estavam fazendo aqui?! -ele expressava ciúmes em seu tom de voz- 

- Nada demais, porque está tão preocupado? -dei um sorriso malicioso- 

- Por n-nada. Vamos descer, quero te apresentar pra algumas amigas. -ele pega meu braço e me leva pra sala.-

Minha casa estava irreconhecível, tinha várias pessoas bebendo,fumando e outras se beijando, sem contar no som alto. Sorte é que a casa é grande.

- Suga! Se papai souber disso..-ele me interrompe-

- Ele não vai saber. Não se você contar. -ele me olha fixamente- Vem. 

Ele me puxa para uma rodinha de meninas.

- Essa aqui é _____, minha irmãzinha. -ele fala rindo e logo sai me deixando sozinha com aquelas meninas que eu nunca vi na vida- 

- Você que é a irmã dele?! Não parece nadinha-uma das meninas falou-

- Pois é, se brincar ela é a mais calada do colégio, só pode. - risos- -uma loira com uma maquiagem exagerada se pronuncia- 

- Como pôde seu irmão ser tão popular e a irmã ser uma nerd ridícula como você?! -todos riem e eu reviro os olhos saindo daquele local- 

Quando dou as costas para as meninas, me deparo com Namjoon,mais conhecido como RapMonster e ao seu lado Jhope.

- Oi mocinha! Como vai? -RapMonster fala sorrindo e com um cigarro na mão- 

Aish, se meu pai souber que eles estiveram aqui ele me mata! 

- É, vou bem. Se me derem licença..eu vou falar com meu irmão -Falo e me retiro- 

Procuro Suga por toda parte, e quando vou pra cozinha. Ele estava lá, se beijando com uma garota ruiva que por sinal era muito linda. Não sei o motivo, mas eu fiquei com muita raiva.

- Suga!!!! Preciso falar com você! -ele para de beijar ela e logo me olha-

- Estou ocupado. Pode ser mais tarde?! - ele volta a beija-la. 

Vi que ele não ia me dar a mínima atenção, então me aborreci e sai correndo dali. Indo para meu quarto. Na escada encontro Jimin e Jungkook conversando com duas meninas. Mas quando Jimin me vê correndo,logo vem atrás.

- Oque houve? -ele pergunta fechando a porta do quarto- 

- Oque Namjoon e Jhope estão fazendo aqui?-Eu pergunto enxugando as lágrimas- 

- Curtindo a festa? -ele fala rindo- 

- Eles trouxeram o time de basquete inteiro. Sem contar mas drogas que estão fumando! -falo furiosa- Isso pode dar errado!

- Calma, não vai dar nada errado. - ele fala e coloca uma mão em meu rosto- 

Ele chega mais perto e me olha profundamente.

- Eu podia te beijar agora, mas seu irmão me mataria.

- Pode beijar,ele está muito ocupado agora. -falo e solto um sorriso malicioso- 

Eu estava com muita raiva por dentro, pode não parecer, mas eu não gosto de ver ele com outras garotas. Não demonstro isso como ele faz, até porque ele demonstra até demais.

Nos beijamos e o clima foi alterado, ele colocou sua mão na minha cintura e a puxou de leve. Sua mão passou pela minha coxa e foi subindo lentamente por dentro do meu vestido. Antes que ele o tirasse, Suga abre a porta.

- Jimin!!!! Solte ____ agora. - ele fala bravo- 

Nos afastamos, claro.

- Suga, estamos ocupados, não podemos conversar depois?! -falei na ironia- 

- Oque pensa que está fazendo?! -ele pega meu braço e me puxa pra perto dele- 

- Não tem educação? Aish, me deixe em paz! -ele me leva para seu quarto que era na frente do meu e fecha a porta- Deixou Jimin sozinho lá!! 

- Oque eu disse sobre não querer você com nenhum amigo meu?-ele me olha sério- 

- Porquê não posso beijar ninguém?- sento na cama- Porque implica tanto com isso? 

- Olha aqui ____, eu tenho ciúmes de ver você com outro cara. É isso. Eu não sei o porque, até porque eu não devia sentir isso..sou seu irmão, deveria estar de boa. Mas eu sei que esse sentimento é estranho e não deveria ser assim.-ele fala olhando para baixo- 

- Eu também sinto a mesma coisa. -falo e ele logo me olha- 

- Ultimamente você vem crescendo.. está cada vez mais linda.. isso mexe comigo, ____. Você me deixa louco. Mas isso não é certo, você é minha irmã! -ele fala e uma lágrima cai em meu rosto- 

Eu levanto da cama e me aproximo dele.

Ele me olha e arquea uma sobrancelha. Logo eu coloco minha mão em sua nuca e aproximo mais de seu rosto.

- Isso é errado..- ele fala e eu logo lanço o famoso "shhh".

Ele mesmo inicia um beijo calmo e eu cedi, claro.

Até que ele para e me olha. 

- Vamos descer? Devem estar nos esperando.

Ele me abre a porta e sai na frente. 

Acho que ele se arrependeu. Mas eu, por incrível que pareça não me arrependi de nada. Eu simplesmente gostei doque aconteceu, não sei explicar, mas é isso...eu não consigo mais tirar nosso beijo da minha cabeça.

Saio logo em seguida, encontrado RapMonster no corredor indo ao banheiro.

- Ei, tem um banheiro lá embaixo. Oque faz aqui?-Falo o olhando desconfiada- 

- Está ocupado.. posso usar esse?-ele fala apontando para o a porta- 

- Tá,ta..pode. -Falo e logo desço as escadas- 

Mas logo penso..eu não posso deixar ele sozinho aqui em cima, eu não confio. 

Então voltei e o esperei na escada. Até que ele volta e me olha tipo "Porquê me esperou?" e fica observando minha cara que não tava nada boa.

- Vai ficar aí ? -ele fala apontando pra escada-

- Não. .não, é..vamos..-Eu falo voltando de meus pensamentos e descendo a escada- 

Chegando lá encontro Jimin me esperando.

- Demorou hein..oque ele te disse? -ele fala tocando em meu ombro- 

- Nada demais..-eu falo rindo-

- Então quer dizer que podemos..-Eu o interrompo-

- Bem.. não foi bem assim, mas é claro que podemos. -falo rapidamente- 

Eu simplesmente não podia deixar nada na cara ou deixar que ele perceba algo. Então, deixei Jimin ficar comigo durante a festa. Yoongi não viu, mas ficou sabendo. 

Um tempo depois ele se aproxima e pergunta: 

- Você estava com o Jimin?! -ele sussurra no meu ouvido- 

- Sim, estava.. mas sabe Yoongi, é que não podemos deixar que eles desconfiem que nos gostamos.. entende? -falo no mesmo tom- 

- Não, eu sei que eles não podem saber. Mas eu não concordo em você poder pegar ele. -ele fecha a cara e fica com uma expressão de raiva- 

- Mas quem contou? -arqueo a sobrancelha- 

- RapMonster. -ele fala me olhando- 

Eu imediatamente o puxo para um canto que não tinha muita gente. Para podermos conversar em paz.

- Oque papai falou de não querer você com esse sujeito? -falei um tanto autoritária- 

- Não é o papai que descide minhas amizades,____. Eu falo com quem eu quiser.-ele fala revirando os olhos- 

Se nosso pai souber dessa aproximação dos dois, ele mata Yoongi.

- Tem que acabar com essa festa! -Eu falo olhando pro chão- 

- Que?! Não! Ainda são quatro da manhã! -ele fala  me lhando- 

- Por isso mesmo,Suga! Já são quatro da manhã! Ou você acaba, ou eu ligo pro papai.

Só falei pra ele mandar todos embora, porque eu vi que ia dar em merda se RapMonster continuasse lá. Ele estava com o time de basquete inteiro com drogas e bebidas. Ia dar algo errado.

Ele manda todos embora e fecha a porta. 

A casa estava imunda. Copos e garrafas por todo lado, a casa suja de comida e papel de bala.. enfim, estava totalmente desorganizada.

- Você quem vai limpar!-Eu falo apontando pra Suga.- 

- Você vai me ajudar, aliás, você concordou com a idéia. -ele fala me entregando uma vassoura- 

Quando estávamos limpando, e suga inicia uma conversa.

- Finalmente terminamos...Ei, como vai ser daqui pra frente.. nós? -ele fala largando a vassoura e me olha- 

- Temos que manter segredo..se você quiser a nossa aproximação dessa forma... -Falo o olhando fixamente- 

- E se alguém descobrir?.. não que eu esteja com medo. Mas papai iria me matar. Sabe né?! -ele fala rindo- 

- Ele não vai descobrir nada! -Eu falo me aproximando dele- 

Ele me puxa pela cintura e inicia um beijo caloroso, nossos corações se encontravam acelerados, oque só aumentava nossa vontade de estar juntos.

Ele logo se senta no sofá e fica me olhando. Ele me puxa pra cima do mesmo e nosso beijo foi esquentando. Ele coloca sua mão por dentro da minha blusa e tira meu sutiã, logo depois tira minha blusa. Ele começa a beijar meu pescoço, fazendo marcas no mesmo. Aproveito o momento e tiro sua blusa, passando levemente minha língua sobre seu abdômen.

Eu não sabia oque realmente eu estava fazendo..pois eu sou virgem e nunca fiz isso na vida..mas de acordo com meus filmes e livros, estou fazendo certo.

Quando estávamos partindo pra segunda fase.. alguém bate na porta. 

- Tem alguém em casa?! -alguém grita do lado de fora- 

Levanto imediatamente colocando minha blusa e indo atender a porta. 

- Srta. Kim? Oque faz aqui a essa hora? -pergunto- 

- São sete e meia..seu pai pediu pra eu vir fazer o café..posso entrar?!-ela fala apontando pra porta- 

Eu logo olho pra trás e faço um sinal para suga subir para seu quarto e ele sobe. Sorte que deu tempo de terminar de arrumar tudo. 

- Entre! -falo abrindo mais a porta- 



Notas Finais


Continua?
Até o próximo capítulo 💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...