História Tal Pai, Tal Filha -YoonMin - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 399
Palavras 1.119
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá glitterianas, voltei, esse capítulo tá bem parado, mas fiquem tranquilas que agorinha começa a acontecer mais coisas, tretas vão ocorrer e.. é isso , amo vocês ❤️

OBRIGADA PELOS 90 FAVORITOS ❣️💥🌹

Capítulo 9 - Bolinho


Fanfic / Fanfiction Tal Pai, Tal Filha -YoonMin - Capítulo 9 - Bolinho

Jimin

—Boa noite hyung, como foi seu dia?

Digo assim que vejo Namjoon no corredor do campus.

—Boa noite, foi bom, fui em uma empresa, era quase uma aula, o cara estava mostrando como tudo funcionava, eu achei ele fofo, ele derrubou os documentos da mesa do chefe dele e ficou tão constrangido. Claro que eu como um bom ser humano comecei a rir dele, daí ele ficou irritado e me mandou recolhet tudo, ele deve me odiar, mas nunca mais vamos nos ver mesmo. —Diz dando de ombros—E o seu?

—Bem, eu almocei com o Yoongi e um amigo dele, foi... constrangedor, mas foi divertido. O amigo do Yoongi é um cara legal, bonito e gosta de cozinhar, porém é amigo do meu chefe, tsc, não daria certo. Depois que voltei para casa do Yoongi, foi ainda pior, Yoongi e eu nem conseguíamos nos olhar, ficou um clima tão estranho entre nós, nem sei como vai ser amanhã..

Digo olhando para o chão.

—Ué, vocês não estavam se entendendo e tentando se aproximar?

Ele diz olhando para mim, o que não foi boa ideia. Ele acabou tropeçando e caindo, derrubando outra pessoa com ele.

—Nam, você 'tá bem?

Digo ajudando ele a levantar.

—'Tô, foi mal, eu... Hoseok? E-Eu, me desculpe.

Ele diz parando cinco segundos olhando para o chão para depois se tocar que Hoseok estava esperando ser ajudado, estendendo a mão para ele.

—Tudo bem, as pessoas se distraem fácil as vezes… Se machucou?

Ele diz com um sorriso, aqueles de derreter qualquer um, no rosto.

—N-Não, você 'tá bem?

Namjoon pergunta corado

—Sim, bom, preciso ir para minha sala, até mais.

Cinco, quatro, três, dois e...

—Maldito seja esse garoto com esse sorriso, como me livro disso?

—Hyung, você precisa de um belo porre e alguém muito bom de cama, talvez assim, esqueça o raio de sol.

Digo dando tapinhas em suas costas.

—Queria no mínimo que fosse fácil.

—Hyung, Taehyung e eu vamos em uma festa sábado, que tal?

Digo animado.

—Hmm.Que escolha vou ter, vamos sim, quem sabe eu não conheça alguém interessante.

Diz dando de ombros.

-🌈-

Yoongi

—Appa, o tio Jin 'tá bravo com você?

—Não meu amor, por quê?

—Vocês 'tavam com cara feia.

—Filha, o tio Jin tem a cara feia.

—O tio Jin é bonito, Appa. Vocês não podem ficar brigados, vocês são família, a gente é família. O Chim é da família agora?

Aquilo foi um balde de água fria em minha cabeça, eu estava tão confuso em relação ao garoto, conheço ele a poucas semanas e me sinto tão bem com ele, me sinto obrigado o proteger ele e cuidar dele.

—Eu não sei filha, só se ele quiser.

—Ele disse que 'tava sem família, que a Omma dele 'tava brava com ele. Minha omma 'tá brava comigo Appa? Porque ela nunca vem aqui?

A Yerin é uma garotinha muito curiosa e também inteligente, me orgulho dela, mas por esse momento eu queria que ela não fosse, para não ter responder isso

—Filha, a sua omma está brava com o Appa, não com você, não pense que isso é culpa sua.

Na verdade, nenhum de nós tem culpa, ela só queria meu dinheiro, ela nunca me amou de verdade. Eu a amava tanto.

—Mas eu quero uma omma, ela vai voltar?

Ela diz abaixando a cabeça

—Meu amor, e-eu não sei. Mas você tem o Appa. O Appa nunca vai te deixar. O Appa vai fazer de tudo para te ver feliz.

—Appa, não chora, eu te amo, não chora, Appa, tudo bem.

Ela diz se sentando no meu colo limpando minhas lágrimas. A Yerin é capaz de me dar tudo que aquela mulher não deu: amor, carinho e felicidade.

—Desculpa filha, eu não posso te dar o que você mais precisa, mas vou me esforçar para achar alguém que te ame como você merece.

—Appa, eu tenho tudo.Tio Jin, você e agora o Chim!

Ela diz esticando os bracinhos.

—Você gosta muito do Chim?

—O Chim colocou o vestido rosa e brincou comigo, o Chim é a pessoa mais legal desse mundo, ele não é fofo Appa?

Ela diz dando um sorriso grande mostrando suas gengivas.

—O Chim cuida bem de você filhinha?

Ela concorda com um aceno.

—Ele é tipo outro Appa, ele pode cuidar de mim no lugar da Omma? E se o Chim virar minha Omma?

Diz ela dando pulinhos. Já não basta Jin me dizendo o que fazer com o garoto e agora minha filha quer ele como Pai.

—Filha, isso só se ele quiser. O Chim estuda... Fica indo e voltando pra cá, é perigoso para ele... Acho que posso arrumar um motorista para ele, seria menos despesa para ele e menos perigoso.

—'Tá falando sozinho Appa?

Yerin diz confusa.

—Me chamou de maluco? Yerin, você vai ver só...

Digo a pegando e fazendo coceguinhas nela.

—Appa não. Para appa, minha barriguinha 'tá doendo.

—Então eu vou morder!

Digo mordendo o braço dela sem força.

—Appa, para, não gosto. O Tio Jin disse que vai passar raiva pra mim se me morder.

Ela diz cruzando os braços. Jin me chamando de cachorro, deixa aquele projeto de bambu... Se bem que eu fui um idiota com ele e ele comigo. Mas  foi culpa minha, não dele. Não consigo aceitar o fato de ter interesse em outro homem. Aish, nunca vou admitir isso.

[Ligação iniciada]

—Min Yoongi.

—Jin, não me chame pelo nome completo, eu que deveria estar bravo com você por dar em cima do meu babá.

—De seu ele só tem seu dinheiro, mais nada além disso. E também, eu avancei primeiro, senhor hétero.

—Tá, dane-se, continue dando em cima dele, não ligo. — ligo? — eu só não quero brigar com você, ainda mais por conta de macho, pelo amor da divindade superior. Somos melhores que isso hyung.

—Só se admitir que sente atração pelo Jiminie!

—Aish, para de chamar ele assim, você não tem tamanha intimidade, eu nem o chamo pelo nome e você inventou apelidos fofos?

—Fala logo e para de encher minha paciência seu frouxo.

—Tá. Eu acho o Jimin... bonito.

—É um começo, depois espero ouvir algo como "Quero comer Park Jimin"…

—Appa, porque o tio Jin quer comer o Jimin? Ele é de comer?

Como fui ligar para esse idiota com minha filha do lado?

—É que... O Jimin parece um bolinho e você sabe que o Jin hyung é muito esfomeado... Por isso ele quer comer o Jimin.

—O Tio Jin me chama de bolinho. Ele vai me comer?

—Yerin, pelo amor de Deus, vai brincar e esqueça isso. Nunca deixe que alguém te chame de bolinho, nem mesmo o tio Jin, muito menos o seu tio Jin.

Massageio as têmporas.

—Tá bom appa. Tchau tio Jin, não come o Bolinho do appa. Jimin é só do appa e meu!

—Sua filha quer que você coma o bolinho Jimin... — Começa a gargalhar, aliás, imitar uma hiena — até sua filha sabe que você quer comer ele. E eu não vou parar de dar em cima dele até ver você admitir, bye bye.


Notas Finais


Quem são as melhores pessoas e porque Yerin é Jin?
Estão gostando?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...