História Talvez ele seja diferente..... - Capítulo 24


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpa a demora pra postar o capítulo...

Boa Leitura 😊♥️

Capítulo 24 - Ela tem que acordar em um mês


Fanfic / Fanfiction Talvez ele seja diferente..... - Capítulo 24 - Ela tem que acordar em um mês


-Acho que o melhor a fazer é contar tudo pro Larry e pro meu pai... -Falei enquanto carinhava a cabeça de Gizmo- Mas e se... -Senti meu celular vibrar, olhei e vi que era uma mensagem justamente de Larry. "Oi, desculpa não ter te respondido antes, minha mãe me pediu pra ajudar ela a fazer um negócio lá, nem eu sei oque era aquilo kkkkkkk, oque queria falar comigo?" Será que eu falo?... Ou não... AAAAAI, EU NÃO SEEEEI... Mas acho melhor eu falar. "Você pode passar aqui em casa? Acho melhor não falar sobre isso por mensagens..." Ele disse que tudo bem, por volta das três horas estaria aqui -Ai meu Deus! Não sei se é uma boa ideia contar, mas é a única coisa que posso fazer agora...-


                 [...]


-Parentes de Ashley Campbell? -Um médico apareceu na recepção-


-Eu! -A mãe de Ash levantou apressada- Senhor a minha filha está bem? Aconteceu alguma coisa grave? 


-Me siga, eu irei te explicar tudo -Eles foram pra uma sala afastada, tinha apenas o médico e minha mãe-


-E então?


-Ela não está correndo risco no momento


-Como assim "no momento"?!


-Ela está em uma situação delicada, Ash está inconsciente, se não acordar em um mês, no mínimo, ela e o filho podem  correr riscos... 


-N-Não, por favor não! Tem que ter outra opção... 


-Infelizmente é apenas isso que podemos fazer por vocês no momento...


-E-Eu posso vê-la?


-Está no quarto ao lado, número 793 -O médico falou apontando para a porta-


-O-Obrigada! -A mãe de Ash foi até o quarto, e não conseguiu conter as lágrimas ao ver a filha com um dos braços e a cabeça enfaixados, ela se sentou em uma cadeira próxima a cama- F-Filha... M-Me perdoa, se eu não tivesse atendido o telefone, se aquele cara não estivesse b-bêbado... V-Você não estaria assim, isso é tudo culpa minha... -Sua mãe ficou lá um bom tempo pedindo perdão, até que em um momento ela viu o celular de Ash tocar, limpou as lágrimas e atendeu- Alô?


-Ash?


-É a mãe dela...


-A-Ah, oi Sra Campbell, é que eu estava tentando falar com a Ash o dia todo, ela não me atendeu, aí eu fiquei preocupado... Aconteceu alguma coisa?


-Ah, oi Sally, bom... N-Nós estávamos voltando do hospital e... Snif s-sofremos um acidente de carro... A Ash e o bebê estão em uma situação delicada, o-o médico disse que s-se Ash não acordar .. Snif e-em um mês, o bebê e ela... P-Podem correr risco.... Snif


-M-Meu Deus... Desculpa.. Você não queria falar sobre esse assunto e... E-Eu acabei fazendo você contar... 


-Não... Tudo bem, fico feliz que tenha se preocupado com ela...


-Não se preocupe... A Ash vai ficar bem, ela é forte! Vai conseguir sair dessa... -Sal falava tentando conter as lágrimas-


-O-Obrigada... B-Bom, eu vou desligar agora... 


-Tá.. -Escutei o "pi, pi, pi" coloquei o celular na mesa e me joguei na cama, não impedi as lágrimas de descerem, fiquei chorando por um BOOOM tempo... Até escutar a campainha, já sabia que era Larry, então não me preocupei muito com aparência, só abri a porta e vi ele me encarando de cima-


-Sal, oque aconteceu? Porque está chorando? -Larry me envolveu em um abraço-


-É tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo... Primeiro foi a porra da ameaça, agora a Ash foi parar em um hospital... 


-Calma, que ameaça?! E como assim a Ash está em um hospital?! -Ele perguntou preocupado-


-Olha... Eu vou te explicar tudo, me desculpa por não ter falado antes e... Ter ficado estranho perto de você...


-......??


-Esses dias, eu recebi uma carta, não tinha o nome de que mandou, só estava escrito que era pra mim... Bom, eu pensei que fosse algum amigo meu que não vejo a muito tempo, mas não... Na carta dizia isso -Sal entregou a carta pra Larry-


-"Sally Fisher, vou ser direto... Quero que se afaste de Larry, saiba que tenho muitas informações sobre você, sei que isso pode parecer repentino, mas eu NÃO QUERO VOCÊ PERTO DO MEU LARRY! ELE É SÓ MEU! Se você não terminar esse namoro besta de vocês, eu mesmo acabarei com isso!" 

Mas que porra é essa?! -Larry leu tudo em voz alta, Sal ficou o tempo todo olhando pra ele-


-Tem ideia de quem seja? 


-Pior que sim, mas se for mesmo ele... Vamos ter um problema bem sério!


-Oque quer dizer com isso? 


-Eu acho que é um garoto que estudava comigo no primário... Ele era louco cara! Eu disse de todas as formas possíveis que não gostava dele como namorado, mas mesmo assim não me deixou em paz. Eu nunca tive nada com ele, só o defendi de uns idiotas uma vez, depois disso ele nunca mais me deu sossego, até eu me mudar pra cá.


-Entendi.. 


-Obrigado por me mostrar isso, eu já estava até achando que você não gostava mais de mim hahahaha


-N-Não, não era nada disso haha...


-Sobre a Ash... Ela tá bem?


-Bom... A mãe dela disse que está em um estado delicado, se ela não acordar em um mês, pode ser prejudicial...


-Ah, a Ash consegue aguentar isso, afinal, ela não é uma garota fraca.


-Verdade...


Notas Finais


Gente, talvez eu demore pra postar capítulos, pois estou viajando, então... É isto

Perdão por qualquer erro de português, obrigada por ler ♥️🌺


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...