História Talvez seja o fim - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Originais
Visualizações 11
Palavras 562
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


obg aos comentarios ^.^ S2

Capítulo 3 - Apenas fogo


Fanfic / Fanfiction Talvez seja o fim - Capítulo 3 - Apenas fogo

Liguei novamente a TV mas dessa vez foi para ver as notícias porque bom...
os graus eu já sabia que haviam aumentado, era impossível nao notar isso.
eu tambem sabia que estava chovendo MUITO, minha casa estava cheia de baldes pelos corredores e o jardim estava eslamassado, parecia um dilúvio.
"A temperatura está 37°c graus e a chuva forte não para.
algumas lojas foram alagadas e parte da mercadoria perdida.
avisamos para que não saíam de casa."
eu coloquei a TV no mudo e notei que havia um silêncio total.
- Mãe?
nada de resposta.
- Elliot? Will?
nada. um simples e apavoroso silêncio.
andei a casa toda a procura deles, abri a porta e notei que estava tão quente que quem andasse no quarteirão morria desidratado, e estava chovendo.
como poderia estar quente dessa forma mesmo chovendo?
dei alguns passos mais a chuva era forte e ventava muito.
voltei para casa e fiquei na espera deles.
13:00
17:00
23:00
e nada, absolutamente nada de sinal deles.
tentei ligar mas também ninguém me atendeu.
sentei para assistir TV para me distrair mas a chuva forte impedia que eu assistisse o sinal ia e vinha, foi quando ouvi o estrondo.
PAM!
E então fogo. Muito fogo! mesmo na chuva aquilo ainda pegava fogo, aquela chama quente e laranja avermelhado se espalhou por todos os lugares e pelas casas também.
inclusive a minha.
só pude sentir o cheiro forte de queimado e meus olhos pesaram, eu cai e tudo se escureceu, fiquei em um vasto vazio sem consciência alguma de onde estava.
acordei em um hospital com o corpo dolorido e com a visão turva.
- Bom dia!
olhei para o vuto em minha frente e tentei ne concentrar para conseguir ve-lo.
- nem tente. sua visão vai demorar para se acertar novamente.
me sentei e esfreguei os olhos.
- quem é você?
- Petrick Simons. 
- eu sou...
- Isabel Drevan. eu seu quem você é.
- quem VOCÊ é?
senti seu peso sentando na beirada da cama.
- Minha mãe era sua babá. fico impressionado de não se lembrar de mim. Voce me chamava de Pequeno Petri. 
 * Flashback on *
- Corre pequeno Petri. eu vou ganhar.
risadas.
eu caio no chão e Petrick vem me ajudar.
- shiii!!! vai sarar. vou chamar a mamãe.
- obrigada pequeno Petri. 
eu o abraço e ele sorri.
 * Flashback off *
me lembrei de quando ele foi embora.
* Flashback on *
- tchau pequeno Petri.
- tchau Isa.
eu o abraço forte e sinto lágrimas escorrer.
* Flashback off *
essa lembrança me faz sorrir, mas me lembro onde estou e volto a realidade.
- o que houve? com a rua? o que houve?
- A chuva fez com que o poste de luz caísse e pegasse fogo.
- onde está minha mãe?
- isso eu não sei.
- teve gente que morreu?
- isa, acho que uma família não sobreviveu. 
- e o que você quer aqui?
- ajuda. minha mãe lá no Brasil simplesmente desapareceu. achei que ela estivesse aqui. mas não estava. entao vou voltar para meu país e procura-la lá. resolvi passar na sua casa para te ver mas você estava sendo levada por uma ambulância.
- quer que eu vá com você? 
- se não for encomodo.
- tudo bem.
- vou ver quando você ganhará alta.


Notas Finais


até amanhã! espero que tenham gostado S2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...