História Tão opostos quanto iguais - Capítulo 170


Escrita por:

Postado
Categorias Marco Pigossi, Paolla Oliveira
Personagens Marco Pigossi, Paolla Oliveira
Tags Briga, Família, Gravidez, Jeiza, Jeizeca, Luta, Romance, Zeca
Visualizações 75
Palavras 594
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii

Boa leitura❤

Capítulo 170 - Cap.170


Fanfic / Fanfiction Tão opostos quanto iguais - Capítulo 170 - Cap.170


                     Zeca, de novo:

Procuro pela casa toda e nada. Já estava ficando preocupado.

— Nada?— Jeiza pergunta olhando embaixo da cama.

   Vou até o banheiro. O único lugar não havia procurado pois a porta estava fechada.

— Ahá!— grito ao ver uma sombra dentro do box do banheiro. Abro a porta e minha vontade era de chorar: Lara estava toda melecada de shampoo infantil e talco. Fora os lençinhos que estavam todos espalhados. Havia sujeira em seu cabelo e rosto, o chão estava imundo e ela estava achando aquilo um máximo.

— Achou ela, marren... Meu Deus! — Jeiza paralisa em frente a porta.

— Eu vou limpar ela. — Digo erguendo-a do chão.

— Já dá a inalação com os remédios pra ela não ficar sem respirar e liga um pouquinho o circulador de ar antes de ela dormir.

Dou um banho rápido nela e troco sua roupa. Depois da inalação preparo seu almoço.

— Tu estais terrível, garota! — Digo a sentando para comer.

— Imagina quando estiver andando? Ninguém tem mais sossego.

— Ainda fez questão de fechar a porta do banheiro pra ninguém desconfiar da arte que ela estavas aprontando!

— Lara tá passando a perna em nós dois!

Depois de terminar de dar almoço para ela, a coloco para dormir um pouco.

— Minha mãe vai ficar doida amanhã com ela.— Jeiza diz se servindo com arroz.

— Vai pedir reforço, coitada. Lara cansa qualquer um.

— Cansa mesmo. Meu treino não é nada perto do que eu faço com ela aqui em casa.

— Mas isso é bom. Preocupante seria se ela ficasse despombalecida num canto.

— É. Criança só ta bem quando tá bagunçando.

                       ~    ~   ~

  Passamos o resto do dia correndo atrás de Lara que não deu um segundo de sossego. Ficava se arrastando pra lá e pra cá, tentando puxar toalha de mesa, mexendo na comida do cachorro, quase bebeu a água dele. É, ter filho é uma loucura, uma das melhores.

— Ai, filha! Vamos mamar logo que a mamãe não aguenta mais você mordendo.— Jeiza choraminga com os olhos cheios de lágrimas.

— Tá doendo tanto assim?

— Você já viu a situação! Ontem sangrou... Ai, amor da minha vida! Eu te amo tanto, tanto! Não morde o peito da mamãe, por favor... — Lara acha graça e logo em seguida larga o peito.

— Quer que eu balance ela pra ti?

— Se ela dormir com você...

Ela me passa a neném que fica mais agitada ainda. Começo a cantar musiquinha de todos os tipos, até carimbó eu tava cantando e nada, a única coisa que recebi foi chutes e uma Lara  toda agoniada.

— Dá ela aqui, vai...

Jeiza balançou por um bom tempo até que ela adormeceu. Foi só ela colocar no berço que Lara abriu o berreiro.

— E lá vamos nós outra vez... — Ficamos ninando por uma hora, até que ela dormiu de verdade.

— Ufa... — Digo saindo do quarto com Jeiza atrás de mim.— Amor, eu vou tomar um banho, tá?

— Vai lá, eu te espero. — Não era bem essa a resposta que eu esperava.

Entro no banheiro esperando que ela batesse na porta mas ela não fez.

— Amor! Trás minha roupa que eu esqueci? — Grito e em alguns minutos ela vem.

— Aq...— Nem espero ela falar, puxo-a pra dentro e recosto seu corpo na porta a beijando intensamente.

— O que eu pretendo fazer aqui, eu não vou precisar de roupa...— Digo e ela sorri, maliciosa.

—  Ah, é? E faz tempo que eu to querendo isso...


Notas Finais


Obrigada por ler💜💜

Bjs da Maah😚😚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...