História Te odeio a ponto de te amar... - Capítulo 32


Escrita por:

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Lila Rossi (Volpina), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain
Visualizações 138
Palavras 1.128
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


AAAAAA CHEGOU O CAPÍTULO DO MOMENTO DE ADRINETTE AEEEEEE

ESTAMOS NA META DE 60 FAVORITOS, POR AMOR A VOCÊS TROUXE O CAPÍTULO TÃO ESPERADO, QUEM FOR PURO DE CORAÇÃO E ALMA NÃO LEIA 🔥🔞

Me esforcei o máximo pra ficar bom, espero que gostem...

Boa leitura...

Capítulo 32 - Cap. 32


* Marinette On *

Assim que chego na casa do Adrien, saio do carro e fico esperando o mesmo na porta de sua casa enquanto ele vai estacionar o carro, assim que ele estaciona ,ele sai e vem em minha direção para entrarmos. Entro e vamos até o seu quarto.

M- Eu vou tomar um banho!

A- Estar bem! Tem toalhas no banheiro, se precisar!

M- Obrigada !

Vou até o banheiro e tiro as minhas roupas, eu estava agoniada para tirar essas porras.

LIVRE ESTOOU!!

( A : NÃO POSSO MAIS ME SEGURAR!!)

FROZEN...

Tomo um banho demorado, e fico pensando se eu transo ou não com Adrien.

QUE PORRA DE PENSAMENTO!!

Depois do banho saio e pego as toalhas e me seco.

M - Puta que pariu! Eu esqueci as roupas!

Vou até a porta e abro ela uma brecha, vejo Adrien sentado na cama mexendo no seu celular e minha bolsa com roupas dentro que estava perto da porta.

Agora Fudeu!

M- A-Adrien?

A- O que foi Mari?

M- Pode me dar a minha bolsa, pois esqueci de trazer ela comigo!

A- Claro!

O mesmo pega a bolsa no chão e vem em minha direção para entrega -lá abro a porta para pegar a bolsa e vejo o mesmo me olhando dos pés à cabeça ainda com toalha, fecho a porta rapidamente e ouço o loiro rindo do lado de fora. Tiro da bolsa uma blusa meio transparente e um short curto, as visto e me olho no espelho.

NÃO DEVIA TER ESCOLHIDO ESSA ROUPA! !

AH, QUER SABER,FODA - SE!

Saio do banheiro e deixo a bolsa no canto do quarto e vejo Adrien me olhando de baixo pra cima, vou em direção a sua cama e deito de bruços, o short dava pra aparecer um pouco da minha bunda e vejo o loiro engolir seco.

A- E-Eu vou tomar um banho!

O mesmo diz e sai correndo pro banheiro.

Alguns minutos depois vejo Adrien saindo do banheiro ainda de toalha.

QUE ISSO PAPAI??

Que corpo ,céus , acho que eu tô molhada.

O mesmo me encara um pouco confuso e curioso.

A- O que foi?

M- N-Nada!

Me viro de volta pra parede.

Sinto a cama se movimentar um pouco  e percebo que era Adrien se deitando  na cama, o mesmo fica de costas pra mim.

Eu não conseguia dormir, então me levantei e fui para uma pequena varanda que tinha ali, e fiquei observando as estrelas, estava tão distraída que levo um susto quando vejo Adrien ao meu lado.

M- Que susto Adrien! Vai matar outro do coração!

A- Haha ,desculpa Mari, não quis te assustar!

M- De boa! O que faz aqui? Achei que estivesse dormindo.

A- Eu não conseguir dormir, então vi você vindo pra cá e resolvi vim também!

M- Ah sim! Adrien, posso te perguntar uma coisa?

A- Claro Mari!

M - Bom ,passei esses dias pensando em...Se você sente algo por mim além de uma amizade?

O mesmo arregala os olhos e olha pro céu.

A- Sim Mari! Eu sinto que eu te amo.

Eu arregalo os olhos de surpresa com o seu comentário.

M- A-Adrien...Eu também te amo!

O mesmo me puxa para perto de si e ataca os meus lábios.

Que saudades eu tava desses lábios, o loiro me beijava com amor e desejo, cruzo as minhas pernas em sua cintura e o mesmo nos leva até a cama.

A- Você quer isso mesmo ?

M- Essa noite eu quero ser sua! Me faça sua Adrien!

O mesmo sorrir e me beija novamente, o seu beijo desce até o meu pescoço deixando marcas e mordiscava, suas mãos passeavam pela minha cintura o mesmo tira a minha blusa me deixando de sutiã, o mesmo começa a beijar o colo dos meus seios me fazendo gemer, o mesmo abre o meu sutiã deixando meus seios opostos, ele fica os observando em alguns instantes e começa abocanhar o meu seio direito fazendo movimentos com sua língua me fazendo gemer alto.

M- A-Adrien...Hã...

Adrien faz o mesmo esquema com o esquerdo, o mesmo desce o Beijo até a minha barriga e a minha virilha chegando perto da minha intimidade, o loiro abaixa o meu short me fazendo ficar apenas de calcinha, o mesmo começa a beijar a minha intimidade por cima da calcinha, aquele local queria mais contato, meu corpo estava em chamas , o mesmo abaixa a minha calcinha me deixando oposta à ele, Adrien começa a beijar os lábios maiores e começa a me penetrar com sua língua me fazendo gemer alto, e beijando o meu clitóris, o mesmo me penetra com um dedo, depois dois dedos, e depois três, eu estava perto do meu limite.

M- Hã...Adrien...oh...

Eu gemia o seu nome.

Algumas estocadas, gozei no dedo do loiro, o mesmo chupa os dedos provando do meu mel.

A- Você é doce.

M- Agora é minha vez de brincar!

Coloco Adrien deitado na cama ficando por cima dele, comeco já beijando os seus lábios e desço os beijos para o seu pescoço deixando marcas ali, tiro a sua blusa e jogo num canto do quarto, vou descendo os beijos até a sua virilha, tiro o seu short o deixando apenas de cueca, volto a beijar os seus lábios em massageando o seu membro ainda por cima da cueca, tiro a sua cueca devagar revelando seu membro grande e grosso, muito melhor dos outros caras. Abocanhei sem dó, fazia movimentos de sobe e desce, beijava a cabeça e sentir seu membro pulsando sabia que ele estava quase perto, aumentei mais os movimentos e ele gozou.

A- Acho que eu tô no paraíso!

M - Então deixa eu ainda posso te levar ainda mais!

Fiquei por cima e penetrei sem avisar.

A-Ah....M-Mari...V-Você é...Tão...Hã...Apertada...oh

M- A-Adrien...Ah...

Rebolava sobre o seu membro com força, subia e descia, o mesmo segura a minha cintura para que eu possa ir mais fundo.

Adrien me deita sobre a cama ficando por cima, o mesmo me penetra sem avisar ainda com força...

M- Porra...A-Adrien...M-Mais rápido...Hã...

O mesmo dar as estocadas mais rápidas, estava quase chegando perto ,então viro ele o deitando de novo na cama e me penetrando novamente, começo a rebolar com força e rapidez .

A- M-mari... Hã...

Sentia seu membro pulsando dentro de mim, sabia que ele estava perto, então aumentei a velocidade das estocadas e o mesmo levanta a sua cintura e percebo que o mesmo havia gozado, fiz mais algumas estocadas e gozei.

Me deitei sobre o seu corpo, nossas  respiração estava descontroladas, ofegavamos ao mesmo tempo, então deito na cama e o mesmo me puxa para me deitar em seu peito.

A- Eu te amo!

M- Também te amo Adrien!

Estávamos tão cansados que dormimos sem percebermos.

Continua...





Notas Finais


EU TÔ COM UMA PUTA VERGONHA AQUII GENTEEE

Enfim, espero que tenham gostado. .

Até o próximo capítulo

Bjss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...